Dúvidas de regras (tópico oficial)

Tormenta é o RPG mais completo do Brasil. São tantos suplementos que você vai mesmo precisar conversar com o pessoal para acompanhar tudo!
Avatar do usuário
Khrjstjano
Mensagens: 5705
Registrado em: 09 Dez 2013, 20:07
Localização: Atrás de você. Não olhe.
Contato:

Re: Dúvidas de regras (tópico oficial)

Mensagem por Khrjstjano » 18 Set 2014, 19:05

1 -A magia Tempestade Glacial causa 3d6 pontos de dano de esmagamento e 2d6 pontos de dano de gelo, mais 1/2 nível do conjurador. Suponha que eu tenha nível 8, +8 de Carisma e Magia Caótico (Feiticeiro de linhagem caótica). Então eu rolo 10 pontos de esmagamento e 7 de gelo ao atacar um Vampiro, que possuem Resistência a gelo 10. Quanto ele vai levar de dano? (Obs: meu grande problema vem do fato de que não faço a mínima ideia se os 16 pontos de dano do nível e Carisma são de esmagamento, gelo ou se são divididos igualmente entre os dois... Até porque os dados da magia não são divididos igualmente também...)
2 - Se um Guerreiro Pobre usar um tomo (ou um Desejo) para aumentar um valor de habilidade, ele perde suas habilidades de classe por 1 mês apenas, ou para sempre?
3 - Tatuagens mágicas iguais acumulam entre si? Imagino que não, mas vai que... Se for pra comprar uma de um tatuador, o preço do XP será de 5 TO para cada 1 de XP, certo?
4 - Qual o nível da magia Emanações da Paz, do Guia da Trilogia? Na descrição dela diz que é nível 1, mas na ficha da Nichaela diz que é nível 2. Pelo que ela faz, eu acredito que a ficha esteja correta, mas qual a verdade?
5 - Penalidades e condições impostas por magias acumulam livremente? (Ex: se eu usar Emanações da Paz 2 vezes para causar -4 de penalidade, ou Toque da Fadiga 3 vezes para desmaiar o alvo.)
6 - Considere as seguintes situações:

- A habilidade Faro diz que ela detecta a presença de criaturas.
- Magias de detecção, como Detectar Magia por exemplo, tem um funcionamento bem claro. Na primeira rodada detectam a presença de algo. Na segunda, detectam a quantidade deste algo. E na terceira, detectam a localização e intensidade deste mesmo algo.
- O talento Faro Discriminatório (Manual das Raças) diz que Faro não detecta a quantidade de criaturas.
- Na sessão Condições do capítulo O Mestre do Módulo Básico de TRPG, na condição Invisível, é dito que Faro anula invisibilidade.

Pergunta: como? Faro não detecta a localização (ou mesmo a quantidade) das criaturas, logo é impossível que este trecho esteja correto. Faro só vai te deixar ciente de que tem um cara perto de você, mas não vai te possibilitar saber onde, e portanto não vai anular qualquer penalidade que invisibilidade lhe cause. Correto?
7 - Essa dúvida é meio complexa, e fruto de um entendimento que eu formei há muito tempo, enquanto lia as regras de TRPG...

– As regras para contramágica dizem que devo preparar uma ação. E que quando o inimigo conjurar uma magia, devo conjurar a mesma magia que ele.
– Já a regra para preparar uma ação diz que a minha ação acontece em reação à circunstância escolhida.
- A regra para Reações diz que ela acontece antes da outra coisa.

Então na hora que eu fizer a contra mágica, eu tenho um problema: o adversário ainda não fez a magia dele, logo eu não sei que magia devo soltar para anular a dele (afinal não sou vidente e nem Jedi). O que nos joga para ainda outro item:

- A regra para Identificar Magia diz que, com o teste descrito nela, é possível identificar uma magia antes que ela seja efetivamente conjurada.

Logo, para fazer uma contramágica eu não tenho só que preparar uma ação e soltar a mesma magia do adversário. Também tenho que fazer o teste para saber que magia ele fará, para pode soltar a mesma magia que ele.

Pergunta: "Pelas regras conforme estão escritas, essas coisas todas são claramente necessárias, mas era a intenção de quem bolou a regra para contramágicas fazer algo tão complexo, ou apenas não perceberam tais implicações?"
8 - Você já disse mais de uma vez que as regras para Forma Selvagem são bem simples em TRPG, algo que eu aprovo. Mas ao que parece, elas deixam muita gente perdidaça quanto ao que se pode fazer com ela, em especial os mais criativos (algo positivo) e os mais apelões (algo questionável). Uma questão recorrente são os desdobramentos dos seguinte trechos: "suas estatísticas não mudam" e "qualquer roupa ou equipamento que esteja usando é absorvido pela forma selvagem". Por isso, quero propor 3 perguntas sobre um personagem aqui que deve esclarecer várias questões sobre este assunto. Considere que meu Druida possui:

- Combater com Duas Armas Maior (só pra não ter penalidades)
- Use uma clava e uma besta leve de repetição
- Possua o talento Ataque Duplo para cada uma destas armas, as quais possuem o poder especial velocidade (só pra não ter penalidades)

8.1 Em sua forma normal este personagem tem 4 ataques por turno, 2 com cada arma. Já que suas estatísticas não mudam, ele continua podendo fazer 4 ataques por turno quando se transformar em um animal qualquer? (No caso, todos os ataques seriam corpo-a-corpo, já que bestas podem ser usadas nesta distância também.)
9 - Forma Selvagem diz que eu posso virar uma criatura desconhecida. Então eu posso virar algo como um animal que dispara espetos das costas, e continuar fazendo os ataques referentes à besta mesmo a grandes distância, correto? (No caso, o tempo de recarga poderia até representar o tempo para o animal repor seus espetos, e a munição seu limite de reposição.)
10 - Se ao usar Forma Selvagem eu escolher a habilidade Garras e Presas, além dos 4 ataques acima, posso ainda fazer mais 3 com a penalidade de -4 por atacar com armas naturais, totalizando 7 ataques, correto?

Avatar do usuário
Guilherme
Administrador
Mensagens: 131
Registrado em: 06 Dez 2013, 11:32
Localização: Tiberus, Império de Tauron
Contato:

Re: Dúvidas de regras (tópico oficial)

Mensagem por Guilherme » 22 Out 2014, 16:07

1 -A magia Tempestade Glacial causa 3d6 pontos de dano de esmagamento e 2d6 pontos de dano de gelo, mais 1/2 nível do conjurador. Suponha que eu tenha nível 8, +8 de Carisma e Magia Caótico (Feiticeiro de linhagem caótica). Então eu rolo 10 pontos de esmagamento e 7 de gelo ao atacar um Vampiro, que possuem Resistência a gelo 10. Quanto ele vai levar de dano? (Obs: meu grande problema vem do fato de que não faço a mínima ideia se os 16 pontos de dano do nível e Carisma são de esmagamento, gelo ou se são divididos igualmente entre os dois... Até porque os dados da magia não são divididos igualmente também...)
Divide os pontos de dano de bônus igualmente entre gelo e esmagamento. Claro, se o cara quisesse ser muito chato em termos de regra, poderia dividir na proporção de 3/5 para esmagamento e 2/5 para gelo, mas... Convenhamos! É muita complicação para pouco efeito prático na mesa.
2 - Se um Guerreiro Pobre usar um tomo (ou um Desejo) para aumentar um valor de habilidade, ele perde suas habilidades de classe por 1 mês apenas, ou para sempre?
Se o bônus dura para sempre, ele perde as habilidades para...

(e sim, a resposta é "para sempre", para qualquer apelão de plantão)
3 - Tatuagens mágicas iguais acumulam entre si? Imagino que não, mas vai que... Se for pra comprar uma de um tatuador, o preço do XP será de 5 TO para cada 1 de XP, certo?
Não acumulam. Sim para o preço.
4 - Qual o nível da magia Emanações da Paz, do Guia da Trilogia? Na descrição dela diz que é nível 1, mas na ficha da Nichaela diz que é nível 2. Pelo que ela faz, eu acredito que a ficha esteja correta, mas qual a verdade?
É nível 2. Erramos na descrição da magia.
5 - Penalidades e condições impostas por magias acumulam livremente? (Ex: se eu usar Emanações da Paz 2 vezes para causar -4 de penalidade, ou Toque da Fadiga 3 vezes para desmaiar o alvo.)
Não, não acumulam. Assim como bônus.
6 - Considere as seguintes situações:

