VIGILANTES-PROLOGO-INTANGIBILIDADE

Avatar do usuário
DragonKing
Mensagens: 579
Registrado em: 17 Abr 2018, 11:24

VIGILANTES-PROLOGO-INTANGIBILIDADE

Mensagem por DragonKing » 17 Jul 2018, 08:18



A humanidade era cega, incapazes de enxergar o mundo que havia ao redor dele e escondidos a plena vista. Tudo o que se sabia eram rumores e casos isolados de um monstro verde no Brasil e um bilionário voando com uma armadura tecnológica, porém a batalha de Nova Iorque mudou tudo.

Não estávamos sós no universo, pior não estávamos preparados para eles e então surgiram os Vingadores para proteger o planeta de ameaças globais. O clima pós guerra ainda existia apesar da esperança de dias melhores e segurança, os Vingadores se tornaram heróis lucrativos e admirados, contudo as centenas de mortes causadas pelas batalhas não foram esquecidas e abalaram uma sociedade já ferida com o 11 de Setembro do ano anterior.

Todos queriam ser um Vingador, mas poucos possuíam essa capacidade, na verdade em rodos os locais, na mídia ou em uma conversa informal, o questionamento eram igual: Quantos seres como Hulk e Thor existem na terra e quanto são perigosos para os cidadãos? Para que coisas assim não afetem a segurança nacional existe a S.H.I.E.LD uma organização paramilitar que protege o planeta encara individuo sobre ele de ameaças que seriam dignas de best sellers, porém para a maioria das pessoas a organização simplesmente não passa de uma lenda urbana.

Todos voltam para as suas vidas e tentam esquecer e lidar com o trauma de uma guerra a nível intergaláctico, mas em meio a essas pessoas pagando terapias e remédios existem aqueles que preferem fazer a diferença eles talvez não saibam, mas enquanto protegem sua vizinhança de criminosos e baderneiros, suas vidas estão sendo ligadas por uma força interdimensional, inquieta para sair de sua prisão.

Avatar do usuário
DragonKing
Mensagens: 579
Registrado em: 17 Abr 2018, 11:24

Re: VIGILANTES-PROLOGO-INTANGIBILIDADE

Mensagem por DragonKing » 17 Jul 2018, 21:36

MIGUEL
Você adentra o prédio sob os olhares e cumprimentos dos outros agentes, o prédio era mais uma das bases secretas da S.H.I.E.L.D e, ao contrário do Triskelion, o movimento de agentes era bem abaixo da média. Você para em frente ao elevador verificando seu relógio com receio de estar atrasado, quando um agente para o seu lado com as mãos no bolso e encarando a porta de metal cromado a frente de vocês.

-Fortunato...-Ele o cumprimenta serio sem trocar olhares.

Aquele era Grant Ward, um agente de campo de extremo gabarito, mas possuía a fama de ser arrogante e preferir agir sozinho. A porta do elevador se abre e logo após os agentes saírem vocês entram e quando ele porta o andar você descobre que estão indo para o mesmo andar. Os segundos que leva a subida do elevador é silenciosa e constrangedora e você se sente mais a vontade quando a porta se abre e vocês saem. Enquanto caminham pelo corredor de salas e escritórios Ward quebra o gelo.

-Soube da sua missão na Lapônia, eficiente, poderia ter sido melhor, mas eficiente.

Antes que você respondesse alguma coisa vocês dois são interrompidos por Maria Hill ela lhe pede para esperar na sala 17 e segue com Ward para outra sala. Você entra na sala e ela é só mais uma como outras que você já viu, uma mesa, três cadeiras e o emblema da SHIELD na parede. Você escolhe uma das cadeiras e espera tempo considerável, mas antes que a espera lhe incomode a porta se abre.

-Agente Fortunato, desculpe o atraso, assuntos de nível 7.—Maria Hill senta-se do outro lado da mesa a sua frente enquanto desliza os dedos por um tablet. —Seu histórico é excelente agente, uma porcentagem de sucesso de 96,8% , o que se diz pelos corredores é que foi pura sorte, concorda?

