Análises de Raças

Tormenta é o RPG mais completo do Brasil. São tantos suplementos que você vai mesmo precisar conversar com o pessoal para acompanhar tudo!
RomulloSantos
Mensagens: 12
Registrado em: 14 Dez 2016, 08:10

Re: Análises de Raças

Mensagem por RomulloSantos » 11 Abr 2019, 23:11

Gostaria de pedir uma análise do Ryujin do Império de Jade. Alguém se voluntária? 😁

Vitor Dias
Mensagens: 60
Registrado em: 06 Out 2016, 09:03

Re: Análises de Raças

Mensagem por Vitor Dias » 23 Abr 2019, 16:48

gostaria de pedir analise dos novissimos elfos da lua (db 142)

Avatar do usuário
Janus
Mensagens: 1178
Registrado em: 16 Dez 2013, 07:25

Re: Análises de Raças

Mensagem por Janus » 10 Jul 2019, 10:03

E acabou! Acabou! Temos as melhores raças pro Tormenta 20!
Imagem

Em homenagem à isto, bora falar as raças mais esquecidas dos manuais, afinal estou até procurando nas DBs e ninguém está fazendo desses coitados.
Imagem

É hora de Dinossauros Radicais!
Imagem

Dourado.- É a melhor nota possível. Normalmente tal opção é quase mandatória para a classe e geralmente vai ser uma das melhores opções para a construção do personagem.
Azul Escuro.-Indica uma escolha ótima. Significando uma escolha que deveria ser fortemente considerada.
Azul.– Uma boa escolha. Dificilmente você estará se enganando ao escolher esta opção. Normalmente mandatório em alguns casos.
Verde.– Difícil de se classificar. Geralmente por possuir alguma utilidade ao invés de uso em combate ou dependente do conceito do personagem.
Preto-Uma escolha que não irá afetar negativamente o personagem. Entretanto haverão opções melhores.
Roxo– Uma escolha circunstancial. Pode ser útil em casos isolados, mas não será um investimento com retorno compensatório.
Vermelho– Uma péssima escolha. Não pegue isto. Existem opções de investimento superiores.

CERATOPS
Imagem

Será uma análise TOP
Imagem
Aparência escreveu:Dragões-de-chifres estão entre os maiores e mais fortes thera. Podem medir até 3 metros e pesar quase 400 kg. São robustos e pesados, com aspecto sólido e pouco ágil. Apresentam pescoço musculoso e uma cabeçorra maciça, protegida por um escudo de osso. O couro vai do branco ao castanho escuro, passando pelo rosa alaranjado, cinza e às vezes malhado.
Em muitas subespécies, o escudo de osso pode apresentar cores vivas e desenhos intrincados. A cauda é longa e musculosa, sendo usada às vezes como arma.
Seu traço físico mais marcante, claro, é a presença de chifres. O tamanho e quantidade podem variar — um, dois, três, cinco, sete... Algumas subespécies chegam a ter chifres espalhados pelo corpo todo, como espinhos. Os chifres podem ser lisos e ósseos, ou então anelados, como chifres de carneiro. Muitas vezes esses anéis servem para diferenciar machos e fêmeas, e/ou para calcular a idade.
Os ceratops machos sempre procuram parecer mais intimidadores, e guerreiros muitas vezes usam ornamentos eu seus chifres. Já as fêmeas podem tê-los serrados, para acentuar sua docilidade. Pinturas corporais também exercem papel importante.
São enormes triceratops humanóides em resumo. Pesados bagarai (acho que superam até os Thri-Kreen nisso) então muito cuidado pois esses caras literalmente afundam o chão ao passar. Seu representante mais conhecido é o Nizbel
Imagem
Vamos ver quantos entendem a referência

