Herança Tirânica [Finalizada]

Avatar do usuário
Maggot
Mensagens: 2138
Registrado em: 13 Jan 2014, 19:00

Re: Herança Tirânica

Mensagem por Maggot » 21 Abr 2019, 02:23

Após o combate, ninguém havia desejado servir de cobaia para Sabbah e pular na caverna dos tarantuloides. Uma pena. Quem sabe tivessem coisas interessantes? Nunca saberiam. Uma bela tragédia. A mente dele logo divagou para teorias arcanas, porém. Poder que o atraía de verdade, e ele já havia o visto. Não falava de magos, claro. Sabbah era um combatente. Armas em sua mão eram letais, como ele já havia mostrado vez e vez novamente. E ele sabia exatamente como combinar ambas. Otto havia, em seu sacrifício na caverna, o mostrado o que fazer. O resto ele estava preenchendo em sua cabeça faziam alguns dias, suas vantagens mentais lhe sendo altamente úteis no processo de engenharia reversa. Os livros do irmão de seu cliente, falecido dono da estalagem que havia queimado, eram desejados pois lhe permitiriam mais conhecimento já que ele era mago, mas naquela altura já eram inúteis. A teoria já estava toda formulada na cabeça de Sabbah. Como emular o treinamento formal de Otto. Estudar a Academia Magibélica quando mais novo junto de Konrad havia sido extremamente importante para todo o processo teórico. Os yudenianos haviam criado a arte.

Sabbah iria aprimorá-la.

O conceito por trás daquela forma de Conjuração era simples: moldar energia arcana em um material na forma de uma arma imaginada pelo conjurador. A arma não era eterna, e era reconhecida por Sabbah pelo termo "Fantasma", não pertencente ao "mundo natural", e que seria apagada como uma inconsistência ao fim de sua duração. Quanto melhor a imagem do Fantasma na mente do conjurador, mais estável seria o mesmo. Estudando forjas e esquematizações, ele conseguia melhorar a formação do objeto em sua cabeça.

O cálculo e ciência pelo qual Sabbah atingia o resultado era diferente do da Academia Magibélica, mas o resultado era o mesmo. A criação de armas como uma forma de magia arcana. Sabbah compensava a falta de treinamento formal com cálculos e formas diferentes, e agora acreditava estar chegando à um resultado. "Beli", ele chamava. Falsos, em dracônico. Não tendo o treinamento formal com armas, o lefou compensava falsificando as que conhecia de livros e histórias. Não apenas suas formas, mas suas histórias. Seu teorema para a arte magibélica dos Cavaleiros Arcanos não forjava armas; ele copiava lendas. Suas experiências, sua vida, cada mínimo detalhe. Cada golpe trocado. Tudo era emulado, formulado na cabeça para a criação das réplicas em um processo de sete passos.

"Julgar e decidir pelo conceito de criação da arma"
"Hipótese da estrutura básica"
"Duplicar a composição"
"Simular seus feitos"
"Empatizar com a experiência de crescimento da arma."
"Reproduzir os anos acumulados"
"Projetar"

O processo era reconhecido por ele sob o nome de Análise Estrutural, e era ativado na forma de uma programação mental pela forma da palavra arcana meditada "Ea".

E era durante esse processo mental que Sabbah foi chamado por Clarissa para ajudá-la com algo.

*

Aquilo havia certamente sido... curioso, na falta de termos melhores. Clarissa era boa em despertar sensações e emoções que Sabbah por muito tempo havia esquecido, e o tratamento final dela fora certamente mais que suficiente para despertar o interesse do rapaz. Mas aos olhos atentos, ele sempre parecia distraído, mesmo quando a aliada se tocava diante dele. A observava, claro. Mas seu subconsciente continuava trabalhando, e ocasionalmente era possível ver a boca dele se movendo junto de suas mãos.
Imagem
"Ea"
Não era sequer um ato consciente. Uma programação secundária embutida em sua mente. O foco à um nível doentio. Sim, Clarissa oferecia um caminho bom. Sexo era atraente, e ele não iria negar isso. A garota já havia firmemente colocado o mesmo naquela rede. Mas haviam coisas muito maiores. Ambição. Inventividade. Aquilo movia o rapaz. Seu teorema era o fruto de meses aonde mesmo seu sono era consumido apenas por isso. Tudo com o objetivo final em mente.