KAMIL
Você sempre foi um jovem das ciências e sua mente trabalha com empirismo, apenas metodologia e fatos mereciam espaço em seu imenso banco de memórias. Você lembra vagamente do que lhe ocorreu durante a batalha de Nova Iorque porém ao contrário do que as pessoas comuns passariam após um evento traumático, você não, medo ainda existia, mas em vez de lhe fazer se esconder ele lhe fortaleceu, fortaleceu o suficiente para que seguisse em frente sem se importar tanto com a sua experiência de quase morte. O cérebro era uma máquina incrível.

Como um prodígio você era um dos potenciais da faculdade, sempre enfurnado nos laboratórios e chamado de estranho pelo corredores, mal sabia elas que você era especial. Você estava sentado junto com tantos outros estudantes em uma das muitas palestras que a universidade disponibilizava, em uma delas estava o neurocientista alemão Ufrik Orzarov, você mantem toda a sua atenção ao homem, porém em algum momento você tem a impressão de que o cientista não tinha rosto, você pisca algumas vezes e parecia normal.

A palestra continua e você sente um frio anormal, sua vista embaça e ao abrir os olhos você vê todos os alunos olhando para você sem olhos nas órbitas, aquilo não lhe afetava mas lhe deixava incomodado, então o cientista começa a falar e você nota que não era a voz de Orzarov e nem possuía seu sotaque forte.

—Se sente vivo ou não? E agora se sente vivo? —Você sente sua pele queimar como se alguém estivesse cortando com uma lâmina cauterizada e a frase “Tomarei o que é meu” surge lentamente no seu braço. Você deixa seus pertencentes caírem no chão chamando a atenção para si, ao voltar a sanidade todos os alunos estão olhando para você ,alguns assustados outros rindo e Orelov o encara serio e incomodado.

-Gostaria de trocar de lugar comigo meu jovem?

Avatar do usuário
Padre Judas
Mensagens: 9062
Registrado em: 13 Dez 2013, 16:44
Localização: Belo Horizonte - MG

MIKE “THE LUCKY” FORTUNATO

Mensagem por Padre Judas » 18 Jul 2018, 18:05

Mike seguiu pelos corredores impessoais do prédio cumprimentando discretamente aqueles que conhecia. O trânsito estava horrível e ele precisara fazer um retorno ilegal em uma avenida próxima. Felizmente estava no horário.

Espera o elevador quando alguém familiar aparece a seu lado.
Grant Ward
Imagem
- Fortunato...
Mike “The Lucky” Fortunato
Imagem
- Ward…
Grant Ward e Mike Fortunato não tinham muito contato – se esbarravam no escritório, mas nunca trabalharam juntos. O cumprimento era diplomático. Seguiram pelo mesmo caminho sem realmente estarem juntos.
Grant Ward
Imagem
- Soube da sua missão na Lapônia, eficiente, poderia ter sido melhor, mas eficiente.
Fortunato levanta a sobrancelha e olha de esguelha para o colega. A missão havia sido perfeita, o pacote havia sido adquirido, nenhuma baixa fora computada – e a missão o deixara mais perto de descobrir o que era “Deathlok”. Sabia agora que a Cybertek pesquisava algo relacionado a próteses...

Antes que pudesse responder ao outro Maria Hill apareceu. Eles se separaram com um cumprimento rápido com a cabeça e Fortunato esperou. Por fim Hill retornou.
Maria Hill
Imagem
- Agente Fortunato, desculpe o atraso, assuntos de nível 7.
Mike “The Lucky” Fortunato
Imagem
- Não é um problema, senhora.
A agente senta-se e começa a mexer em um tablet.
Maria Hill
Imagem
- Seu histórico é excelente agente, uma porcentagem de sucesso de 96,8%, o que se diz pelos corredores é que foi pura sorte, concorda?
Mike “The Lucky” Fortunato
Imagem
- Sorte é quando a oportunidade encontra a preparação. E estou sempre preparado, senhora.
BAÚ DO JUDAS
JUDASVERSO

