A Flecha de Fogo (COM SPOILERS!)

Tormenta é o RPG mais completo do Brasil. São tantos suplementos que você vai mesmo precisar conversar com o pessoal para acompanhar tudo!
Avatar do usuário
Lord Seph
Mensagens: 13589
Registrado em: 09 Dez 2013, 17:50

Re: A Flecha de Fogo (COM SPOILERS!)

Mensagem por Lord Seph » 11 Ago 2019, 20:40

Não é bem assim, tendências ainda vão existir.

Só não vai ser como é atualmente, mas não sabemos se todos os deuses terão Paladinos.
Melhor queimar do que apagar aos poucos.
-Neil Young.
o lema dos 3D&Tistas
"-seremos o ultimo foco de resistência do sistema"
Warrior 25/ Dark Knight 10/ Demi-God.

Avatar do usuário
Kalamari
Mensagens: 746
Registrado em: 22 Jul 2015, 10:08

Re: A Flecha de Fogo (COM SPOILERS!)

Mensagem por Kalamari » 16 Ago 2019, 22:18

Só queria dizer que odiei todo o livro...
Sabem por quê? Porque amei todo o livro!
E eu comprei ele na intenção de que DEVIA odiar porque é sobre.... sobre goblinóides! *imaginem minha cara de nojo aqui*

Sempre fui fã dos elfos, sempre gostei de raças elegantes que lidam com arte, poesia e esse tipo de coisa mais "esteticamente bela", -vide sereias, anjos, ninfas...- aí o Leonel me joga na cara uma cultura que é oposta de tudo isso, mas faz a gente se apaixonar por ela?
Marah tenha misericórdia da minha alma!
Eu já estava meio abalado desde que Edauros comentou sobre a raça élfica em O Terceiro Deus, percebi o quão alto é o preço pelo "esteticamente belo" nesse mundo.
Aí me vem essa visão nova dos globinóides...
Assim... Continuo sendo Elven Team, mas entendo muito a Tanya, entendo a visão dela, pois enquanto lia o livro, eu fiquei com vergonha das várias vezes que defendi os elfos em minhas mesas de jogo kkkkkkkkk
Eu entendo muito a mudança dela. Provavelmente Thwor e Maryx a trataram de uma forma parecida com que travavam o Corben. Sim, ela sofreu em DC, mas era pelo fato dela ser escrava, dela não estar ajudando, militarmente falando. Quando ela cansou de resistir talvez Thwor tenha mudado o Modus Operantis a lidar com ela e mostrado a faceta mais compreensiva.
Mas pelo amor dos 20 deuses (infelizmente contanto com Thwor!) POR QUÊ DIABOS O TRIO TORMENTA ODEIA TANTO ELFOS?
Em Victory (faz tempo que li) ela fala sobre uma nova cidade dos elfos, mais bela e mais poderosa que Lenórienn... Eaí, meu povo? Tá na hora dessa cidade começar a aparecer!
Pelo amor de Marah, me façam parar de sofrer pelos elfos...
Por isso que sou Qareen mesmo! (Mas sempre escolho Qareen ou Aggellus com aparência de elfo T.T Eu gosto da raça mas as estatísticas nunca combinam com meus personagens!)

Obs: Uma pena 'Leen" ter morrido. Tô nem aí pra Ragnar, mas gostava da faceta de Leen.
Como será o mundo de Thwor?
Imagem
Ouça o som do violino! O bardo chora esta noite...

Avatar do usuário
the ga
Mensagens: 3153
Registrado em: 09 Dez 2013, 18:34

Re: A Flecha de Fogo (COM SPOILERS!)

Mensagem por the ga » 17 Ago 2019, 09:01

Thwor provavelmente tá reformando Deathok ainda. Nos traços de Aggelus/Sulfure que saíram na DB, Deathok é descrito como um mundo em eterna mudança, então deve ser parecido com a capital só que 100.000 vezes maior.

Avatar do usuário
Lord Seph
Mensagens: 13589
Registrado em: 09 Dez 2013, 17:50

Re: A Flecha de Fogo (COM SPOILERS!)

Mensagem por Lord Seph » 17 Ago 2019, 15:08

A Deusa do Labirinto deve iniciar essa volta por cima Élfica, ou não.

Só quero saber se vai ter gente tendo o chifre removido.
Melhor queimar do que apagar aos poucos.
-Neil Young.
o lema dos 3D&Tistas
"-seremos o ultimo foco de resistência do sistema"
Warrior 25/ Dark Knight 10/ Demi-God.

Richardsl
Mensagens: 107
Registrado em: 19 Jul 2018, 12:04

Re: A Flecha de Fogo (COM SPOILERS!)

Mensagem por Richardsl » 20 Ago 2019, 12:05

Lord Seph escreveu:
17 Ago 2019, 15:08
A Deusa do Labirinto deve iniciar essa volta por cima Élfica, ou não.