Poder.

Mais viciante que achbuld. Mais sedutor que mil carícias em seu corpo. Ela daria propósito para todas as mortes, todos os assassinatos. Todas as noites consumidas por dragões e batalhas. Todos os pesadelos derrotados. E a tempestade rubra. Tudo seria resolvido.

E entre Clarissa e Poder, Sabbah se via completamente seduzido. Bastava não revelar qual era a senhora dominante de seus mais profundos desejos.

**

O resto da viagem seguiu sem muitos problemas, com alguns olhares curiosos desviados para Clarissa sendo o mais chamativo por algum tempo. Depois de certo tempo cavalgando, houve a armadilha. Um buraco aonde Clarissa, Gwendolyne e Lyana haviam caído. Não conseguiu evitar um pequeno riso ao se deparar com a cena, enquanto ajudava a puxá-las para cima. E não muito tempo depois, o covil.

Imagem
- Hoen, a ideia de diplomacia é sua. Como vamos prosseguir, ó nobre Mitternach o Redentor?
Disse com uma provocação amigável.
Imagem
- Six shots...
#FreeWeizen

Avatar do usuário
Lord Seph
Mensagens: 13724
Registrado em: 09 Dez 2013, 17:50

Re: Herança Tirânica

Mensagem por Lord Seph » 21 Abr 2019, 14:14

O grupo avançava sem muitos problemas, exceto uma armadilha no meio do caminho que mais dá metade do grupo conseguiu desviar.
Imagem

<Sabbah, esse não seria seu trabalho?>
Ifrit fala bem humorado em Dracônico, mas ao ver Clarissa ferida seu semblante muda.
Imagem

Alguém deve querer que não avancemos, aqui deixa eu dar uma mão.
Ifrit ajuda a companheira a sair do buraco, mas deixou Hoen ajudar com o cavalo e a tal de Lyane.

Um tempo depois Ifrit apenas faz deliberações quando chegam ao destino, ou ao menos era isso que esperava.
Imagem

Ok, essa é uma boa hora para estratégias?

Então se desejarem qualquer truque mágico posso fazer sem esforço.
Ifrit fala baixo, deixando sua mente de mercenário trabalhar.


Melhor queimar do que apagar aos poucos.
-Neil Young.
o lema dos 3D&Tistas
"-seremos o ultimo foco de resistência do sistema"
Warrior 25/ Dark Knight 10/ Demi-God.

Avatar do usuário
RoenMidnight
Mensagens: 2021
Registrado em: 28 Jan 2014, 12:39

Re: Herança Tirânica

Mensagem por RoenMidnight » 21 Abr 2019, 19:22

A viagem estava sendo um tanto morosa após o combate. Ao pararem e ver Lyane preparando a clareira para descansarem, Hoenheinn sentou em uma pedra, puxou de dentro da mochila um pacote com algumas frutas secas para a viagem.

Ficou ali pegando algumas castanhas no meio do que trazia e ia comendo elas aos pouquinhos. Começava a pensar na importância do que estavam fazendo, mas então algo lhe chamou a atenção. Clarissa chamava aos outros para explicar a natureza de seus talentos, junto dela estava Sabbah.

O loiro fez uma cara de estranheza a principio, mas se inclinou para a frente e começou a prestar a atenção no que ela dizia, o que ela fazia, o movimento de usas mãos e como essas corriam pelo o corpo do albino. O paladino, não entendia muito bem o que ela queria dizer com aquilo, olhou para os outros que acompanhavam aquilo e voltou a prestar a atenção novamente.

Hoenheinn era uma pessoa que vivia na estrada, havia visto muitas coisas e não era inocente para não conhecer os salões de Marah, mas aquilo que a mulher fazia a sua frente era completamente diferente.

Pouco depois da mulher terminar, Hoenhein se levantou e disse.
Imagem
- Muito bem!
E voltou a mexer nas suas coisas. . . tentava esconder um bocado a sua vergonha.

. . .

Mais uma vez avançavam ao longo da floresta, quando passavam por um local particularmente tranquilo sentiu a terra se mover abaixo de seus pés. Saltou a tempo de não cair, mas infelizmente Gwendoline, Lyane e Clarissa caíram dentro dele. Jogou cordas para ajuda-las a sair de lá quando notou que a Clarissa tomava a inciativa de curar as moças que haviam caído com ela.
Imagem
Se sua voz de Bardo ainda puder ser usada, guarde, ou me peça para restaura-la. Gostaria de nos Curar com magia se tivermos tempo.
Antes que pudesse dizer qualquer coisa ela já o fazia. Hoenheinn suspirou.
Imagem
Não sou um grande conjurador, mas sei que magia é um recurso escasso e finito. Bem, se isso não vá lhe fazer falta quando estivermos dentro do covil não vejo mal...
Deu de ombros e continuou mais uma vez. . . Olhou para Gwendoline e concluiu.
Imagem
Espero que continue firme e forte em sua ambição, não se esqueça, Valkaria estará ao seu lado enquanto tiver determinada em seu objetivo.
Olhou para os outros e tendo a certeza que todos estavam bem, olhou a frente e disse.
Imagem
Vamos.
. . .

Finalmente alcançavam a caverna onde antes havia sido o covil de um dragão e agora, infelizmente, era o covil de outro. Sentia o bafo da besta vindo lá de dentro ainda, como se ela estivesse viva...

Olhou para os outros e quando seus olhos cruzaram com os de Sabbah esse soltou um comentário mordaz.
Imagem
- Hoen, a ideia de diplomacia é sua. Como vamos prosseguir, ó nobre Mitternach o Redentor?
O paladino soltou um suspiro e disse.
Imagem
- Não sou inocente. Provavelmente Desmond vai demonstrar resistência a nossas palavras, mas temos que manter nosso foco. Desmond não deve morrer, o que irá acontecer dai para frente podemos discutir após nosso encontro com ele.
Olhou para Gwendoline. Abriu um sorriso.
Imagem
É chegada a hora, você esta em frente ao seu objetivo. É o momento mais importante de todos, o momento que você estava esperando. Não pense nisso como o fim, mas como o começo, você é humana então se lembre não existe um fim quando um objevito é concluído, mas o início de uma nova jornada. Mantenha-se determinada Gwen, tenho fé que seus sentimentos podem alcançar o coração de Desmond.

Estamos aqui para lutar contra a maldade no coração dele e a pureza do seu é mais importante que o fio de qualquer espada.
Voltando ao resto do grupo continuou.
Imagem
Daqui para frente adentramos no covil do dragão. Preparem-se, quem tiver algo a fazer antes de adentrar o faça. Vocês dois que utilizam magia, se a puderem utilizar para nos proteger seria ótimo. Os outros, armas em punho, mas estejam prontos para baixa-las assim que vermos Desmond, tentarei falar com ele.
Sacou Joelhada com a mão direita, olhou para a porta e levou a mão esquerda até o amuleto no peito.
Imagem
Valkaria irá mostrar o nosso caminho, acima de tudo estamos unidos aqui e agora por um único objetivo apesar de discordarmos em nossos métodos nossa vontade com o nosso objetivo é como o Adamante... e o Adamante é inquebrável.

