Revolução de Ferro - ON

Avatar do usuário
ThePortal
Mensagens: 92
Registrado em: 27 Jun 2017, 18:39
Localização: São Bernardo do Campo - SP
Contato:

Re: Revolução de Ferro - ON

Mensagem por ThePortal » 07 Out 2017, 01:11

Terminus sentou-se na poltrona mais distante de Shivara, costas para a parede. Seus movimentos pareciam lentos e fluidos, como se levasse uma eternidade para executar uma simples ação. A única parte destoante eram seus olhos, fixos no grupo do Império mais adiante. Na realidade, era fácil perceber que estavam fixos na massiva figura imponente de Felticitus. Era impossível não perceber uma pressão quase física naquele olhar.

Apesar disso, o monge dividiu sua a atenção para notar o máximo de detalhes nos membros daqueles grupos. Ainda que a estranha linguagem dos representantes de Vectoria e a visão de tamuranianos chamasse sua atenção, o que quer que estivesse acontecendo na Liga foi o que mais o deixou curioso. Não conseguia discernir o que poderia ser, mas algo de estranho havia ali.

Dirigiu um olhar silencioso e significativo para Althair, apontando com um leve movimento de cabeça para a direção da Liga.
"Se quiser ser alguém na vida, devore os livros"
(Seu Madruga)

PbF's:
Ex-Heróis: Mathew Morgan / Borrão
Revolução de Ferro: Terminus Odehar
Contra Arsenal: O Doutor

Avatar do usuário
Wiccan
Mensagens: 544
Registrado em: 20 Set 2016, 10:36

Re: Revolução de Ferro - ON

Mensagem por Wiccan » 07 Out 2017, 17:55

Um mês havia se passado, muita coisa aconteceu e acabei por me aproximar mais de Terminus e Altahir e conhece-lo mais um pouco, eram muito diferentes do que estava acostumada, porém boas pessoas. Minha mente apenas tentava se manter sã enquanto escrevia tudo o que conseguia lembrar doa taque e nos dias que vieram a diante, detalhes de possíveis estrategias os aliados e suas técnicas de luta, sempre que minha memoria me trazia um flash ou um sonho me mostrava uma revelação eu ia para os pergaminhos e escrevia. A surpresa maior veio quando dias antes da reunião marcada ao adentra meu quarto provisório lá estavam parte dos meus itens pessoais.

A viagem não demorou muito, foram trasportados magicamente e logo estávamos adentrando um enorme palácio, bem adornado e magnânimo. Acompanhava Teminus e Althair de perto observando a arquitetura e arte do lugar. Antes de entrarmos na sala ouvi um latido e Shiuov apareceu correndo pulando em mim, me agachei sorridente fazendo carinho nela, ela parecia está com saudade se eu também, aquilo era um bom sinal, talvez todos estivessem bem. Entramos na sala onde a reunião aconteceria e e olhei todas as pessoas que estavam ali e que conseguia ver, as mais próximas eram melhores para observar, olhou seria para o goblim e então ignorei os demais girando o corpo prestando atenção no ambiente e nas possíveis rotas de fuga. Havia apenas uma porta e não havia janelas "Sem janelas? Por que?" Em caso de um emboscada será uma espaço minusculo para uma batalha enorme que se sucederia ali, o general bugbear era quase tido como um deus na terra e não duvidava disso ,sozinho seria capaz de matar todos naquela sala sem falar que não tinha como saber quem eram inimigos ou aliados.

