Ceia do dia do Reencontro

Sal e Tormenta

Ceia do dia do Reencontro

Por Em Sal e Tormenta Comentários Ceia do dia do Reencontro 3

Olá, pessoas glutonas queridas!

Mais um ano se aproxima do final, época bem propícia para confraternizações regadas a muita comida boa. Então, pensando nisso, aprontamos uma live preparando uma ceia completa para que você possa dividir com seus entes queridos.

Mas, como não poderia deixar de ser, em Arton a prática de reunir-se ao redor de uma mesa cheia de coisas gostosas uma vez por ano para comemorar uma data especial é bem comum. Mais precisamente, no Dia do Reencontro, data que os primeiros migrantes encontraram a estátua da deusa Valkaria onde erigiriam sua cidade, que se tornaria a maior e mais diversa do continente, um verdadeiro caldeirão cultural. Para manter o espírito gregário e aventureiro da deusa líder do panteão, os pratos tradicionalmente servidos são de várias origens e estilos.

Se você ainda não assistiu a live de Sal & Tormenta em que Vini e Elisa cozinham ao vivo enquanto o Matheus ataca de DJ, assista aqui.

4 tigelas com os 4 pratos da Ceia de Valkaria

Custos e a ceia em seu jogo

Diferente dos outros pratos, a ceia do Reencontro tem uma peculiaridade. Os benefícios só são obtidos se os pratos forem consumidos juntos, individualmente o benefício se resume a uma refeição gostosa.

A ceia do Reencontro é um banquete divino ainda mais especial. Preparado por pelo menos três devotos de deuses diferentes. Ao invés de o habitual 20 em ofícios culinária, a CD é 25 para fazer cada prato da ceia.

Se preparada com sucesso, a Ceia do Reencontro concede um benefício especial. Cada participante pode, uma vez pelo próximo ano, recuperar uma quantidade de PM igual ao seu nível.

Custo

A cada T$ 180 quatro pessoas são alimentadas. O máximo de pessoas que três devotos cozinheiros conseguem alimentar é 100.

Salada de Verão

Este prato refrescante e natural é atribuído aos elfos. O belo povo é famoso por seu gosto refinado e amor por alimentos frescos, assim nada melhor para alimentar bem e ainda refrescar o paladar depois de muita comida e bebida mais pesada.

Ingredientes

  • 3 xícaras de tomate cereja cortado ao meio
  • 1 xícara de melancia picada, sem sementes
  • 1 xícara e meia de pepino picado, sem sementes parcialmente descascado
  • 1 maço de hortelã
  • 1 maço de rúcula
  • 1 maço de agrião
  • 1 maço de manjericão
  • 2 limões Taiti
  • azeite e sal à gosto

Modo de fazer

  • Lave bem todos os ingredientes em água corrente e depois deixe de molho por 30 minutos em uma solução de hipocloreto de sódio e água (para cada litro de água, 1 colher de sopa de hipocloreto).
  • Misture os ingredientes com delicadeza em uma saladeira.

Mixórdia da Liberdade

Relatos dizem que esse prato foi descoberto por aventureiros no sopé das Montanhas Uivantes, ou nos charcos gelados que cercam a bacia do rio dos Deuses, mas mesmo com uma localização original incerta, o fato é que com o passar do tempo a receita foi modificada. Novos ingredientes foram sendo acrescentados pelos grupos de aventureiros, a verdade é que cada grupo tem sua própria receita. Escolhemos a mais popular nas guildas de aventureiros de Valkaria.

Ingredientes

  • 2 filés de peito de frango cozidos e desfiados (cozinhe-os com o tempero de sua preferência)
  • 3 cenouras raladas
  • 2 maçãs verdes em cubinhos
  • 1 talo de salsão picado
  • 1 cabeça de alho assada a 180c por 1 hora
  • 1 xícara de cevadinha hidratada por 1 hora e cozida por 40 minutos ou até ficar al dente
  • 1 xícara e meia de batata palha
  • 2 ovos
  • 1 colher de mostarda
  • óleo gelado (aproximadamente 1 xícara)

Modo de fazer

  • Primeiro, para fazer a maionese bata no liquidificador em velocidade alta os ovos, a mostarda, o alho. Quando estiver tudo bem misturado, vá acrescentando o óleo em um fio constante, sem desligar o liquidificador em velocidade alta. Quando a maionese estiver consistente, acrescente o sal a gosto e a reserve.
  • Misture os demais ingredientes em um refratário grande e acrescente a maionese até que todos os ingredientes estejam bem cobertos.
  • Reserve a batata palha e a deixe por último. Misture só na hora de servir.

Assado de Trobo


A estrela da Ceia do Reencontro geralmente é um prato principal com bastante carne para aplacar o apetite de todos os apreciadores. O tipo de carne pode variar bastante conforme o poder aquisitivo dos comensais e seus gostos pessoais. Mas mesmo com tantas opções, a mais famosa e apreciada ao longo por todo o Reinado é o Assado de Trobo.

Ingredientes

  • 1 rodela de pernil de porco de tamanho médio marinado em 700ml de cerveja preta
  • 1 xícara de açúcar mascavo
  • 1/4 de xícara de sal
  • 2 xícaras e meia de cogumelos da preferência
  • 1 xícara de cenoura cortada em rodelas grossas
  • 3 xícaras de cebola em pétalas
  • 1 colher de sopa de páprica defumada
  • 1 colher de mostarda
  • 1 maço de alecrim
  • 1 maço de tomilho

Modo de fazer

  • Em uma travessa funda coloque o sal, a páprica, o açúcar mascavo, o alecrim, o tomilho, a carne e a cerveja. Deixe a carne marinando por pelo menos 8h na geladeira.
  • No dia posterior, prepare a cama da carne com as cebolas, batatas e cogumelos. Acomode a carne sobre eles, despeje um pouco do líquido da marinada.
  • Leve a carne ao forno alto 240°C por mais ou menos 40 minutos. Desligue quando a carne estiver cozida e levemente dourada.

Assado de Trobo

Quikécest

Um prato delicioso encontrado inicialmente nas ruelas do bairro dos goblins. Dizem os conhecedores da história da gastronomia valkariana que um dia, um chef de um restaurante famoso passeava em busca de inspiração (historiadores goblins dirão que ele estava em busca de queijo de minotauro defumado), quando foi atraído pelo incrível aroma exalando de um prato na janela de uma casa humilde. Era o prato que ficou conhecido como quikéscest: ganhou lugar cativo em todos os banquetes e ceias de todos os lugares do Reinado.

Ingredientes

  • 100g de banana passa picada
  • 100g de uva passa
  • 1 xícara e meia de farinha de mandioca
  • 3 colheres de sopa de manteiga
  • 3 dentes de alho amassados
  • 1/2 cebola picada
  • 2 xícaras de bacon em cubinhos
  • 1 xícara de linguiça em cubinhos

Modo de Fazer

  • Frite o bacon na própria gordura, quando já estiver bem dourado acrescente a linguiça.
  • Em seguida, frite a cebola, quando ela já estiver transparente, acrescente o alho.
  • Ponha as duas colheres de manteiga para derreter, junte as bananas e a farinha aos poucos.

Comentários (3)

    1. Têm sim. Mas graças a seu apontamento, notamos que misturamos as regras com outra coisa que sairá semana que vem.

      O benefício pra esses pratos é “Se preparada com sucesso, a Ceia do Reencontro concede um benefício especial. Cada participante pode, uma vez pelo próximo ano, recuperar uma quantidade de PM igual ao seu nível.”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *