TRPG - Herdeiros da Guerra (OFF) (Vagas)

Avatar do usuário
Aquila
Mensagens: 3394
Registrado em: 10 Dez 2013, 13:49
Localização: Lamnor
Contato:

Re: Tormenta RPG - Herdeiros da Guerra (OFF) (Sem Vagas)

Mensagem por Aquila » 26 Nov 2017, 11:36

Aldenor escreveu:Aquila, eu tô pensando em mudar de boneco também... mas claro, depois da resolução dessas coisas aqui.
Eu estou esperando as ações de todos para explicar a situação dos personagens, mas o evento que está acontecendo pode inevitavelmente colocá-los em um situação em que todos precisarão fazer isso, para evitar a própria destruição (embora não da maneira que estejam imaginando). Havia a possibilidade disso não acontecer, mas a morte de Jinx foi decisiva para os eventos que estão por vir.
Lucena escreveu:Não irei postar nos próximos dias por obrigações da faculdade. Volto em brece Aquila.
Se for preciso, assumirei então que Crystalia segue com Trevor e seu acrobático serviçal.

Avatar do usuário
John Lessard
Mensagens: 5204
Registrado em: 10 Dez 2013, 11:03
Contato:

Re: Tormenta RPG - Herdeiros da Guerra (OFF) (Sem Vagas)

Mensagem por John Lessard » 27 Nov 2017, 21:19

Aquila, John pode/consegue pegar a alabarda do Jinx? Ela não terá utilidade em luta pra ele, mas como uma lembrança boa e ruim ao mesmo tempo.
Personagens em Pbfs:
Imagem Imagem Imagem Imagem Imagem

Avatar do usuário
Aquila
Mensagens: 3394
Registrado em: 10 Dez 2013, 13:49
Localização: Lamnor
Contato:

Re: Tormenta RPG - Herdeiros da Guerra (OFF) (Sem Vagas)

Mensagem por Aquila » 27 Nov 2017, 22:15

John Lessard escreveu:Aquila, John pode/consegue pegar a alabarda do Jinx? Ela não terá utilidade em luta pra ele, mas como uma lembrança boa e ruim ao mesmo tempo.
Consegue pegar, sim.

Avatar do usuário
Mælstrøm
Mensagens: 1417
Registrado em: 09 Set 2016, 17:51

Re: Tormenta RPG - Herdeiros da Guerra (OFF) (Sem Vagas)

Mensagem por Mælstrøm » 01 Dez 2017, 16:18

"Uma poeira fina como pólen cobre o ar, dando ao ambiente um"

Acredito que tenha faltado um texto aqui: viewtopic.php?p=132149#p132149

Avatar do usuário
Aquila
Mensagens: 3394
Registrado em: 10 Dez 2013, 13:49
Localização: Lamnor
Contato:

Re: Tormenta RPG - Herdeiros da Guerra (OFF) (Sem Vagas)

Mensagem por Aquila » 01 Dez 2017, 23:20

Mælstrøm escreveu:"Uma poeira fina como pólen cobre o ar, dando ao ambiente um"

Acredito que tenha faltado um texto aqui: viewtopic.php?p=132149#p132149
Obrigado por me avisar.

Desde que perdi toda uma mensagem, ainda no meu primeiro PbF, peguei o hábito de copiar o que escrevo para um arquivo. Quando não consigo enviar no momento, acabo deixando para o outro dia. Eu reviso antes, mas, mesmo assim, algumas vezes altero algo na hora e mando assim mesmo, para continuar a cena o quanto antes.

Vou corrigir, mas não havia nada de mais, apenas um elemento para ajudar a imaginar a sala, e antecipar um elemento que está por vir.

Um detalhe sobre o post de Ludmila é que mesmo olhando para baixo, não há como ver nada além de neblina cercada por escuridão. A fortaleza onde todos estavam não ficava longe da torre caída, mas mesmo assim pôde mais ser vista depois que ela subiu. O motivo disso será explicado pelo guerreiro já na resposta.

Avatar do usuário
Aquila
Mensagens: 3394
Registrado em: 10 Dez 2013, 13:49
Localização: Lamnor
Contato:

Re: Tormenta RPG - Herdeiros da Guerra (OFF) (Sem Vagas)

Mensagem por Aquila » 05 Dez 2017, 22:33

O Aldenor me disse que está descontente com os rumos da aventura, que o ritmo o desmotivou um pouco, então gostaria de saber se essa é a opinião geral, pois então certamente estou no caminho errado e tudo que fazemos perde o sentido.

Como eu disse para o Aldenor, a aventura estava definida para seguir uma trama mais política, mais guerra e espionagem, baseada nos acontecimentos que têm agitado esse lado de Deheon, quase abandonado pela coroa, mas em determinado momento senti que isso não era o que o grupo queria e decidi dar uma chacoalhada nas coisas, literalmente. A trama seguiria por um bom caminho esse lado político, colocando os personagens no meio de um conflito que definirá os rumos do reino, algo mais de acordo com o meu estilo, eu acho, mas que foge do que muitos estão acostumados.