Vinde Adiante, aventureiros temos uma cidade a salvar.
Junto dos outros deu o primeiro passo em direção ao covil.
Hoenheinn conjura Benção no momento em que adentram o local. Se encontrar Desmond, a primeira coisa que vai tentar é conversar antes do embate.
Me pague um café pelo o PicPay: @RoenMidnight
Grimório TRPG
=====Homebrew=====
Paladino Rework
Sectário do Crepúsculo

========================================================================================
PBF - Sangue e Desonra: Tsuru[TRPG]

Avatar do usuário
Lord Seph
Mensagens: 13724
Registrado em: 09 Dez 2013, 17:50

Re: Herança Tirânica

Mensagem por Lord Seph » 21 Abr 2019, 19:42

Aquele discurso só lembrava uma coisa, morte.
Imagem

Meu amigo Tek dizia que isso era uma Death Flag. Nunca disse o significado disso, só que era uma gíria anã.
Ifrit fala bem humorado e pronto para ir.
Imagem

Estava pensando mais em criar globos de luz, mas se é de proteção que deseja, que assim seja.
Ifrit toca o ombro de Hoen, suas tatuagens começam a brilhar intensamente e chamas começam a percorrer o corpo de Hoen, criando símbolos semelhantes as suas tatuagens.
Imagem

Bem, eu só posso fazer isso para quem não estiver usando Armadura caso estejam curiosos.

Espero que a caverna não seja um labirinto em todo caso.
Ifrit fala enquanto toca o próprio peito e o mesmo efeito de antes ocorre com ele.

Apenas uma leve aura vermelha cobre tanto Ifrit quanto Hoen.

Gastarei 1 PM para conjurar Armadura Arcana, e usarei Desejo para usar Armadura Arcana no Hoen.
Melhor queimar do que apagar aos poucos.
-Neil Young.
o lema dos 3D&Tistas
"-seremos o ultimo foco de resistência do sistema"
Warrior 25/ Dark Knight 10/ Demi-God.

Avatar do usuário
DragonKing
Mensagens: 582
Registrado em: 17 Abr 2018, 11:24

Re: Herança Tirânica

Mensagem por DragonKing » 22 Abr 2019, 10:49

Um momento de descanso era necessário para os aventureiros não serem pegos desprevenidos devido ao cansaço. Lyane sabia a vantagem estratégica dessa pausa e assim poderiam finalmente conversar sobre o que fariam e quais estratégias usariam, contudo não foi exatamente o que ocorreu.

A pausa sugerida por Clarissa havia uma razão, ela queria uma conversa, porém com uma pessoa em particular, por um tempo parou para ouvir o que ela tinha a dizer, mas quando as palavras delas se mostraram inúteis para a missão e el pareceu estar mais interessada em ter um momento íntimo com Sabbah, Lyane se levantou indo em direção a borda da clareira.

Colocaria sua atenção em algo realmente relevante: a segurança de todos. Aquela pequena criatura de olhos avermelhados a deixou apreensiva. Estava em dúvida se seria a druida a vigiar como prometeu ou se era um truque de Desmond e ele sabia que estávamos chegando.

Ouvia a voz de Sabbah e Clarissa falando, porém não prestava a atenção. Seus olhos buscavam perigos em meio a mata e naa copas das árvores, ouviu o que parecia ser uma conjuração mágica e observou os cavalos no meio da clareira.
Imagem

- Finalmente algo útil.
[/quote]

Caminhou por mais alguns metros ao redor da clareira, não identificou nenhuma ameaça aparente e retornou encontrando um clima estranho entre todos. Lyane foi até um dos cavalos mágicos, não sabia se confiava nesse tipo de magia, mas iria acelerar bastante a viagem e conseguiríamos chegar lá antes do anoitecer.
Imagem

- Agora que aproveitaram o momento de lazer, não vamos mais perder tempo.
Lyane monta no cavalo mágico e segue a trilha que haviam indentificado anteriormente. Ela para no meio do caminho e olha para os demais esperando que pegassem suas coisas. Olhou para Gwen, realmente esperava que ela convencesse Desmond a se entregar.

...