Alexander: Witch Slayer [Kaito_Sensei]
Dahllila: Relíquias de Brachian [John Lessard, TRPG]
Jonz: Tormenta do Rei da Tempestade [John Lessard, D&D5E]
Syrion: Playtest T20 [Aquila]
Takaharu Kumoeda: Crônicas do IdJ [Aquila]
Yellow: Defensores de Mega City [John Lessard]

Avatar do usuário
Maggot
Mensagens: 2136
Registrado em: 13 Jan 2014, 19:00

Re: VIGILANTES-PROLOGO-INTANGIBILIDADE

Mensagem por Maggot » 19 Jul 2018, 10:24

Queimava.

Tudo o que Kamil sentia era seu peito queimando enquanto seus pulmões se enchiam de sangue, sua caixa torácica esmagada com vários ossos fragmentados perfurando seus órgãos enquanto as pedras derrubadas pelos invasores esmagavam seu corpo. Mas haviam mesmo sido derrubadas pelos invasores? Ele se lembrava de ver um culto distintamente não Chitauri e...

Acordou. O mesmo pesadelo de sempre. A memória da batalha. Quem dera fosse apenas aquilo. Quando Kamil se levantou naquela manhã em seu quarto, as olheiras sob seus olhos revelavam o quão bem o rapaz havia dormido nos últimos meses.

Foi na palestra de Ufrik Orzarov que apagou pela segunda vez, dessa vez sem o toque de Morfeu. Apenas transitou, inconsciente, para outra realidade.


—Se sente vivo ou não? E agora se sente vivo?
A voz rosnava contra ele. Ele se lembrava daquela voz. Nunca se esqueceria. E agora era marcado, como propriedade. Rosnou. Queimava. Por dentro. E foi tomado por aquela sensação que o jovem Veidt falou palavras que imediatamente soube que iria se arrepender ao transitar novamente para o mundo real, queimando com frustração:

- Apenas se você não se importar, doutor.

Merda.
Imagem
- Six shots...
#FreeWeizen

Avatar do usuário
DragonKing
Mensagens: 579
Registrado em: 17 Abr 2018, 11:24

Re: VIGILANTES-PROLOGO-INTANGIBILIDADE

Mensagem por DragonKing » 19 Jul 2018, 12:40

MIGUEL

Maria Hill olha para você e pondera um pouco.

-Ótimo- Ela diz ao mover os dedos pelo tablet- Pois sua próxima missão exige preparação.

Ela move os dedos novamente e atrás dela, sobre a ogo da agencia, surge uma imagem holográfica com a foto de uma mulher bonita, de cabelos loiros e olhos claros, ao lado um video da mesma mulher chegando no aeroporto e caminhando pelo saguão, o vídeo segue ela até o ladod e fora onde ela entra em um táxi e as demais imagem mostra todo o trajeto dela até chegar a um hotel de luxo em Nova Iorque.

-Esta é Olga Shrienko, ela era um contato da SHIELD até desaparecer do mapa. Recentemente descobrimos que Olga tem trabalhado na Europa Oriental sob a identidade de Samantha Bruggenn vendendo tecnologia e artefatos alienígenas para quem puder pagar mais. O Agent Ward estava investigando rastros dela na França onde conseguiu recuperar um implante neural Chitauri, como Ward foi promovido ao nível 7 a missão está sendo transferida para você.

Ela se levanta e para do seu lado lhe entregando um envelope de cor negra com letras em vermelho vinho e dourado. Você analisa o envelope e percebe que se trata de um convite para uma festa no Hotel Bacarrat. A festa está no nome de uma socialite famosa na cidade herdeira de um bilionário britânico, o convite possui uma chip de identificação e as siglas V.I.P indica uma passagem segura.

-O chip não está codificado, basta por sua digital sobre ele e escolher que uma nova identidade será gerada a sua escolha. Sua missão é localizar Olga e de identificação e extração. Desconfiamos que Olga esteja em posse de um artefato Asgardiano e queira vender para um dos convidados, como já deve ter entendido sua missão é localizar o artefato, extraí-lo em segurança e trazê-lo para cá. Alguma pergunta?

Imagem
OLGA SHRIENKO

KAMIL
Todos riem com a sua resposta, o Orelov parece extremamente incomodado com a sua resposta e tira os óculos, ele faz um gesto e as luzes se acendem, clima fica claramente tenso e ele o encara sério. Os outros apenas ficam estáticos e trocam olhares entre você e o renomado cientista. Ele repousa os óculos sobre a mesa atrás e caminha até a borda do palco, o homem solta uma risada nervosa e coloca as mãos no bolso.

-Você deve ser o tipo de aluno exemplar, mas que adora fazer piadas em momentos inoportunos.-Uma das organizadoras da palestra se aproxima dele falando algo em seu ouvido lhe entregando um tablet, ele confirma com a cabeça e ela deixa o palco.-Kamil Veidt, dezessete anos, intercambista, ótimo desempenho acadêmico. Seu histórico é impressionante, porém a maturidade não parece acompanhar sua evolução intelectual. Você interrompe minha palestra de forma bastante rude e ainda por cima tem a audácia de me humilhar diante de todos esses alunos tão exemplares quanto o senhor?

Ele inicia uma caminhada pelo palco enquanto os alunos apenas acompanhavam atentos ao que ele dizia.

- O sarcasmo é um sinal claro de nível intelectual acima da média, uma forma superior de pensamento, estimula a criatividade e o raciocínio. Poucos conseguem pensar em uma resposta rápida e criativa assim, isso diz muita coisa sobre como um individuo dotado pensa e claro, como uma mente brilhante entre nós certamente nosso amigo Sokoviano tem algo importante para acrescentar.

Orzanov volta sua atenção novamente para você e se encosta na mesa cruzando os braços.

-Ainda continua sentado senhor Veidt? Estamos todos esperando.

Imagem
DOUTOR UFRIK ORZANOV

Avatar do usuário
Maggot
Mensagens: 2136
Registrado em: 13 Jan 2014, 19:00

Re: VIGILANTES-PROLOGO-INTANGIBILIDADE

Mensagem por Maggot » 20 Jul 2018, 11:28

- Ah, certo doutor. E, hã... Não era sarcasmo. Eu estava apenas propondo se o senhor estava interessado em participação em sua palestra. Debates e mudanças súbitas costumam despertar a atenção de pessoas que estavam desligadas. Como o senhor Miller na segunda fileira, terceira cadeira que nesse momento está usando o celular para enviar mensagens para duas... Não, três garotas diferentes.

O rapaz falava em sua voz rouca, o sotaque levemente afetando seu tom, enquanto se levantava e ia até o lado do Doutor Orzarov. - Como o Doutor Orzarov dizia, nesse campo existe um grande foco no mundo atual na busca pela ressuscitação cerebral de forma à não causar danos no mesmo. E como alguns já devem saber, recentemente tivemos alguns de nossos primeiros grandes avanços nessa área, não em pequena parte graças às contribuições do Doutor. - Levou a mão ao bolso direito, alcançando os óculos, enquanto sua visão propositalmente se desfocava para não ver ninguém ali. Era mais fácil. - Como todos sabem, reanimação cerebral após isquemia prolongada é limitada. Até não muito tempo atrás, experimentação era feita apenas com animais. Um projeto similar foi feito em 1992, mas agora, após...- Memórias. Trauma. A dor no peito voltou. Lembrou-se da voz e do fogo.

"Você se sente vivo?"

- Após a batalha de Nova York, foi possível a aplicação de um experimento teórico para salvar vidas. Onze pessoas foram salvas das portas da morte através de circulação extracorpórea para retorno das funções cardíacas, de forma a cessar a isquemia cerebral. Com monitoramento constante, três horas depois a capacidade de recuperação foi medida através de leituras eletrofisiológicas e procura e representação da distribuição regional de metabólitos de energia cerebral. - O rapaz respirou. - Graças às pesquisas do Doutor Orzarov, o sucesso foi total. Todos os pacientes apresentaram contração pupilar cerca de cinco minutos após o tratamento; Aonde antes, em casos similares, eram observadas áreas de deficiência de ATP's e Glicose e baixo pH, dessa vez a recuperação à longo prazo foi total. O estudo e o tratamento provaram que conseguimos superar as dificuldades pós-isquemia em ressuscitação cerebral, e que ECC é não apenas capaz de restaurar a capacidade metabólica e eletrofisiológica cerebral além do antigo limite de trinta minutos; E graças aos avanços em mapeamento e fornecimento de energia de fontes externas para o sistema nervoso central trazidos pelas pesquisas do Doutor Orzarov, foi possível superar barreiras nunca antes vistas. - O rapaz suspirou. As memórias voltavam incômodas. "Mera ciências humanas não lhe trouxeram de volta. " - Graças ao trabalho do Doutor Orzarov, a humanidade deu um passo à mais para superar a Morte.

Abaixou a cabeça.

Ele estava alguns passos na frente deles nisso, não estava?
Imagem
- Six shots...
#FreeWeizen

Avatar do usuário
Padre Judas
Mensagens: 9062
Registrado em: 13 Dez 2013, 16:44
Localização: Belo Horizonte - MG

MIKE “THE LUCKY” FORTUNATO

Mensagem por Padre Judas » 21 Jul 2018, 12:41

Maria Hill
Imagem
- Alguma pergunta?
Mike “The Lucky” Fortunato
Imagem
- Só uma. O que devo fazer com Shrienko? Eliminá-la? Prendê-la?
Após ouvir a resposta e ser dispensado, Mike começa a se preparar. Vai até sua mesa e estuda as informações do tablet minuciosamente. Também acessa a rede da SHIELD procurando detalhes adicionais – está particularmente interessado no cliente de Shrienko.

Acaba descobrindo algo sobre Victoria Wingate, filantropa herdeira de uma grande fortuna. Sem associações anteriores com criminosos.

Imagem
Mike “The Lucky” Fortunato
Imagem
- Hm... curioso.
Escolhe seu equipamento e parte para a missão. Ao chegar ao Hotel apresenta-se como “Bruce Wayne, grande empresário do ramo de tecnologia.”
Off:
Teste para Obter Informações sobre o cliente de Shrienko, Investigação+8, rolado 14, total 22. Três graus de sucesso.
BAÚ DO JUDAS
JUDASVERSO

Alexander: Witch Slayer [Kaito_Sensei]
Dahllila: Relíquias de Brachian [John Lessard, TRPG]
Jonz: Tormenta do Rei da Tempestade [John Lessard, D&D5E]
Syrion: Playtest T20 [Aquila]
Takaharu Kumoeda: Crônicas do IdJ [Aquila]
Yellow: Defensores de Mega City [John Lessard]

Avatar do usuário
DragonKing
Mensagens: 579
Registrado em: 17 Abr 2018, 11:24

Re: VIGILANTES-PROLOGO-INTANGIBILIDADE

Mensagem por DragonKing » 21 Jul 2018, 14:22

KAMIL

Orzalov ouve atentamente o que tem a dizer,não só ele como todos os alunos no auditório lotado, suas palavras soam com convicção e não se ouve mais nada além de você e ruídos externos. Quando você termina fica apenas o silencio, os olhos dos demais viajavam entre você e o cientista que não o encarava , apenas olhava para o chão pensativo, segundos depois ele inicia uma salva de palmas solitária pois os alunos não sabiam se ele estava parabenizando ou sendo sarcástico com você, mas ele não continua o debate, em vez disso ele retoma sua explicação quando foi interrompido deixando-o um pouco constrangido.