Só quero saber se vai ter gente tendo o chifre removido.
"SE" não. A pergunta é "quem".

vkaraujo
Mensagens: 2
Registrado em: 25 Set 2019, 21:20

Re: A Flecha de Fogo (COM SPOILERS!)

Mensagem por vkaraujo » 26 Set 2019, 19:36

Terminei hoje de ler. Vim aqui ler e comentar, e percebi alguns pontos que queria comentar, e depois falar da história em si.


Sobre tendências:

Precisamos muito falar sobre isso aqui.

Caldela sabe, como excelente escritor que é, que parte do que faz um bom vilão funcionar, é o vilão acreditar que está certo.
    Um exemplo famoso, apenas para ilustrar, seria o Thanos do MCU. Ele tem certeza absoluta de que o universo não suporta vida inteligente em quantidade, pois as sociedades tendem abusar dos recursos de forma não sustentável.
    O problema no qual ele se inspira, sustentabilidade, é real, mas não há dúvidas de que ele é maligno. Ele invade planetas, separa metade da população de forma arbitraria, e então a mata, indiferente as consequências sociais e os direitos das pessoas. Crianças ficam órfãs, pais perdem os filhos, casais são separados

    Por isso acho extremamente preocupante que pessoas aqui no fórum estejam com dificuldade de reconhecer isso.



    Thwor é um escravista, genocida, que promove e lidera sacrifício de prisioneiros e mata crianças. Não devia haver dúvida alguma da tendência dele.

    A guerra em Lamnor tem nuances mais ''justificáveis'' e até a tomada de Khalifor, já que ele não confia nos humanos e controlar a ''porta'' entre os continentes é estratégico, mas invadir Arton norte não. Ele possui um continente inteiro para ele, com espaço e recursos para desenvolver a raça por séculos sem nem precisar dialogar com o norte, então nem a teoria do Espaço Vital de Hitler se aplicaria para justificar, mas mesmo assim planeja invadir Arton e aniquilar as cidades e culturas de lá.

    É claro que ele vê tudo isso com justificável para atingir a paz dele, mas todo outro déspota também via. Nenhum bom vilão vai ficar rindo no escuro e esfregando a mão, falando de como é mau, todo vilão bem escrito acredita piamente que estão certos sobre algo e todos os outros errados. Isso serve desde Thanos a Goku Black.

    Um ultimo exemplo que tem paralelos é o ISIS, que têm ações infelizmente muito parecidas com as do globinóides. Você pode até ver problemas com imperialismo americano, que é mais do que passível de críticas, mas definitivamente não faria vista grossa para os sacrifícios, destruição e tortura do grupo. Tenho medo de polemizar demais, mas o tipo de racionalização visto é a semente do que alimenta movimentos terroristas.

    Ironicamente, temos um personagem muito mais bondoso como protagonista, capaz até de perdoar o pai que o matou. Corben, apesar de apoiar a AN maior parte do livro, sempre é bondoso e misericordioso quando a decisão cabe a ele. Isso devia destacar a diferença de um personagem Bom x Mau, mas de alguma forma isso passou, provavelmente por Thwor não ser o vilão do livro em si (Ragnar o é). Maryx é a personagem mais difícil de posicionar, apesar de ser uma guerreira e tem um preconceito enorme com humanos~(enquanto raça), ele poupa Corben quando tem chance de matá-lo.



    Por fim Thwor Ironfist é um vilão incrivelmente bem escrito. Ele e sua AN obviamente tem inspirações fortes em um outro ''vilão da vida real'', Gengis Khan, lembrado sempre pela barbárie e estupros incontáveis, mas também pelas conquistas militares e território unificado. A comparação não é nem sutil, com Khalifor sendo de muitas formas um paralelo para a muralha da China. Isso funciona muito bem para o contexto de Lamnor. A ausência de culpa, o temperamento calmo, o fato de que ele é muitíssimo mais inteligente do que qualquer um a sua volta e as injustiças cometidas por humanos, disfarçam a tirania.

    vkaraujo
    Mensagens: 2
    Registrado em: 25 Set 2019, 21:20

    Re: A Flecha de Fogo (COM SPOILERS!)

    Mensagem por vkaraujo » 27 Set 2019, 22:12

    Sobre Sindrome de Estocolmo

    Corben:
    Essa é uma análise difícil e reconheço que não sou especialista, mas prestem atenção.

    Corben fica a maior parte do livro se sentindo ameaçado, quando não de morte, de algo pior que a morte
    Quando manifesta opinião, ele é rapidamente lembrado que é inferior, por ser humano, ou escravo, ou ambos.
    Quando ''decide'' algo, como cooperar com a busca pela Flecha de Fogo, fica explicito que ele só tem utilidade (e portanto valor como indivíduo), se obedecer.