A viagem seguiu tranquila. Lyane descia do cavalo em intervalos para não se perder e identificar o caminho certo. Infelizmente não conseguiu notar o falso terreno a frente e sentiu todo o peso da gravidade a puxando para baixo batendo as costas contra o chão. Gwen e Clarissa também cairam, Lyane se levanta com dificuldade e verifica se sua armadura foi danificada.

Ajudou Gwen a se levantar e olhou para cima. Seria uma árdua subida para ela. Clarissa usava seus poderes para aliviar as dores de todas as três e os homens do grupo ajudavam a retirar tanto elas quanto os cavalos o que noa fez perder um tempo valioso.

Após o susto continuaram na busca da caverna até finalmente virem a imensa abertura numa pequena colina, grande o suficiente para caber um dragão. Provavelmente aquele era o local. Lyane respirou fundo então ouviu a voz de Hoen sobressair e o encarou com os olhos cerrados.

Por mais que mostrasse confiança, suas palavras soavam como uma despedida, uma previsão de possível fracasso que Lyane não aceitava. Ao vê-lo caminhar em direção a entrada da caverna colocou a espada a sua frente para que não prosseguisse.
Imagem

- Não tão rápido paladino...Dessa vez vamos agir com inteligência. Nada de bancar o herói desnecessariamente. Não sabemos o que nos espera e teremos que agir como uma unidade ou morreremos.
Lyane se vira para todos.
Imagem

- Independente das desavenças e desconfianças, lá dentro teremos que confiar uns nos outros. Nossas vidas e de todos os outros, depende disso. Temos que evitar desperdício de recursos e agir individualmente. Teremos que escultar uns aos outros e confiar nas palavras. Nada de agir com loucura e imprudência. Entendido?
Lyane se aproxima de Sabbah.
Imagem

- Precisamos saber o que espera por nós lá dentro. Pelo pouco que vi você é a melhor pessoa para isso. Desmond não escolheu esse lugar a toa e pode ter preparado defesas. Precisamos sabes se há armadilhas e tentar desarmá-las, precisamos saber a quantidade de inimigos e de que tipo, como também o terreno que vamos enfrentar assim que entrarmos minha armadura barulhenta vai acabar com o elemento surpresa então temos que exaurir o elemento surpresa deles. Posso contar com você?

Avatar do usuário
Astirax
Mensagens: 1215
Registrado em: 06 Fev 2014, 18:02
Localização: Capivara City

Re: Herança Tirânica

Mensagem por Astirax » 22 Abr 2019, 11:59

Lyane e Ifrit pareciam distantes quando Clarissa fez sua demonstração, Hoenhein parecia, ... não conseguia entender seu comportamento.

No entanto Sabbah parecia Fascinado, e Clarissa não precisou mentir uma única vez, estava muito satisfeita consigo mesma.

***

Parados e contemplando a entrada do covil muitas palavras foram trocadas entre Ifrit Lyane e Hoen.
Clarissa D'ante
Imagem
Pela língua Ana, Death Flag significa Bandeira da Morte, geralmente um enaltecimento as tropas para elevar o moral e já deixarem claro que eles farão um sacrifício, no caso as próprias vidas em nome de uma causa.
A cautela exposta por Lyane fazia sentido agora.
Clarissa D'ante
Imagem
Ifrit, gostaria de uma "proteção" sua, e aquela magia anterior, que voce usou para outras magias suas não nos afetarem ja acabou o efeito também.
Clarissa desmontou, a sugestão de Lyane envolvia discrição, muito provavelmente nenhum deles entraria à cavalo.
Clarissa D'ante
Imagem
Ainda posso executar aquela técnica mais duas vezes hoje.
Restaurar o Corpo, a Mente ou a Alma.
Deixou em aberto, pois de verdade apenas um teve reação positiva.

E fazia sentido.
Off:
PVs atuais de Clarissa 24/20
PMs atuais de Clarissa 8/5
PVs atuais de Lyane 30/26
Gwendolyn foi Curada no post anterior em 10 Pvs mas não sei valor atual e máximo.

Pedi uma proteção a Ifrit.