Fui até onde Althair e Terminus estavam falando em um tom baixo.
Imagem
-Só há uma rota de fuga dessa sala e não ha janelas, se isso for uma armadilha estamos em uma bem grande, é melhor ficarem atentos.
Imagem

Avatar do usuário
Aldenor
Mensagens: 17200
Registrado em: 09 Dez 2013, 18:13
Localização: Curitiba, PR

Re: Revolução de Ferro - ON

Mensagem por Aldenor » 08 Out 2017, 16:26

O mês em suas terras nem parecia um prenuncio da importante reunião que poderia mudar os rumos políticos de Arton para sempre. Althair distanciou sua mente dos pensamentos pesados e tentou aproveitar as cavalgadas pelo ducado de Castell e a presença da bela Aktia, a "princesa selvagem". O termo parecia pejorativo, mas Althair não pensava assim, embora não fizesse questão de interpelar sobre seus títulos e honrarias. O jovem guerreiro na verdade tinha preguiça enorme pela formalidade aristocrática e deixou claro isso quando andava Aktia quase todos os dias. Althair não negligenciou o outro convidado. Terminus era mais estoico, centrado e gostava de treinar todos os dias seguindo sua rígida disciplina tamuraniana. Mesmo que não tivesse seu empenho, Althair o acompanhava vez ou outra para ele também não enferrujar suas técnicas de luta.

Por fim, este fora um mês calmo sem grandes percalços. Soube mais da vida do minauro e da "princesa selvagem" e eles mais sobre suas aventuras pelo Reinado.

Quando o fatídico dia chegou, Althair vestiu sua armadura polida e um gibão de veludo dourado com detalhes em preto e branco. Eram as cores da família Maedoc, não do ducado de Castell (que era azul e branco). Althair sentia-se representar mais sua família do que ao seu reino.

Quando estavam todos reunidos, o guerreiro passou os olhos por todos os convidados. Anões de Doherimm e um misterioso homem com ares solenes; minotauros do Império com seu sumo-sacerdote; os excêntricos da Liga Independente; os exóticos tamuranianos (e seu membro não-tamuraniano?!); os conjuradores de Vectora e finalmente os goblinoides da Aliança de Ferro.

Althair respondeu o meneio com a cabeça de Terminus bebendo sua taça de vinho e dando de ombros mostrando sua falta de expectativas para aquele grupo da Liga. Em seguida, Aktia aproximou-se falando em um tom um pouco maior que um sussurro e mesmo assim denotava sua imponência.
Althair
Imagem
Se for mesmo uma armadilha, a Imperat... digo, lady Shivara certamente tem seus planos de contingência. Não me preocupo com isso. Agora é um momento para discussão política... e acredito, bela Aktia, que devemos ser incisivos na demanda de seu povo para repararmos a qualquer custo a injustiça feita.
Ele começou a falar num tom ameno, mas depois cerrou o punho para mostrar seu apoio à "princesa selvagem". Ao longo do mês, inclusive, Althair ratificou algumas vezes como ele, particularmente, tomaria a causa para si - embora não pudesse comprometer a Casa Maedoc.
Imagem Imagem Imagem Imagem

Imagem Imagem

Avatar do usuário
ThePortal
Mensagens: 92
Registrado em: 27 Jun 2017, 18:39
Localização: São Bernardo do Campo - SP
Contato:

Re: Revolução de Ferro - ON

Mensagem por ThePortal » 08 Out 2017, 20:11

Terminus emendou para Aktia, mantendo o tom baixo reservado.
Terminus
Imagem

Também me incomoda esse ambiente, mas se servir de consolo Aktia, eu duvido muito que uma armadilha dessa natureza esteja em curso aqui. Há poderes demais envolvidos para algo tão cru. Althair tem razão: se há alguma armadilha aqui, é política. O perigo físico aqui não é imediato, mas é provavelmente maior que o simples fio de uma espada.
Terminus tomou o cuidado de adicionar um leve sorriso para a jovem. Ele era reservado, mas no último mês havia desenvolvido uma certa afeição pelos dois companheiros. Althair tinha uma energia contagiante, e ainda que fosse um pouco indisciplinado para os padrões de Terminus, ele tinha intenções puras que agradavam o monge. Treinou algumas vezes com ele, o que foi revigorante - tinha um conjunto de habilidades diferente do seu próprio e do que costumava enfrentar. Aktia, por outro lado, despertava um sentimento de leve tristeza pela situação que ela se encontrava - a tragédia pessoal dela encontrava ecos em sua própria. Seus modos eram altivos, mas não despertavam nele o mesmo asco que os minotauros do Império. Terminus passou com eles um tempo que outros poderiam achar breve, mas para os modos reservados do minauro era de uma intimidade única.