    Pra mim isso deixa claro que o relacionamento dele com a AN/Maryx/Thwor só pode ser classificado de uma única forma, como abusivo.

    Existe todo um aspecto lúdico de como a prisão/escravidão dele é ''diferente'', mas uma vez que você pense criticamente, verá que não. Ele podia ficar sem corrente ou vigias, porque foi deixado claro para ele que ele não conseguiria se achar em Lamnor, e muito menos dentro das cidades globinoides. A prisão dele não tinha barras, mas foi deixado claro que se saísse da cela, ele teria que lidar com muita violência.

    É verdade que em alguns momentos ele poderia ter motivos próprios para fazer o que era pedido. No caso da flecha de fogo, ele queria honrar sua cidade destruída e seus mestres, se livrar da culpa de ter roubado a idéia da amiga ao fazê-la útil, e por fim se provar a si mesmo. Ainda assim, é uma decisão dificil para ele, e ele só concorda porque não quer morrer.

    Então sim, acho bem possível que ele se enquadre na síndrome de Estocolmo.
    É verdade que no fim do livro ele recupera alguma agência sobre suas ações, mas isso acontece porque ele simplesmente passa a concordar com seus captores. A mesma coisa poderia ser dita sobre Patty Hearst, caso mais famoso da síndrome, que passou a assaltar bancos com seus sequestradores.

    Tanya
    É dificil falar dela, já que não vimos sua conversão em primeira mão, mas também acho que ela seja afetada.

    Em especial, pela cena em que ela usa o trono feito do corpo do pai. Esse comportamento é bem singular, uma vez que na morte dele, não se sabia de nenhum motivo para ela despreza-lo ou odiá-lo. E é difícil desenvolver esses sentimentos por um parente morto, mesmo que se considere que ele errou em vida e oprimiu o povo globinoide

    Acho que o normal seria ela apenas mostrar mais indiferença e ausencia de admiração e carinho, mas não a esse ponto.

    Em contraste, Corben nunca desenvolve ódio pelo pai, apesar de vivo (é mais fácil odiar os vivos) e muito mais culpado de maltratar ele.

    OBS:
    Fica nítido que Caldela sabia que esse ponto seria identificado, muitas vezes fazendo Corben perceber o absurdo de estar esquecendo sua real condição e quase concordando com seus captores, na primeira metade do rapto.

    Richardsl
    Mensagens: 107
    Registrado em: 19 Jul 2018, 12:04

    Re: A Flecha de Fogo (COM SPOILERS!)

    Mensagem por Richardsl » 30 Set 2019, 22:04

    vkaraujo escreveu:
    26 Set 2019, 19:36
    Terminei hoje de ler. Vim aqui ler e comentar, e percebi alguns pontos que queria comentar, e depois falar da história em si.
    Obrigado pela sensatez de sua visão. As pessoas confundem algo bem escrito/produzido e que é maneiro com aquilo ser bom, aceitável e bom.

    Estrelarius
    Mensagens: 11
    Registrado em: 18 Set 2019, 14:07

    Re: A Flecha de Fogo (COM SPOILERS!)

    Mensagem por Estrelarius » 16 Jan 2020, 14:25

    Li o livro em dois dias e fiz algumas observações

    O Terceiro Deus criou simpatia por dragões (“coitados só agora que eles ganharam um deus só deles e nos vamos matá-lo!)
    A Flecha de Fogo criou simpatia por goblinoides (“tadinhos, foram liquidados tantas vezes...)
    A Deusa no Labirinto criou simpatia por minotauros (“pobrezinhos, perderam o deus deles e agora estamos soltando os escravos dele!”)
    O próximo livro vai nos fazer sentir pena dos lefeu.
    Outra coisa é que os Hobgoblins também são culpados por que eles que atacaram os elfos primeiro e mesmo que a reação dos elfos tenha sido exagerada.
    Ainda gosto mais dos elfos.

    Avatar do usuário
    Pyromancer
    Administrador
    Mensagens: 496
    Registrado em: 06 Dez 2013, 18:29
    Localização: Prendik

    Re: A Flecha de Fogo (COM SPOILERS!)

    Mensagem por Pyromancer » 16 Jan 2020, 16:08

    Estrelarius escreveu:
    16 Jan 2020, 14:25
    Outra coisa é que os Hobgoblins também são culpados por que eles que atacaram os elfos primeiro e mesmo que a reação dos elfos tenha sido exagerada.
    Na real não. Os hobgoblins já habitavam a Floresta de Myrvallar antes dos elfos chegarem a Arton. Quando os elfos chegaram, eles simplesmente atacaram e expulsaram os hobgoblins para fundar Lenórienn na floresta. Só mais tarde os hobgoblins tomaram a iniciativa ofensiva e deram início à Infinita Guerra.

    Responder

    Voltar para “Tormenta”