Avatar do usuário
Lord Seph
Mensagens: 13724
Registrado em: 09 Dez 2013, 17:50

Re: Herança Tirânica

Mensagem por Lord Seph » 22 Abr 2019, 12:17

Depois de eras, finalmente Ifrit descobria o significado de Death Flag.
Imagem

Faz todo sentido, bom Tek. Espero que Nimb tenha mandado direto para Ordine.
Ifrit ri com a resposta de Clarissa e encontra em seu ombro deixando as chamas cobrir ela da mesma forma que cobriu Hoen.
Imagem

Está feita, garota.
Ifrit termina seu ritual e estala seus dedos cobrindo aqueles que seriam mais suscetíveis a sua magia.
Imagem

Todos devidamente protegidos de mim, agora essa será nossa formação para adentrar essa caverna?

Geralmente deixamos os conjuradores no meio para proteção, em todo caso aceito sua massagem, Clarissa, desde que isso não demore é claro.
Ifrit fala aguardando a reação da garota.

Gastei 1 PM para conjurar Armadura Arcana em Clarissa e 1 PM para conjurar Fogo Amigo no grupo, caso Gwen venha conosco eu fico de fora da magia.
Melhor queimar do que apagar aos poucos.
-Neil Young.
o lema dos 3D&Tistas
"-seremos o ultimo foco de resistência do sistema"
Warrior 25/ Dark Knight 10/ Demi-God.

Avatar do usuário
RoenMidnight
Mensagens: 2021
Registrado em: 28 Jan 2014, 12:39

Re: Herança Tirânica

Mensagem por RoenMidnight » 22 Abr 2019, 12:34

Hoenheinn ouvia tranquilamente o que falavam, odiava ficar parado, mas tinha que concordar que era melhor entender o que havia a frente. Olhou para Lyane e Sabbah e finalmente disse.
Imagem
Não sabemos o quanto a caverna é profunda ou quantos meandros ela possui. Olhando daqui não me parece que Desmond nos espera logo na entrada da mesma... será que não é melhor o nosso amigo albino seguir na frente e irmos atrás a talvez uns trinta ou cinquenta passos de distância e caso algo ocorra ele nos manda um sinal?

Ou você sugere que ele vá e nós esperamos aqui?
Depois ficou em silêncio por um curto momento, piscou os olhos duas vezes e emendou.
Imagem
E tirem da cabeça que alguém pretende morrer aqui hoje. Sai para lá com mau agouro.
Cruzou os braços acabrunhado.
Em termos de Jogo. O Hoen sugere seguirem atrás a coisa de uns 15m~27m; O Hoen só joga a benção assim que adentrarem.
Me pague um café pelo o PicPay: @RoenMidnight
Grimório TRPG
=====Homebrew=====
Paladino Rework
Sectário do Crepúsculo

========================================================================================
PBF - Sangue e Desonra: Tsuru[TRPG]

Avatar do usuário
Maggot
Mensagens: 2138
Registrado em: 13 Jan 2014, 19:00

Re: Herança Tirânica

Mensagem por Maggot » 22 Abr 2019, 20:43

Imagem
- Vocês falam demais.. O plano de Lyane é bom. É isso que eu faço. Vocês ficam atrás, não mais que vinte metros atrás de mim, pode ser? Qualquer imprevisto, eu lhes dou um sinal. Lyane, você virá primeiro, seguida por Hoenhein estando com 1,5m de distância. Você é chamativa e pesada com essa armadura, e eu estou contando com isso. Caso alguma coisa dê errado no meu fronte, eu preciso que vocês façam o máximo de barulho para que os prováveis kobolds passem direto por mim e vão até vocês. Clarissa, eu quero você... A 4,5 metros de Mitternach. Você é suporte. Ifrit, você é nossa Carruagem de R-... Torre. Trará destruição em massa caso qualquer coisa dê errado, entendido? Esteja junto de Clarissa. Mitternach, Lyane, não deixem absolutamente nada acontecer à Clarissa. Ela nos manterá vivos. Hoenhein, deixe que ela se foque em cura divina. Você é capaz de causar o maior estrago entre nós, então foque nisso primariamente. Em caso nenhum alertem os inimigos de minha presença, certo? Se a atenção for chamada, deixe quem venham, apenas significará que o caminho está livre para que eu avance. Precisamos trabalhar como uma unidade nesse tabuleiro. Eu sou o Batedor. Irei até aonde puder. Se estiverem em combate, mantenham o combate e então me sigam depois. Escuridão não me afeta, então sem luz comigo senhores. O que me dizem?
O rapaz disse se espreguiçando e estalando os dedos. Retirou os óculos escuros e os estendeu para Hoen.
Imagem
- Cuida desses pra mim?
Imagem
- Six shots...
#FreeWeizen