Voltou a lançar mais um olhar na direção do grupo de minotauros antes de se voltar aos seus. Havia contado algumas poucas histórias da guerra (em especial para Althair, que demonstrara grande interesse nos fatos da Guerra), então todos ali sabiam bem os sentimentos dele. Terminus jurou solenemente para Shivara que não seria precipitado ou leviano em sem comportamento em relação a Felticitus ou a comitiva do Império como um todo, e sua palavra valia mais que sua vida. Mas isso não impedia de observar com atenção um dos pivôs de seu exílio.

Mas era paciente. A maré voltaria a subir... talvez até antes do que o esperado.
Editado pela última vez por ThePortal em 09 Out 2017, 08:38, em um total de 1 vez.
"Se quiser ser alguém na vida, devore os livros"
(Seu Madruga)

PbF's:
Ex-Heróis: Mathew Morgan / Borrão
Revolução de Ferro: Terminus Odehar
Contra Arsenal: O Doutor

Avatar do usuário
ISMurff
Mensagens: 3260
Registrado em: 10 Dez 2013, 13:50

Re: Revolução de Ferro - ON

Mensagem por ISMurff » 09 Out 2017, 06:36

Monikka se posta ao lado de lorde Moira como uma verdadeira guarda-costas. Era seu dever cuidar da segurança de sua senhora e para isso ela não pretenderia falhar. Ela observa a todos os grupos atentamente, dos mais próximos aos mais distantes de sua mesa, observando com cuidado cada um e tentando prever alguma intenção maligna para com ela e os representantes da Facção das Sombras.
Farei testes de Percepção e Intuição para perceber algo de estranho.
Monikka está vestida a caráter como uma guerreira anã. Sua armadura possui as cores de sua família (o prata e o negro fosco). Seus cabelos, sempre soltos, estavam presos em tranças, um penteado tradicional anão utilizado por mulheres solteiras da capital. Nunca foi muito preocupada com a aparência, mas nesta situação o decoro solicitava algo do tipo. Ela se senta logo após Moira sentar-se, e mantém suas mãos apoiadas no Machado Sombrio, deixado em descanso com a lâmina para baixo tocando chão. Ela nunca gostou do cheiro do fumo dos halflings, e se admirava ao ver que seu pai não era o único que apreciava a especiaria.
"Barbárie é o estado natural da humanidade. A civilização não é algo natural. É um capricho de circunstância. O barbarismo há de triunfar sempre no final."

- Robert E. Howard

Avatar do usuário
Wiccan
Mensagens: 544
Registrado em: 20 Set 2016, 10:36

Re: Revolução de Ferro - ON

Mensagem por Wiccan » 09 Out 2017, 09:26

Ainda em pé ouvia o que Althair e Terminus tinham a dizer, ponderei por um tempo naquelas palavras e e respirei fundo, talvez estivesse paranoica demais afinal o ataque a Akatra nos pegou desprevenidos, não tinha como saber se não havia infiltradores da Aliança naquela sala. Caminhei até a cadeira que me era reservado e inclinei novamente para os dois diminuindo o tom da voz.
Imagem-Talvez vocês tenham razão, devo estar um pouco paranoica devido ao ataque a minha cidade...Porém ainda sim não gosto dessa situação, sei que é necessária,mas não me parece justa eles invadiram e mataram meu povo e em vez de julga-los pelos seus crimes de guerra marcamos um banquete para conversar, estou aqui lutando contra meu instinto de vingança para que minhas atitudes não reflitam no meu povo aprisionado.
Ergui o copro e encarei Shivara por um tempo tentando imaginar o que estava passando na cabeça dela e qual seriam os planos do Reinado, odiava estar por fora dos assuntos importantes principalmente quando meu povo estava envolvido. Por mais que mostrassem que não sabem de nada meu instinto insiste em acreditar que alguém dentro do Império sabia, ma de tão absurdo que era a informação, simplesmente ignorou e agora estão movendo todos para corrigir a falha e tentar entender as intenções do inimigo que ao meu ver são bem claras. Dominação.

Peguei a bebida que nos era oferecida e murmurei algumas palavras mágicas sobre ela antes de toma-la, era um ritual que sempre fazia em reuniões como aquela, não se sabe quantos inimigos estão jantando ao seu lado ou trabalhando em sua cozinha. Olhei para Shivara novamente tomando um gole longo da bebida , era saborosa, limpei com a língua um pouco do liquido que escorria pelo canto da boca e respirei fundo me dirigindo a Sharpblade.
Imagem-Perdoe a minha intromissão vossa graça, primeiramente agradeço por ter recuperado parte dos meus itens pessoais em segundo gostaria de saber se há noticias sobre as condições do meu povo aprisionado pelos invasores se estão bem, principalmente do meu pai, ele estava muito doente quando a invasão ocorreu.

Desta vez não fazia questão de ser discreta, falava num tom que pudesse ser ouvida não só pela pessoas da sua mesa como também das outras mesas, meus olhos percorriam sutilmente ada uma delas tentando perceber suas reações, principalmente a do goblim.

Aktia usou detectar veneno na bebida. Teste de Percepção; Resultado 20
Imagem

Avatar do usuário
Senimaru
Mensagens: 3960
Registrado em: 22 Jul 2015, 21:23

Re: Revolução de Ferro - ON

Mensagem por Senimaru » 10 Out 2017, 04:46

Capitulo 1 - A reunião nas Nuvens

Monikka Shadowaxe

Monikka passava seus olhos sobre todos na sala, a procura de algum indicio de intenções ruins contra sua Regente mas não captou nada alem do que sentiu quando entrou, exceto que o grupo do Reinado estava meio agitado, principalmente uma das mulheres que falou uma palavras num tom bem alto, como se quisesse que todos ouvissem mas aparentemente ninguém se importou, a unica reação foi um pequena risada rápida do goblin no recinto.

Althair, Terminus e Aktia

Aktia via inimigos por toda parte e sua agitação era notada sutilmente pelos outros dentro do recinto. Murmurou palavras magicas para verificar se a bebida estava com um algo a mais..... mas não encontrando nada sorveu o liquido logo em seguida se dirigindo a Shivara num tom alto proposital, esperava que os outra ouvissem e pudesse tirar algo de suas reações.
Shivara
Imagem
Sei apenas que foram cedidos seus pertences a pedido de seu pai e isso indica que ele esta vivo... Na próxima vez que que quiser me perguntar algo não use esse tom. Não estamos na União Purpura, aqui as coisas são diferentes.
A maioria dos presentes na sala a ignoraram, aparentemente era apenas uma selvagem que não sabe se portar.... exceto o goblin por qual tanto se interessava, este depois das palavras de Aktia deu uma pequena risada rapida.
ImagemImagemImagem


Me? Mad? Haha... quite likely!