Foram semanas jogando uma passagem de dois dias, sim, mas justamente quando a trama evoluiria para algo mais intenso, percebo que agora pode ser tarde demais. Na minha opinião, foram dois dias intensos que exigiam essa atenção, mas isso não seria uma constante da aventura, não cansei de repetir. Pelo contrário, certamente haveriam momentos de passagem de tempo, mas em nenhum momento o grupo mesmo permitiu essa passagem pela intensidade com que agiam.

Aldred, por exemplo, sempre foi um personagem intenso, então cada momento em que agia era algo especial, então eu não percebi que o jogador realmente não estava gostando do ritmo da aventura, diferente do padrão de outros PbFs propositalmente.

Certamente eu reconheço que meu estilo não é dinâmico, mas por um momento eu considerei que essa diferença poderia ser interessante. Vale a dica para (possíveis) jogadores de minhas (possíveis) aventuras.

------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Eu disse para o Aldenor que se ninguém estiver gostando do ritmo, matamos a aventura sem dó nem piedade (eu não me preocupo), mas também podemos considerar os últimos eventos como uma ruptura na realidade que foi facilmente restaurada e continuar de onde paramos, do encontro de todos na fortaleza.

O que decidirem está bom para mim.

Avatar do usuário
Lucena
Mensagens: 4033
Registrado em: 13 Jan 2015, 21:24

Re: Tormenta RPG - Herdeiros da Guerra (OFF) (Sem Vagas)

Mensagem por Lucena » 06 Dez 2017, 09:11

Eu na verdade estou gostando mais da nova direção. Mais emocionante e misteriosa.
Everything Lives!

Código: Selecionar todos

[quote="Pelleas"][img]https://i.imgur.com/qkSeY1p.png[/img]
 [/quote]

Avatar do usuário
John Lessard
Mensagens: 5204
Registrado em: 10 Dez 2013, 11:03
Contato:

Re: Tormenta RPG - Herdeiros da Guerra (OFF) (Sem Vagas)

Mensagem por John Lessard » 06 Dez 2017, 09:59

Aquila escreveu:O Aldenor me disse que está descontente com os rumos da aventura, que o ritmo o desmotivou um pouco, então gostaria de saber se essa é a opinião geral, pois então certamente estou no caminho errado e tudo que fazemos perde o sentido.

Como eu disse para o Aldenor, a aventura estava definida para seguir uma trama mais política, mais guerra e espionagem, baseada nos acontecimentos que têm agitado esse lado de Deheon, quase abandonado pela coroa, mas em determinado momento senti que isso não era o que o grupo queria e decidi dar uma chacoalhada nas coisas, literalmente. A trama seguiria por um bom caminho esse lado político, colocando os personagens no meio de um conflito que definirá os rumos do reino, algo mais de acordo com o meu estilo, eu acho, mas que foge do que muitos estão acostumados.

Foram semanas jogando uma passagem de dois dias, sim, mas justamente quando a trama evoluiria para algo mais intenso, percebo que agora pode ser tarde demais. Na minha opinião, foram dois dias intensos que exigiam essa atenção, mas isso não seria uma constante da aventura, não cansei de repetir. Pelo contrário, certamente haveriam momentos de passagem de tempo, mas em nenhum momento o grupo mesmo permitiu essa passagem pela intensidade com que agiam.

Aldred, por exemplo, sempre foi um personagem intenso, então cada momento em que agia era algo especial, então eu não percebi que o jogador realmente não estava gostando do ritmo da aventura, diferente do padrão de outros PbFs propositalmente.

Certamente eu reconheço que meu estilo não é dinâmico, mas por um momento eu considerei que essa diferença poderia ser interessante. Vale a dica para (possíveis) jogadores de minhas (possíveis) aventuras.

------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Eu disse para o Aldenor que se ninguém estiver gostando do ritmo, matamos a aventura sem dó nem piedade (eu não me preocupo), mas também podemos considerar os últimos eventos como uma ruptura na realidade que foi facilmente restaurada e continuar de onde paramos, do encontro de todos na fortaleza.

O que decidirem está bom para mim.
Bem, vamos lá...

Como eu havia dito antes, um dos fatores que estava me incomodando era o ritmo. A narração de eventos tão pontuais faziam o jogo se tornar arrastado. Nós interagimos muito dentro do forte, mas era possível ter adiantado para outro ponto da história sem grandes problemas. Neste momento o jogo esfriou muito.