idioma escreveu:Ceratops falam seu dialeto próprio do thera-go, com palavras simples e curtas, enriquecido com movimentos de cabeça. Todos os povos-trovão dominam a linguagem, e têm dificuldade para aprender outros idiomas.
Não falam comum (o que seria estranho, sinceramente) e tem dificuldade em aprender outros idiomas (o que perder Int não facilita realmente). Acredito que esse é um dos limitadores para a raça aparecer tão pouco em mesas.
Traços Raciais
+4 Constituição, +2 Força, –2 Inteligência. Dragões-de-chifres são fortes e robustos, mas de mente estreita, limitada.
Distribuição padrão de raças. Nada demais, só é ruim que precisa ter no mínimo 14 em Int (já que perde 2 pontos) para saber falar Valkar.
Imagem
Chifres. Ceratops têm uma arma natural de chifres (dano 1d6, esmagamento). Um ceratop pode atacar com o chifre e armas na mesma rodada, mas sofre uma penalidade de –4 em todas as jogadas de ataque.
Um ataque natural adicional, abre opções para múltiplos ataques aqui. Na minha opinião o dano deveria ser uma categoria acima, por conta do próximo traço racial...
Por sua estrutura poderosa, dragões-de-chifres recebem Grandão como talento adicional, sem precisar satisfazer seus pré-requisitos.
Economiza um talento que foi muito comparado nas análises anteriores (inclusive essa raça conseguiria pegar pela distribuição de atributos) e é um talento bem roubado. Armas maiores (por algum motivo o chifre não), manobras etc. A perda de CA ele compensa com o couro rígido, só perdendo mesmo nos testes de furtividade. Tá bacana isso aqui.
Imagem
Classe de armadura +2. Ceratops têm couro rígido.
Pra compensar a perda pelo tamanho, já ajuda bem.
Imagem
Ceratops machos recebem +2 em testes de Intimidação, e usam Força como habilidade-chave dessa perícia. Fêmeas recebem +2 em duas entre as seguintes perícias: Cura, Ofício, Profissão ou Sobrevivência.
Mostrando quem pensa na comunidade. Parece a nossa. Mas intimidação pela Força é bacana pra essa raça (além do bônus) e os extras para as fêmeas são legais também.
Imagem
Medo de Altura. Caso tenha que subir qualquer altura superior a 3m (ou se estiver a até 3m de uma queda desta altura), um ceratops sofre –4 em suas jogadas e testes. Ele também não pode realizar nenhuma ação que dependa de concentração, como lançar magias.
E aqui o segundo motivo da raça não ser utilizada. Além dele ser uma pedra de meia tonelada, alturas ferram totalmente a raça.

Imagem
Pode dar as patas com os Centauros e Minotauros seus chorões.
Talentos Raciais
Praticamente só Marrada Poderosa e Marrada Ligeira, ambos sendo muito bons para a raça.
Imagem
Conclusões:

Potencial para Combatentes: Dourado.
Potencial para Conjuradores Arcanos: Azul.
Potencial para Conjuradores Divinos: Azul Escuro
Potencial para Especialistas: Verde.


Combatentes: Bônus em Força e Constituição, armas maiores, armas naturais, bônus em manobras, bônus na CA... essa raça praticamente implora ser porradeiro

Conjuradores Arcanos : apesar da perda de Inteligência, o bônus em constituição é excelente para essas classes, e você pode tacar Força 7, ficando com 9 e ganhando 4 pontos de atributos por isso. Não tem nenhuma restrição para feiticeiros também.

Conjuradores Divinos: Bons atributos para conjuradores divinos, nada que desabone essas classes. Além disso, druidas combinam bem com uma raça primitiva. Fora que fêmeas ganham bônus em perícias bacanas.

Especialistas: Já aqui, a dificuldade de fala, tamanho e atributos que não ajudam (ou atrapalham) pode ser uma escolha mais complicada. Mesmo que as perícias compensem a perda de Int, os idiomas costumam ser bem problemáticos.

Mais uma raça que possui dificuldades em utilizar, além do Medo de Altura não possuir talentos para superar, o que piora ainda mais a avaliação. Não fosse por isso, acho que teríamos mais triceratops nos jogos.
See u next.

Avatar do usuário
Khrjstjano
Mensagens: 5705
Registrado em: 09 Dez 2013, 20:07
Localização: Atrás de você. Não olhe.
Contato:

Re: Análises de Raças

Mensagem por Khrjstjano » 16 Jul 2019, 02:08

Análise de Ceratóps sem meme de Kung Fury?!?!?

Imagem

Como ousa?!?! :x :P :x

Avatar do usuário
Janus
Mensagens: 1178
Registrado em: 16 Dez 2013, 07:25

Re: Análises de Raças

Mensagem por Janus » 17 Jul 2019, 13:41

Khrjstjano escreveu:
16 Jul 2019, 02:08
Análise de Ceratóps sem meme de Kung Fury?!?!?

Imagem

Como ousa?!?! :x :P :x
Eu não usei nem o Sr. Richfield, vou procurar referência de Youtube?
Imagem

Avatar do usuário
Janus
Mensagens: 1178
Registrado em: 16 Dez 2013, 07:25

Re: Análises de Raças

Mensagem por Janus » 05 Ago 2019, 19:20

Após uma semana de suspensão pelo Sr. Richfield, bora continuar com os dinossauros antes deles serem extintos de vez (nem nas votações apareceram coitados).

Então vou deixar o mais rápido para a próxima e falar do Sauron (da Marvel)

Dourado.- É a melhor nota possível. Normalmente tal opção é quase mandatória para a classe e geralmente vai ser uma das melhores opções para a construção do personagem.
Azul Escuro.-Indica uma escolha ótima. Significando uma escolha que deveria ser fortemente considerada.
Azul.– Uma boa escolha. Dificilmente você estará se enganando ao escolher esta opção. Normalmente mandatório em alguns casos.
Verde.– Difícil de se classificar. Geralmente por possuir alguma utilidade ao invés de uso em combate ou dependente do conceito do personagem.
Preto-Uma escolha que não irá afetar negativamente o personagem. Entretanto haverão opções melhores.
Roxo– Uma escolha circunstancial. Pode ser útil em casos isolados, mas não será um investimento com retorno compensatório.
Vermelho– Uma péssima escolha. Não pegue isto. Existem opções de investimento superiores.

PTEROS
Imagem
Tem poucos pterodontes antropomórficos, ok?
Aparência escreveu:Os pteros estão entre os menores povos-trovão, medindo não mais de 1,50m de altura. Têm corpos magros e delgados. São ágeis e velozes, mas sua destreza não se aplica à manipulação de armas e ferramentas. As asas são braços transformados, com o dedo mínimo muito longo e forte, dando sustentação à membrana da asa. Suas mãos são toscas, rudimentares.
Voadores apresentam uma crista cartilaginosa atrás da cabeça e uma cauda longa, com ponta em forma de folha; ambas ajudam a manobrar durante o voo. Voadores têm garras nas mãos e nos pés, usadas para pescar e agarrar-se em galhos e rochas. Em combate eles atacam chutando e rasgando com as garras dos pés.
A pele é lisa, coberta com uma fi na penugem. Sua coloração varia do verde ao marrom, quase sempre em tons opacos. Têm olhos amarelos com pupilas pequenas, como aves de rapina. A crista às vezes apresenta cores vivas, ligadas a rituais de acasalamento. Como a maioria das criaturas aéreas, dragões-voadores têm literal visão de águia — na verdade, seus olhos amarelos e de pupilas minúsculas lembram muito olhos de águia. Usam essa excelente visão para localizar peixes quando sobrevoam rios e lagos, e também predadores que se aproximam de seus ninhos.
Voadores quase nunca usam qualquer vestimenta — não sabem fazê-las, e as asas difi cultam o uso de roupas normais. Quando a convivência com outras raças resulta em constrangimentos (ou quando reconhecem o valor de uma boa vestimenta mágica...), recorrem a pequenas perfurações nas membranas das asas para a passagem de cintos, cordões e outros suportes.
São baixinhos e nus(ou semi-nus). É estranho que frisaram terem garras nas mãos e pés, porém nos traços raciais não colocaram. Pelo menos explicaram como fazer para usar cintos com eles.
Imagem
Sim, eu sei que não são assim. Mas não tem muitos disponíveis na internet.

idioma escreveu:Voadores não possuem linguagem própria; sua única forma de comunicação vem da ligação natural entre os casais. Sem contato com outras culturas, é bem raro que aprendam qualquer linguagem. Aqueles que adotam membros de outras raças como parceiros acabam dependendo desse “intérprete” para comunicar-se
ESSE ganha o troféu pior conversador do sistema. O mais zuado é que das outras raças que eu fiz que não falavam, pelo menos podiam aprender. Esse mal se dá ao trabalho.
Imagem

Porém essa desvantagem te dá uma vantagem interessante
Personalidade escreveu:Voadores são imunes a qualquer provocação, porque não entendem o conceito de “insulto”. Isto torna-os muito exóticos para outras raças, que consideram-nos estoicos ou apenas estúpidos. Para os voadores, simples palavras não têm qualquer poder, então não há por que reagir a elas.
Se o jogador gastar ponto pra aprender um idioma, vai poder ter benefícios de Comandar por exemplo, porém não terá penalidades de talentos como Insulto Sagaz ou a Pose Desafiadora do Guerreiro Colosso. Uma desvantagem que dá benefício em certas situações.
Imagem
Traços Raciais
+4 Sabedoria, +2 Destreza, –2 Inteligência. Dragões-voadores têm sentidos aguçados, intuição poderosa e grande agilidade, mas sua inteligência é rudimentar.
Seguindo a base da raça anterior, pelo menos 4 pontos gastos pra entender Valkar. Ainda assim é uma ótima distribuição para monges. Rajada de golpes voadora. Pode chamar de Kim Kaphwan!
Imagem
Deslocamento básico 9m em terra, ou 15metros em voo. As asas, quando abertas, medem o dobro da altura do personagem. Ele sempre vai precisar deste espaço para decolar e voar. Pteros não conseguem voar usando armaduras de qualquer tipo.
Apesar as limitações de armaduras e espaço (que nem é tanto, na verdade), voar é a melhor habilidade do sistema. Te tira da maior parte dos perigos e, dependendo do tipo de personagem que você faz, fica de longe tacando pedra. Ou dando investida aérea.
Imagem
Mano até escuto a musiquinha do chefe.
Visão na Penumbra. Voadores ignoram camuflagem (masnão camuflagem total) por escuridão.
Enxerga um pouco melhor que o normal, já ajuda
Imagem
Garras dos pés. Voadores têm duas armas naturais de garras dos pés (dano 1d6 cada, corte). As garras só podem ser usadas se o ptero estiver voando. Um voador pode atacar com as garras dos
pés e armas na mesma rodada, mas sofre uma penalidade de –4 em todas as jogadas de ataque.
Esse aqui é interessante. Duas armas naturais que só pode utilizar voando. Até aqui, ok. Mas as "mãos" dele (como veremos em breve) são rudimentares, parecem asas de morcego. Acho estranho conseguir segurar armas e conseguir voar com essa raça. Ainda assim dá pra fazer o monge chutador. Com rajada de golpes no nível 1 são 4 chutes a -6. Se tiver ataques múltiplos, -4.
Imagem
Disso que estou falando
Ligação Natural. Cada dragão-voador é mentalmente ligado a um(a) parceiro(a) de sexo oposto, que pode ser um personagem jogador ou PdM. Um voador e seu parceiro(a) podem comunicar-se mentalmente quando estão dentro do alcance visual, e um sempre saberá em que direção e distância pode encontrar o outro.
Um voador sem parceiro(a) recebe um talento adicional escolhido entre os seguintes: Asas de Aço, Esquiva, Iniciativa Aprimorada, Prontidão, Queda Suave, Rastrear, Reflexos Rápidos, Vitalidade.
Esse é o traço mais interessante na minha opinião. Tu pode escolher criatura de outra raça para ser seu parceiro (se gera filhotes, é outra história). Estranhamente, pteros são mamíferos! (nas primeiras linhas falam que são amamentados). Caso não tenha um(a) parceiro(a), ganha um talento. Considero Asas de Aço um excelente talento, pena que não dá para combinar com as garras (afinal só pode utilizar ele se estiver no chão). Queda Suave pode te salvar, mas na maior parte das vezes que ele é necessário, tu praticamente já morreu :lol:
Imagem

Lógica Labiríntica. Voadores têm excelente senso de direção, e recebem +8 em testes de Sobrevivência para não se perder.
Ótimo para rangers e andarilhos do horizonte. Combinado a sua capacidade de vôo, a chance se ficar perdido é realmente difícil.
Imagem
O que acontece quando o pteros quer um mundo mais parecido com o dele.
+2 em testes de Atletismo (apenas para escalar) e Sobrevivência. Voadores têm aptidão natural para a vida nas montanhas e outros lugares elevados.
O bônus em sobrevivência é bem vindo, já o de atletismo meio que se torna ignorado. Claro, tu precisa de uma área de 3m para voar, mas, a menos que esteja em um espaço apertado, quase nunca vai utilizar esse.
Imagem
+4 em testes de Percepção para observar. Pteros têm visão bastante aguçada.
Junto de Iniciativa, essa é a perícia mais utilizada nas mesas. Esse bônus é mais que bem vindo sempre. Se ganhou talento Protidão (na Ligação Natural), com Foco em Perícia e o bônus de sabedoria, são +10 muito bem vindos, podendo rolar duas vezes.
Imagem
Mãos rudimentares. As duas mãos de um dragão-voador são consideradas inábeis. Além disso, voadores sofrem um redutor de –2 em testes de Destreza e perícias que envolvem habilidade manual.
Manual das Raças trouxe o conceito de mãos inábeis (Conceito que ficou melhor definido nos Thri-Kreen)
Uma mão inábil pode segurar objetos, manejar armas leves ou escudos, fazer ataques desarmados e gestos mágicos, mas não serve para manejar armas de uma mão (embora possa ajudar a empunhar armas de duas mãos), nem oferece ataques ou ações adicionais automaticamente.
Ou seja, pode segurar itens, armas leves e escudos.
Imagem
Conclusões:

Potencial para Combatentes: Roxo.
Potencial para Conjuradores Arcanos: Azul
Potencial para Conjuradores Divinos: Azul
Potencial para Especialistas: Verde.