- A habilidade Faro diz que ela detecta a presença de criaturas.
- Magias de detecção, como Detectar Magia por exemplo, tem um funcionamento bem claro. Na primeira rodada detectam a presença de algo. Na segunda, detectam a quantidade deste algo. E na terceira, detectam a localização e intensidade deste mesmo algo.
- O talento Faro Discriminatório (Manual das Raças) diz que Faro não detecta a quantidade de criaturas.
- Na sessão Condições do capítulo O Mestre do Módulo Básico de TRPG, na condição Invisível, é dito que Faro anula invisibilidade.

Pergunta: como? Faro não detecta a localização (ou mesmo a quantidade) das criaturas, logo é impossível que este trecho esteja correto. Faro só vai te deixar ciente de que tem um cara perto de você, mas não vai te possibilitar saber onde, e portanto não vai anular qualquer penalidade que invisibilidade lhe cause. Correto?
Faro não anula invisibilidade, de fato. Faro é um pouco confuso no Sistema d20, porque tem algumas descrições incompatíveis. O que eu considero é que faro te permite saber onde está o inimigo (e, portanto, atacá-lo), mas não anula a penalidade de camuflagem total (isto é, os 50% de chance de errar).

7 - Essa dúvida é meio complexa, e fruto de um entendimento que eu formei há muito tempo, enquanto lia as regras de TRPG...

– As regras para contramágica dizem que devo preparar uma ação. E que quando o inimigo conjurar uma magia, devo conjurar a mesma magia que ele.
– Já a regra para preparar uma ação diz que a minha ação acontece em reação à circunstância escolhida.
- A regra para Reações diz que ela acontece antes da outra coisa.

Então na hora que eu fizer a contra mágica, eu tenho um problema: o adversário ainda não fez a magia dele, logo eu não sei que magia devo soltar para anular a dele (afinal não sou vidente e nem Jedi). O que nos joga para ainda outro item:

- A regra para Identificar Magia diz que, com o teste descrito nela, é possível identificar uma magia antes que ela seja efetivamente conjurada.

Logo, para fazer uma contramágica eu não tenho só que preparar uma ação e soltar a mesma magia do adversário. Também tenho que fazer o teste para saber que magia ele fará, para pode soltar a mesma magia que ele.

Pergunta: "Pelas regras conforme estão escritas, essas coisas todas são claramente necessárias, mas era a intenção de quem bolou a regra para contramágicas fazer algo tão complexo, ou apenas não perceberam tais implicações?"
É assim mesmo. Para fazer uma contramágica, tu tem que preparar uma ação. Daí, quando o inimigo for lançar uma magia, tu faz um teste de Identificar Magia. Se passar, tu descobre que magia ele está conjurando (pelos gestos, palavras mágicas, etc.) e pode lançar um feitiço igual para anulá-lo. É difícil? Sim, mas existem maneiras de simplificar. Por exemplo, o talento Contramágica Aprimorada permite usar qualquer magia como contramágica (desde que seu custo seja igual ou maior que o custo da magia a ser anulada), o que na prática também elimina a necessidade do teste de Identificar Magia.
8 - Você já disse mais de uma vez que as regras para Forma Selvagem são bem simples em TRPG, algo que eu aprovo. Mas ao que parece, elas deixam muita gente perdidaça quanto ao que se pode fazer com ela, em especial os mais criativos (algo positivo) e os mais apelões (algo questionável). Uma questão recorrente são os desdobramentos dos seguinte trechos: "suas estatísticas não mudam" e "qualquer roupa ou equipamento que esteja usando é absorvido pela forma selvagem". Por isso, quero propor 3 perguntas sobre um personagem aqui que deve esclarecer várias questões sobre este assunto. Considere que meu Druida possui:

- Combater com Duas Armas Maior (só pra não ter penalidades)
- Use uma clava e uma besta leve de repetição
- Possua o talento Ataque Duplo para cada uma destas armas, as quais possuem o poder especial velocidade (só pra não ter penalidades)

8.1 Em sua forma normal este personagem tem 4 ataques por turno, 2 com cada arma. Já que suas estatísticas não mudam, ele continua podendo fazer 4 ataques por turno quando se transformar em um animal qualquer? (No caso, todos os ataques seriam corpo-a-corpo, já que bestas podem ser usadas nesta distância também.)
Sim.
9 - Forma Selvagem diz que eu posso virar uma criatura desconhecida. Então eu posso virar algo como um animal que dispara espetos das costas, e continuar fazendo os ataques referentes à besta mesmo a grandes distância, correto? (No caso, o tempo de recarga poderia até representar o tempo para o animal repor seus espetos, e a munição seu limite de reposição.)
Sim.
10 - Se ao usar Forma Selvagem eu escolher a habilidade Garras e Presas, além dos 4 ataques acima, posso ainda fazer mais 3 com a penalidade de -4 por atacar com armas naturais, totalizando 7 ataques, correto?
Não, porque tu ainda tem uma limitação de mãos. O jeito mais fácil de entender a mecânica de Forma Selvagem é separá-la completamente da descrição. Em termos de regras, ao escolher garras e presas, tu continua igual para todos os propósitos, com exceção de que ganha esses ataques naturais. Mas nada diz que um cara com garras pode atacar com as garras E com uma arma empunhada. Então não pode.

Mas no geral teu entendimento da habilidade está muito bom, inclusive o exemplo do bicho que atira espinhos para justificar os ataques de besta. ; )

PS: pessoal, desculpem a demora para responder. Não abandonei o fórum, mas agora no fim do ano estamos correndo com vários lançamentos, então o tempo fica escasso. Por favor não coloquem mais que três perguntas por post, assim respondo mais rápido e todo mundo tem uma chance de perguntar.
Instruções para usar o tópico oficial de dúvidas de regras:

1. Antes de perguntar, confira o índice na primeira mensagem. Talvez sua dúvida já tenha sido respondida.

2. Só pergunte se a última mensagem for minha. Dúvidas que não sigam esta regra serão deletadas.

Avatar do usuário
Ziderich
Mensagens: 497
Registrado em: 09 Dez 2013, 18:38
Localização: Hell de Janeiro
Contato:

Re: Dúvidas de regras (tópico oficial)

Mensagem por Ziderich » 23 Out 2014, 09:50

- A habilidade "Trazemos a Luz", dos Cavaleiros do Corvo, não é muito desequilibrada? Não é difícil garantir a rolagem de 50 e com a CD sendo igual ao dano a essa altura do campeonato o personagem é virtualmente capaz de matar QUALQUER COISA durante o combate.

- Os Lekael antigamente era imunes a ação mental e agora só a encantamento, cuja descrição é tudo que afeta a mente. Se eu usar as habilidades de Escapista Titereiro Invisível, Peguei um Bobo e Marionete em um Lorde, funciona ou não?
Imagem

Avatar do usuário
Guilherme
Administrador
Mensagens: 131
Registrado em: 06 Dez 2013, 11:32
Localização: Tiberus, Império de Tauron
Contato:

Re: Dúvidas de regras (tópico oficial)

Mensagem por Guilherme » 23 Out 2014, 13:25

Ziderich escreveu:- A habilidade "Trazemos a Luz", dos Cavaleiros do Corvo, não é muito desequilibrada? Não é difícil garantir a rolagem de 50 e com a CD sendo igual ao dano a essa altura do campeonato o personagem é virtualmente capaz de matar QUALQUER COISA durante o combate.
Isso não é bem uma dúvida de regra, não? Quer dizer, somar 50 num teste de perícia baseada numa habilidade que, em princípio, não será a primária do oponente não é para ser tão fácil assim. E de qualquer maneira, a habilidade só funciona uma vez por combate.
- Os Lekael antigamente era imunes a ação mental e agora só a encantamento, cuja descrição é tudo que afeta a mente. Se eu usar as habilidades de Escapista Titereiro Invisível, Peguei um Bobo e Marionete em um Lorde, funciona ou não?
São habilidades de encantamento, faltou explicitar.
Instruções para usar o tópico oficial de dúvidas de regras:

1. Antes de perguntar, confira o índice na primeira mensagem. Talvez sua dúvida já tenha sido respondida.

2. Só pergunte se a última mensagem for minha. Dúvidas que não sigam esta regra serão deletadas.

Avatar do usuário
RoenMidnight
Mensagens: 1973
Registrado em: 28 Jan 2014, 12:39

Re: Dúvidas de regras (tópico oficial)

Mensagem por RoenMidnight » 28 Out 2014, 11:58

A Bazuca Média possui 10d8 de dano. Segundo a tabela postada aqui neste próprio tópico:
--- Diminuindo --- Dano Médio --- Aumentando ---
_*_ --- _1_ --- 1d2 --- 1d3 --- 1d4 --- 1d6 --- 1d8 --- 2d6
_1_ --- 1d2 --- 1d3 --- 1d4 --- 1d6 --- 1d8 --- 2d6 --- 3d6
1d2 --- 1d3 --- 1d4 --- 1d6 --- 1d8 --- 2d6 --- 3d6 --- 4d6
1d3 --- 1d4 --- 1d6 --- 1d8 --- 2d6 --- 3d6 --- 4d6 --- 6d6
1d4 --- 1d6 --- 1d8 --- 1d10 --- 2d8 --- 3d8 --- 4d8 --- 6d8
1d6 --- 1d8 --- 1d10 --- 1d12 --- 3d6 --- 4d6 --- 6d6 --- 8d6
1d3 --- 1d4 --- 1d6 --- 2d4 --- 2d6 --- 3d6 --- 4d6 --- 6d6
1d6 --- 1d8 --- 1d10 --- 2d6 --- 3d6 --- 4d6 --- 6d6 --- 8d6
1d8 --- 1d10 --- 2d6 --- 2d8 --- 3d8 --- 4d8 --- 6d8 --- 8d8
1d10 --- 2d6 --- 2d8 --- 2d10 --- 4d8 --- 6d8 --- 8d8 --- 12d8
A minha duvida é, ela conta como uma arma de 2d8 para a proporção de aumento de dano conforme tamanho?
Aliás, a progressão de armas com 2d10 que segue uma progressão de 2d8 para cada aumento de tamanho, ao chegar na diferença de Descomunal para Colossal este aumento é de 4d8, esta correto isto?

ND +N é o termo usado nos modelos, mas o nome da regra é Ajuste de Nível (Guia da Trilogia, pág. 58). Ela fala em readequação da tabela de XP por nível, mas pra falar a verdade como o termo que dá nome à regra fala em ajustar o nível, me pergunto se o ajuste conta para os parâmetros que consideram 1/2 nível na soma... Conta?

É possível causar dano extra por ataque furtivo com magias que façam ataques de toque e causam dano?
Me pague um café pelo o PicPay: @RoenMidnight
Grimório TRPG
=====Homebrew=====
Paladino Rework
Sectário do Crepúsculo

========================================================================================
PBF - Sangue e Desonra: Tsuru[TRPG]

Avatar do usuário
Guilherme
Administrador
Mensagens: 131
Registrado em: 06 Dez 2013, 11:32
Localização: Tiberus, Império de Tauron
Contato:

Re: Dúvidas de regras (tópico oficial)

Mensagem por Guilherme » 30 Out 2014, 12:05

RoenMidnight escreveu:A Bazuca Média possui 10d8 de dano. Segundo a tabela postada aqui neste próprio tópico:

--- Diminuindo --- Dano Médio --- Aumentando ---
_*_ --- _1_ --- 1d2 --- 1d3 --- 1d4 --- 1d6 --- 1d8 --- 2d6
_1_ --- 1d2 --- 1d3 --- 1d4 --- 1d6 --- 1d8 --- 2d6 --- 3d6
1d2 --- 1d3 --- 1d4 --- 1d6 --- 1d8 --- 2d6 --- 3d6 --- 4d6
1d3 --- 1d4 --- 1d6 --- 1d8 --- 2d6 --- 3d6 --- 4d6 --- 6d6
1d4 --- 1d6 --- 1d8 --- 1d10 --- 2d8 --- 3d8 --- 4d8 --- 6d8
1d6 --- 1d8 --- 1d10 --- 1d12 --- 3d6 --- 4d6 --- 6d6 --- 8d6
1d3 --- 1d4 --- 1d6 --- 2d4 --- 2d6 --- 3d6 --- 4d6 --- 6d6
1d6 --- 1d8 --- 1d10 --- 2d6 --- 3d6 --- 4d6 --- 6d6 --- 8d6
1d8 --- 1d10 --- 2d6 --- 2d8 --- 3d8 --- 4d8 --- 6d8 --- 8d8
1d10 --- 2d6 --- 2d8 --- 2d10 --- 4d8 --- 6d8 --- 8d8 --- 12d8


A minha duvida é, ela conta como uma arma de 2d8 para a proporção de aumento de dano conforme tamanho?
Aliás, a progressão de armas com 2d10 que segue uma progressão de 2d8 para cada aumento de tamanho, ao chegar na diferença de Descomunal para Colossal este aumento é de 4d8, esta correto isto?
A bazuca é uma arma especial mesmo, não segue a proporção padrão, mas isso é de propósito. E sim, a diferença de Descomunal para Colossal é de 4d8 mesmo.
ND +N é o termo usado nos modelos, mas o nome da regra é Ajuste de Nível (Guia da Trilogia, pág. 58). Ela fala em readequação da tabela de XP por nível, mas pra falar a verdade como o termo que dá nome à regra fala em ajustar o nível, me pergunto se o ajuste conta para os parâmetros que consideram 1/2 nível na soma... Conta?
Não, o ajuste de nível só conta para propósitos de XP necessária para subir de nível.
É possível causar dano extra por ataque furtivo com magias que façam ataques de toque e causam dano?
Sim, contam como um ataque normal, como qualquer arma. De acordo com o mestre, ele pode vetar ataques furtivos com magias a não ser que eles sejam silenciosas. Afinal, proferir as palavras mágicas iriam alertar o inimigo instantes antes do golpe.
Instruções para usar o tópico oficial de dúvidas de regras:

1. Antes de perguntar, confira o índice na primeira mensagem. Talvez sua dúvida já tenha sido respondida.

2. Só pergunte se a última mensagem for minha. Dúvidas que não sigam esta regra serão deletadas.

Avatar do usuário
Hitoshura
Mensagens: 511
Registrado em: 28 Dez 2013, 22:41

Re: Dúvidas de regras (tópico oficial)

Mensagem por Hitoshura » 30 Out 2014, 12:39

1 - Um Arcano da Torre pode escolher um covil móvel? Por exemplo, um navio ou um Balão, para ser seu domínio?

2 - Tomos, Itens Mágicos (como Cinto da Força Gigante), Simbiontes, Itens Monstruosos, Tatuagens Mágicas e Implantes se acumulam uns com os outros quando fornecem bônus de atributo? De modo análogo, bônus permanente via magia Desejo, Magias de Aspecto Permanentes e outras magias que fornecem bônus em atributos se acumulam?

3 - Um Samurai pode re-escolher sua Arma Ancestral ao longo de sua carreira? Ele pode "guardar" bônus mágico para adquirir benefícios com custo superior a +1? A Arma Ancestral de um Samurai pode ser combinada com o talento "Arma de Família"? Supondo que a arma do Samurai possa ser re-escolhida, ela deve começar como um item mundano não-mágico, ou o Samurai pode herdar uma arma que já possui aprimoramentos mágicos como sua Arma Ancestral? Ainda sobre a arma antes de receber os aprimoramentos mágicos, a Espada Ancestral de um Samurai poderia ter materiais especiais? Aprimoramentos de Arma? Aprimoramentos de Mestre Armeiro?

Avatar do usuário
Guilherme
Administrador
Mensagens: 131
Registrado em: 06 Dez 2013, 11:32
Localização: Tiberus, Império de Tauron
Contato:

Re: Dúvidas de regras (tópico oficial)

Mensagem por Guilherme » 30 Out 2014, 21:14

Hitoshura escreveu:1 - Um Arcano da Torre pode escolher um covil móvel? Por exemplo, um navio ou um Balão, para ser seu domínio?
A habilidade é omissa nessa quesito, mas é bem razoável dizer que não, visto que todos os exemplos são de estruturas fixas. Mas a última frase resolve a charada: "O mestre deve aprovar qualquer fortaleza proposta pelo jogador". No fim das contas, é mais uma questão de como o mestre for conduzir a campanha.
Hitoshura escreveu:2 - Tomos, Itens Mágicos (como Cinto da Força Gigante), Simbiontes, Itens Monstruosos, Tatuagens Mágicas e Implantes se acumulam uns com os outros quando fornecem bônus de atributo? De modo análogo, bônus permanente via magia Desejo, Magias de Aspecto Permanentes e outras magias que fornecem bônus em atributos se acumulam?
Não. São todos bônus da mesma fonte — equipamentos, no caso — portanto não acumulam.
Hitoshura escreveu:3 - Um Samurai pode re-escolher sua Arma Ancestral ao longo de sua carreira?
Não. Mas fica a critério do mestre. Se encaixar na história... Normalmente, não é muito apelão trocar uma arma por outra (por princípio elas são equilibradas).
Ele pode "guardar" bônus mágico para adquirir benefícios com custo superior a +1?
Sim.
A Arma Ancestral de um Samurai pode ser combinada com o talento "Arma de Família"?
Não. Uma arma ancestral já é uma arma de família, e ainda mais poderosa. Mas se o mestre deixar... (eu pensaria muito antes de aprovar, porque a arma ficaria BEM poderosa).
Supondo que a arma do Samurai possa ser re-escolhida, ela deve começar como um item mundano não-mágico, ou o Samurai pode herdar uma arma que já possui aprimoramentos mágicos como sua Arma Ancestral?
Eu deixaria o personagem trocar de arma por uma arma com os mesmos bônus — talvez, por um tempo (digamos, uma aventura inteira) ela teria um bônus menor, por ainda não estar "sintonizada" com seu novo dono.
Ainda sobre a arma antes de receber os aprimoramentos mágicos, a Espada Ancestral de um Samurai poderia ter materiais especiais? Aprimoramentos de Arma? Aprimoramentos de Mestre Armeiro?
Oficialmente, não — armas devem ser criadas com essas características. Mas é comum, em histórias, um personagem reforjar ou temperar uma lâmina para deixá-la melhor (normalmente antes de enfrentar o chefão final do livro/filme/o que for). No caso de um samurai, teria que ver se ele deixaria qualquer um mexer na sua arma ancestral! Talvez isso fosse visto como um sacrilégio. Enfim... De acordo com o mestre. Lembrando que bônus iguais não se acumulam! Uma arma magistral +2 tem apenas +2 no ataque, não +4.
Instruções para usar o tópico oficial de dúvidas de regras:

1. Antes de perguntar, confira o índice na primeira mensagem. Talvez sua dúvida já tenha sido respondida.

2. Só pergunte se a última mensagem for minha. Dúvidas que não sigam esta regra serão deletadas.

Avatar do usuário
Khrjstjano
Mensagens: 5705
Registrado em: 09 Dez 2013, 20:07
Localização: Atrás de você. Não olhe.
Contato:

Re: Dúvidas de regras (tópico oficial)

Mensagem por Khrjstjano » 30 Out 2014, 21:20

1 - Posso usar o talento Basta! num ataque de toque de uma magia como Toque da Entropia (Manual do Arcano), e ignorar a imunidade à necromancia de um morto-vivo?
Basta!
Benefício: uma vez por dia, um golpe seu pode ignorar qualquer camuflagem, imunidade e redução de dano do alvo. Se você errar o ataque, o uso diário não é perdido.
Trash, não? Mas é o mesmo caso do ataque furtivo com magias de toque. Se um funciona, o outra também deverá funcionar. E Basta! nem precisa que a magia seja de dano, só que faça um ataque de toque...
2 - É dito, na pág. 147 do módulo básico, que para magias de execução livre, apenas uma pode ser lançada por rodada. Esta regra se aplica apenas à magias que possuem o tempo de execução livre em seu cabeçalho ou governa todas as situações do jogo?