A palestra segue normalmente , ao ser finalizada todos começam a deixar o auditório, alguns trocam olhares com você ou fazem algum tipo de comentário sobre sua interrupção e a maioria simplesmente lhe chama de convencido. Você , para eivar ouvir mais acaba sendo um dos ultimo e segue a fila quando ouve seu nome ser chamado, era Orzalov , ele faz um gesto para que você se aproximasse.

-Você é tão inteligente quanto eu achei que fosse, Veidt. Fico feliz que minhas pesquisas foram uteis, porém o que você falou não passa de laboratorial escolar. Eu estou trabalhando em algo muito mais além e estou buscando um estagiário inteligente o bastante para meu trabalho e você parece ser essa pessoa. O que me diz?

MIGUEL

Luxo, essa era a palavra para definir tanto o hotel quanto os carros que chegavam na frente dele. você faz o mesmo, para na frente e entrega a chave ao manobrista. Você caminha pelo imenso hall de entrada em direção a recepção, você só precisa mostrar seu cartão com o convite e a recepcionista lhe indica o elevador, a cobertura era fechada e tomava praticamente todo o ultimo andar do hotel, apenas uma identificação digital podia liberar o andar. Ao entrar no elevador privativo você percebe que não há botões, apenas um scanner, você coloca o cartão sobre ele e a porta do elevador se fecha, quando ela abre novamente você é pego de surpresa pela musica e as conversas animadas dos que já tinham consumido alcool suficiente antes mesmo da festa iniciar de fato.

Você segue entre as pessoas, se identificando como um empresario do ramo da tecnologia, ninguém se importa muito se a historia é verdadeira e o foco maior é em se divertir apesar de você identificar muitas celebridades e rostos ligados ao Wall Street e conversando com um deles você identifica Olga. Hill deixou claro que ela não era sua missão principal e que a Agencia tinha planos para ela planos estes que não lhe foram revelados.

Avatar do usuário
Maggot
Mensagens: 2136
Registrado em: 13 Jan 2014, 19:00

Re: VIGILANTES-PROLOGO-INTANGIBILIDADE

Mensagem por Maggot » 23 Jul 2018, 22:11

O que havia começado como um momento desacordado, perdido em memórias daquele dia havia se tornado uma abertura para a melhor chance de sua vida. Não sorria, apesar da felicidade. Havia perdido aquela prática desde que a batalha ocorrera. O rapaz gaguejou levemente enquanto ajustava os óculos, antes de retirá-los ao lembrar que a apresentação havia acabado.

- Err, sim, claro senhor. Seria uma honra. Aonde... Aonde poderia começar? Digo, quando?

Voltava a sua falta de tom, confuso e tomado pela euforia mesmo sem demonstrar visualmente.
Imagem
- Six shots...
#FreeWeizen

Avatar do usuário
DragonKing
Mensagens: 579
Registrado em: 17 Abr 2018, 11:24

Re: VIGILANTES-PROLOGO-INTANGIBILIDADE

Mensagem por DragonKing » 25 Jul 2018, 06:27

Orzarov abre um sorriso em resposta a sua empolgação, mas logo retorna a seu senlante sério, ele pede para que você o esperasse do lado de fora do auditório enquanto ele se organizava. Você o espera por pouco tempo, logo anpprta se abre e o renomado cientista segue em sua direção.

— Repondendo a sua pergunta. Estou indo para o meu laboratório agora mesmo , gostaria de me acompanhar? Meu carro está logo alí.

O cientista segue em direção ao carro mesmo sem esperar por sua resposta, você percebe que há um motorista o aguardando demonstrando que ele realmente era uma pessoa influente. Ele abre a porta traseira insistindo para que você entre primeiro e ele o segue fechando a porta, porém você se surpreende ao perceber que havia uma mulher dentro do carro.

—Olá Kamil. Me chamo Carter, Sharon Carter.

O carro começa a se mover, a mulher estava vestida com roupas de executiva e havia uma pasta em seu colo da cor cinza, no centro da pasta havia um logotipo de uma ave, o logo possuía o padrão de organizações do governo, mas você não a reconhecia.

Imagem

SHARON CARTER

Responder

Voltar para “Dragon King's Den”