Combatentes: Tirando monges e lutadores, não dá para fazer bons combatentes com essa raça. O voo é uma grande vantagem, mas não dá para usar armaduras e armas que normalmente valham a pena.

Conjuradores Arcanos : apesar da perda de Inteligência, você já economiza uma magia muito boa, chamada voo. Ficar fora do alcance das armas mais perigosas, e ainda pode conjurar normalmente enquanto fica de longe soltando raios e bolas de fogo nos adversários.

Conjuradores Divinos: essa raça perde avaliação para conjuradores divinos por não poder utilizar armaduras, mas o bônus em sabedoria é ótimo para magias dessas classes.

Especialistas: são excelentes rangers pelos bônus da raça, além do bônus em destreza e percepção (para achar armadilhas) são mais que bem vindos. Porém a dificuldade de fala faz perder bastante a avaliação.

Uma raça com a melhor habilidade racial do sistema, porém com muitas limitações para compensar. Não é fácil jogar com um desses, especialmente sem ter um parceiro(a) para conseguir comunicar com o grupo. Ainda assim, são ótimos rangers, monges, feiticeiros e druidas.
See u next.

Avatar do usuário
ProtoHunterEX
Mensagens: 4
Registrado em: 07 Set 2017, 22:47

Re: Análises de Raças

Mensagem por ProtoHunterEX » 17 Out 2019, 09:10

Vim aqui pedir a análise do Quellon, a.k.a. Tartaruga Ninja
Imagem

Estrelarius
Mensagens: 11
Registrado em: 18 Set 2019, 14:07

Re: Análises de Raças

Mensagem por Estrelarius » 01 Dez 2019, 12:31

Oi, Tudo bem se pedir uma análise dos gnomos?

Avatar do usuário
Khrjstjano
Mensagens: 5705
Registrado em: 09 Dez 2013, 20:07
Localização: Atrás de você. Não olhe.
Contato:

Re: Análises de Raças

Mensagem por Khrjstjano » 01 Fev 2020, 14:04

Teve postagens que não entraram no índice? Faz tempo que não olho aqui.

Se puderem me passar os links, eu atualizo mais facilmente. Se tiver que procurar, pode demorar.

-----------------------------------------------------------------------------------------------------
Estrelarius escreveu:
01 Dez 2019, 12:31
Oi, Tudo bem se pedir uma análise dos gnomos?
Tenho dúvidas se esse tópico, de raças, especificamente irá evoluir. O lançamento de T20 torna o trabalho pouco relevante. Inclusive, se eu sonhasse que 2020 traria um novo sistema, não teria perdido tempo com nenhuma análise. Nem as de classe.

Não que a vinda de um novo sistema seja ruim. Eu só não sou dado a gastar tempo com o que não tem grande utilidade.

Avatar do usuário
Zera de Manti
Mensagens: 6
Registrado em: 15 Mar 2019, 15:31

Re: Análises de Raças

Mensagem por Zera de Manti » 03 Fev 2020, 12:16

Khrjstjano escreveu:
01 Fev 2020, 14:04
Teve postagens que não entraram no índice? Faz tempo que não olho aqui.

Se puderem me passar os links, eu atualizo mais facilmente. Se tiver que procurar, pode demorar.

-----------------------------------------------------------------------------------------------------
Estrelarius escreveu:
01 Dez 2019, 12:31
Oi, Tudo bem se pedir uma análise dos gnomos?
Tenho dúvidas se esse tópico, de raças, especificamente irá evoluir. O lançamento de T20 torna o trabalho pouco relevante. Inclusive, se eu sonhasse que 2020 traria um novo sistema, não teria perdido tempo com nenhuma análise. Nem as de classe.

Não que a vinda de um novo sistema seja ruim. Eu só não sou dado a gastar tempo com o que não tem grande utilidade.
Novamente eu dei uma olhada bem por cima e aparentemente: Ceratops, Pteros, Ewoks e Thri-Kreen não estão no índice, mais antigo que isso aparecem raças que já se encontram no índice. Não sei se pode postar links aqui, mas Ceratops e Pteros estão na página 44, Ewoks e Thri-Kreen estão na página 43.

Responder

Voltar para “Tormenta”