Se governa todas as situações, isto que dizer que a restrição descrita no talento Acelerar Magia é redundante, e que a habilidade Golpes Arcanos (Mago de Combate, Guia da Trilogia) só pode ser usada 1 vez por rodada mesmo se você possuir ataques múltiplos, correto?
3 - Habilidades como Truque Mágico (Ladino) cumprem pré-requisitos descritos pela frase "capacidade de conjurar magias de 1º nível"?

Me parece que conhecer uma ou mais magias (o que Truque Mágico dá) não é o mesmo que ter capacidade de lançar magias (o que a habilidade Magias dá). Um Ladino com Truque Mágico (Mísseis Mágicos) e Truque Mágico (Salto) não pode usar um pergaminho de Mãos Flamejantes sem testes. Então não tem capacidade de conjurar magias de nível 1º nível, apenas de conjurar magias específicas. Por isto, não cumpre o pré-requisito, correto?

Avatar do usuário
Guilherme
Administrador
Mensagens: 131
Registrado em: 06 Dez 2013, 11:32
Localização: Tiberus, Império de Tauron
Contato:

Re: Dúvidas de regras (tópico oficial)

Mensagem por Guilherme » 20 Dez 2014, 12:38

Pessoal,

Desculpem o sumiço. Tivemos muitos lançamentos e eventos no fim do ano e tive que ficar longe do fórum. Mas agora estou de volta.
1 - Posso usar o talento Basta! num ataque de toque de uma magia como Toque da Entropia (Manual do Arcano), e ignorar a imunidade à necromancia de um morto-vivo?
Basta!
Benefício: uma vez por dia, um golpe seu pode ignorar qualquer camuflagem, imunidade e redução de dano do alvo. Se você errar o ataque, o uso diário não é perdido.
Trash, não? Mas é o mesmo caso do ataque furtivo com magias de toque. Se um funciona, o outra também deverá funcionar. E Basta! nem precisa que a magia seja de dano, só que faça um ataque de toque...
Sim, pode. É bem apelão em alguns casos, mas... Mérito de quem descobriu o combo. Se o mestre achar que não rola, ele pode determinar que Basta! só funciona para ataques físicos. Mas, oficialmente, uma magia que exija uma jogada de ataque conta como um ataque.
2 - É dito, na pág. 147 do módulo básico, que para magias de execução livre, apenas uma pode ser lançada por rodada. Esta regra se aplica apenas à magias que possuem o tempo de execução livre em seu cabeçalho ou governa todas as situações do jogo?

Se governa todas as situações, isto que dizer que a restrição descrita no talento Acelerar Magia é redundante, e que a habilidade Golpes Arcanos (Mago de Combate, Guia da Trilogia) só pode ser usada 1 vez por rodada mesmo se você possuir ataques múltiplos, correto?
A regra da página 147 só se refere a magias com o tempo de execução de 1 ação livre.
3 - Habilidades como Truque Mágico (Ladino) cumprem pré-requisitos descritos pela frase "capacidade de conjurar magias de 1º nível"?

Me parece que conhecer uma ou mais magias (o que Truque Mágico dá) não é o mesmo que ter capacidade de lançar magias (o que a habilidade Magias dá). Um Ladino com Truque Mágico (Mísseis Mágicos) e Truque Mágico (Salto) não pode usar um pergaminho de Mãos Flamejantes sem testes. Então não tem capacidade de conjurar magias de nível 1º nível, apenas de conjurar magias específicas. Por isto, não cumpre o pré-requisito, correto?
É um pouco ambíguo. Como os requisitos (de classes de prestígio, por exemplo) normalmente dizem "capacidade de lançar magias de 1º nível", um Truque Mágico não serviria. Afinal, o personagem só pode lançar uma magia específica, não todas. Mas, de acordo com o mestre, Truque Mágico pode servir para preencher esses pré-requisitos.
Instruções para usar o tópico oficial de dúvidas de regras:

1. Antes de perguntar, confira o índice na primeira mensagem. Talvez sua dúvida já tenha sido respondida.

2. Só pergunte se a última mensagem for minha. Dúvidas que não sigam esta regra serão deletadas.

Trancado

Voltar para “Tormenta”