Avatar do usuário
Wiccan
Mensagens: 544
Registrado em: 20 Set 2016, 10:36

Re: Revolução de Ferro - ON

Mensagem por Wiccan » 10 Out 2017, 11:39

Olhava o liquido dentro do recipiente em minha mão enquanto ouvia sobre meu pai ainda estar vivo, o conhecia bem e ele deve ter feito uma cordo rpa manter sue povo vivo tudo o que aprendeu aprendeu com ele porém seu modo antitradicionalista era mal visto por parte do povo de Akatra e temia que o acordo gere uma revolta civil, seria complicado corrigir algo assim. Respirou fundo e levantou os olhos em direção a Shivara, esperava mais da mulher que tinha sido imperatriz, minha feição se fechou e a admiração que havia tido por ela no primeiro encontro foi trocada por um desprezo. Engoli seco e aquilo em vez perder a vontade de beber, dei um sorriso desdenhoso e coloquei a bebida sobre a mesa.
Imagem-Certamente que não.
Me levantei e passei a mão no vestido organizando-me, me afastei um pouco da mesa fazendo uma reverencia estereotipada segurando cada aba do vestido levantando-a sutilmente enquanto inclinava os joelhos enquanto mantinha um sorriso no rosto, me virei de costas par a mesa ficando séria em seguida caminhando em direção da mesa onde haviam os anões , uso da cordialidade anã fazendo uma reverencia de respeito.
Imagem-Well met fellow. Espero não estar interrompendo uma conversa importante, sou Aktia vom Akatra, fiz questão de vir aqui cumprimenta-los pessoalmente. Akatra sempre teve uma relação amistosa com os anões principalmente no comércio de minerais, Akatra não seria o que é hoje se não fosse por seu povo, é uma honra conhecê-los...quer dizer...era.
Imagem

Avatar do usuário
Aldenor
Mensagens: 17200
Registrado em: 09 Dez 2013, 18:13
Localização: Curitiba, PR

Re: Revolução de Ferro - ON

Mensagem por Aldenor » 10 Out 2017, 18:52

Althair via Aktia se aproximar de lady Shivara e a resposta um pouco forte. Althair coçou seu queixo liso pensando que a ex-Imperatriz realmente não gostava de ser chamada de "vossa graça".

Antes que ele tomasse alguma atitude, a "princesa selvagem" se moveu até os anões. Estava circulando, procurando conhecer as peças do tabuleiro? Era uma manobra arriscada, pois se colocava em evidência. O risinho do goblin empolado em suas caras roupas o deixou um pouco consternado. Althair caminhou até ele e o olhou sem inclinar o rosto para baixo.
Althair
Imagem
É uma reunião deveras importante mesmo, não é? O mundo como conhecemos pode mudar totalmente com o que for dito aqui. Acho que desde o Conselho em que Mitkov foi destronado não havia uma reunião tão importante quanto.
Chegou dizendo ao goblin.
Althair
Imagem
Então, eu não entendi mesmo... o que poderia ser engraçado aqui.
Disse, agora, inclinando o rosto para olhá-lo com seriedade. Sua armadura reluzia por baixo do gibão adornado. Sua bainha dourada era um mimo exagerado, mas Althair sabia da importância da ostentação. Estar apresentável, "fantasiado" de nobre daquele jeito era um meio de dizer que a Casa Maedoc era poderosa.
Imagem Imagem Imagem Imagem

Imagem Imagem

Avatar do usuário
ISMurff
Mensagens: 3260
Registrado em: 10 Dez 2013, 13:50

Re: Revolução de Ferro - ON

Mensagem por ISMurff » 10 Out 2017, 20:06

Monikka arqueia uma da sobrancelhas ao observar a aproximação de uma jovem humana em um vestido deveras exótico. Talvez fosse algo para se preocupar. A jovem então dirige sua palavra ao grupo. Provavelmente ela não conhece os representantes da Facção das Sombras, pois sua fala não se dirige especificamente a lorde Moira. Isso faz com que a guerreira anã se despreocupasse um pouco com o possível perigo que a mulher poderia trazer. Ela então fita lorde Moira rapidamente, esperando alguma possível reação de sua senhora ao cumprimento da humana em frente ao grupo.
"Barbárie é o estado natural da humanidade. A civilização não é algo natural. É um capricho de circunstância. O barbarismo há de triunfar sempre no final."

- Robert E. Howard

Responder

Voltar para “Revolução de Ferro”