Avatar do usuário
Astirax
Mensagens: 1215
Registrado em: 06 Fev 2014, 18:02
Localização: Capivara City

Re: Herança Tirânica

Mensagem por Astirax » 23 Abr 2019, 10:20

Imagem
Todos devidamente protegidos de mim, agora essa será nossa formação para adentrar essa caverna?

Geralmente deixamos os conjuradores no meio para proteção, em todo caso aceito sua massagem, Clarissa, desde que isso não demore
Clarissa ia responder, mas parou para ouvir a idéia simples de Hoenhein seguia da meticulosa de Sabbah.

Carruagem de R...

Perguntaria depois o significado. No momento uma chance maior de aproximação surgiu com Ifrit
Clarissa D'ante
Imagem
Vai levar um minuto ou dois Ifrit, e bem... Não é apenas uma massagem, preciso ter um ponto de contato íntimo.
Um beijo serve ao propósito.
No entanto estavam se preparando para invadir, tempo de espera seria gasto. Queria, não ... precisava de permissão.
Clarissa D'ante
Imagem
Vocês concordam em esperar?
Lyane simplesmente foi lidar com os cavalos, Sabbah estava analisando o túnel à frente, Hoenhein, dava de ombros, isso desanimava um pouco, pois era um clássico sinal de "tanto faz", "não me importa".
Imagem
Ah, se é só isso tudo bem. A sua escolha, Clarissa.
Não era o melhor estado mental para começar, por isso Clarissa meditou brevemente, limpou a mente e se concentrou.

Se aproximou de frente a Ifrit e o olhou de cima à baixo, sentia a magia dele a protegendo, olhou sua Marca de Wynna e roupas atuais.

Começou deslizando os dedos na marca, mas logo recuou, algo.. Não parecia certo. Ifrit não parecia gostar, focou-se então no elo primordial dele,... " O Calor"

O Abraçou Forte, fazendo pressão contra seu peito, logo a proximidade começou a aquece-los, mais a Clarissa que Ifrit.

Seus toques agora deslizavam entre a coluna do feiticeiro, e subiam até chegar a parte protegida do pescoço.

As sensações não pareciam ser suficientes, no entanto a própria temperatura de Clarissa continuava a subir.

Realmente deveria ser um contato intenso e íntimo,  o Beijou.

Parte da Tecnica era instinto para gerar prazer a outra era controle para realizar a conversão.

Calor entrava em Clarissa atraves dos lábios e era convertido em energia, acumulando-se em seu interior antes de liberar de volta a Ifrit.

Clarissa já transpirava muito quando afastou os lábios e começou então a liberar a magia de volta, que entrava em Ifrit como uma névoa rosa.
Clarissa D'ante
Imagem
Aaaaarããã... Pronto.
Havia sido um beijo intenso, que quase a deixou sem fôlego.
Off:
Usou Caricias Revigorantes no Ifrit, restaurando 6 PMs, PMs Atuais dele 12/12 (era 12/9 antes)

Referência, não consegui achar menor, ou apenas com a parte que eu queria.
https://youtu.be/XWUxOuyyCm4

Responder

Voltar para “O Mundo de Arton”