Quanto ao tema, eu não tinha nada contra, estava adorando, para falar a verdade. John estava esperando o restante dos bandidos, preparando defesas e imaginando quais outros perigos o forte guardaria para ele e seu grupo... Mas nada disso aconteceu. Um castelo caiu do céu e quando fomos investigar, fomos tirados da quest que estávamos engajados. Eu confesso, sinceramente, que no fundo achei que tivesse alguma relação, mas no fim não teve...

Acho que o evento foi um pouco exagerado, fugindo do estávamos lidando, que como disse, não tinha problemas para mim, exceto pelo ritmo. Acho que haveria espaço para o castelo caindo se a proposta fosse outra ou quando finalmente resolvêssemos os problemas do forte e partíssemos para outra aventura, mas agora, não. Eu realmente estava engajado em lutar contra os bandidos, lutar contra aranhas e confrontar o nobre maligno por trás de tudo. Se eu ou John tivéssemos escolha ou alguma informação a respeito, nunca teríamos subido no castelo, nunca teríamos "abandonado" aquelas pessoas e os gnolls a mercê de uma retaliação dos bandoleiros.

Agora fingir que tudo foi um sonho, uma alucinação, eu particularmente, acho um pouco forçado, uma desculpa meio esfarrapada na história.
Personagens em Pbfs:
Imagem Imagem Imagem Imagem Imagem

Avatar do usuário
Aldenor
Mensagens: 17588
Registrado em: 09 Dez 2013, 18:13
Localização: Curitiba, PR

Re: Tormenta RPG - Herdeiros da Guerra (OFF) (Sem Vagas)

Mensagem por Aldenor » 06 Dez 2017, 12:24

A interação é sempre legal. É bom interpretar e tal. Mas chega uma hora que é preciso avançar com os eventos, não apenas esperar que os jogadores sempre conduzam tanto. No caso específico, com a gente acordado noite adentro, podíamos começar a sentir cansaço e ao invés de ficar caçando o que fazer, poderia ter nos dito que era melhor dormir pra evitar a fadiga. Nós como jogadores não temos como saber disso, pq é da parte do mestre essas ingerências. Eu mesmo fui intenso, como Aquila colocou, porque o pbf não é um jogo contínuo. Para se pegar o fio da meada dos posts anteriores é difícil. Pegar a sensação contínua e tal. Eu fiquei buscando coisa pra fazer, criando reflexões, etc... quando na verdade eu poderia simplesmente receber um toque e ir dormir. Acho que o Zefy ficou insistindo pra gente ir dormir, mas sempre tinha algo, um gancho, algo pra fazer.

O tema mais político com os bandidos, com o envolvimento de Bellander, da companhia mercenária, do empreendimento solo de Ronnan... tava muito legal. Acho que a ruptura com a queda da Torre dos Libertadores foi muito brutal. E, pasme, como John falou, com a queda desse novo plot, a gente não dormiu ainda e tem mais e mais coisa pra fazer.

Isso é um ponto. Outro ponto é o ritmo narrativo. Acho que não tem nada de errado com ele, apenas é bem diferente do que estamos (pelo menos eu estou) acostumado nos outros PBFs, como os do John e do Maelstrom. Acho que a pegada detalhista casa bem com uma história focada, local, de resolução de coisas simples, onde os detalhes da história micro são mais importantes que a visão macro da coisa.

Um bom RPG pra isso é o do Game of Thrones (que eu conheço bem pouco das regras, embora manje bastante do cenário).

Como solução, eu não sei bem. Voltar ao ponto de antes e considerar a queda da Torre um sonho ou alucinação parece ruim, pois elimina a morte do Jinx que, querendo ou não, acabou sendo maneira. Mas depende do que o Dice achar, claro. Extinguir o jogo pode ser meio desagradável também... não sei.
Imagem Imagem Imagem Imagem Imagem Imagem

Imagem Imagem

Avatar do usuário
Aquila
Mensagens: 3394
Registrado em: 10 Dez 2013, 13:49
Localização: Lamnor
Contato:

Re: Tormenta RPG - Herdeiros da Guerra (OFF) (Sem Vagas)

Mensagem por Aquila » 06 Dez 2017, 12:50

Vamos continuar de onde estamos, pois os novos fatos devem elucidar alguns pontos que ficaram vagos depois do surgimento da torre, permitindo que o grupo saiba onde se meteu.

O grupo não dormiu? Bem, isso pode acontecer, mas nesse caso a dificuldade está ligada ao momento, sem duvida. Muitos personagens não dormem a um bom tempo, enquanto outros estão mais descansados, mas certamente não existe um padrão a ser seguido. Eu sei que os personagens estão cansados, não tenham dúvida, mas estou considerando muito o momento da trama para ditar o ritmo do sono, pois, acreditem, não há regras para isso no sistema.

Depois desse momento de conversa, todos poderão dormir, podem ficar tranquilos.

Responder

Voltar para “Herdeiros da Guerra”