Crônica II - Heróis

Avatar do usuário
Senimaru
Mensagens: 3960
Registrado em: 22 Jul 2015, 21:23

Re: Crônica II - Heróis

Mensagem por Senimaru » 08 Mar 2016, 00:43

John Lessard escreveu:
Ele aponta sua espada para o lutador, em sinal de duelo e avança. A lâmina vem pela diagonal como um relâmpago. Tudo que Aldred consegue pensar é que espadachim era aquele? E depois a dor, quando um corte chega até seus músculos, abrindo a pele. O lutador cambaleia tonto, enquanto Alice conjura um feitiço sobre todos e cada um sente suas forças aumentarem. A garota porém se sente esgotada, mas reúne suas últimas forças e dobra o destino a seu favor, recuperando parte de seu poder mágico.
"Tsc.. vou sentir essa amanha...."
John Lessard escreveu:Aldred ainda de pé não perde tempo e revida abençoado pelo deus de Alice. A presa de serpente vindo por cima perfeitamente usada com uma postura de combate, ele encontra o ombro e então... Nada, a espada de Aldred para na armadura, sem nenhum dano. O olhar do cavaleiro lhe encontra.
"Se ouver uma amanha para mim..."
John Lessard escreveu: Hendrid toma sua decisão e ataca com sua adaga, porém a espada inimiga o bloqueia facilmente.

- Não pense que me esqueci de você aleijado.

Por último Kain lança suas ameaças e por fim sua magia. O raio púrpura que corta o ar e se desfaz em Gilthunder, sem nenhum efeito.

- Depois do bravo herói aqui, você será o próximo - ele falava para Kain.
"Mas parece que esqueceu de mim... ótimo vamos continuar assim... mas para isso você tem que continuar em pé Aldred...."
Alice agora focava na batalha deixando para fazer seus comentários mais tarde, ela ai ofega mas apenas um pouco.
Uso Curar ferimentos leves no Aldred mesmo que ele caia.
Tento sempre ficar fora da visão de Gilthunder sempre com alguém entre nós e mesmo sem magias silenciosas eu tento entoar o baixo possível.
Agora estou com 4/5 PM e 0/2 PA.
ImagemImagemImagem


Me? Mad? Haha... quite likely!

Avatar do usuário
Aldenor
Mensagens: 17589
Registrado em: 09 Dez 2013, 18:13
Localização: Curitiba, PR

Re: Crônica II - Heróis

Mensagem por Aldenor » 08 Mar 2016, 09:36

- AAAAAAAARGHH!!!!!!!!!!!!!!!

Aldred fraqueja e cambaleia tonto. A dor quente, sua camisa encharcada com seu próprio sangue.

"Eu... vou morrer?" o pensamento brota, quase o enlouquece de desespero.

O valkariano tira esse pensamento rapidamente balançando a cabeça. Lutando contra a fortíssima dor, ele avança com sua espada e desfere um golpe. E erra.

"Não dá, não dá, ele é forte demais! Eu vou morrer!"

Tudo que ele conseguiu lembrar foram dos anos de treinamento com Mestre Satoshi em Valkaria depois de sair da escola. Era um caminho constante, uma rotina interessante. Lembrou dos anos da Universidade Imperial, das festas e bailes com seus colegas. Lembrou de seus pais e de sua irmã.

"Sou muito novo para morrer... meus pais sofreriam demais!"

- Não se preocupe, sir, estou guardando o melhor para o final... - Ele disse tentando segurar o enjoo pela dor.

Assim, Aldred prepara para mais uma tentativa. Talvez a última.
well, well, well, a situação é péssima. Gilthunder agirá antes do turno de Aldred ou de Alice que o curaria. Então, pode ser que nada disso acima tenha sido válido, Aldred pode já estar morto no chão. Ou caído. Mas há algo que se possa fazer pra diminuir essa chance.

Se for atacado por Gilthunder, Aldred vai gastar 1 PE pra ativar o Aparar Ataque Corpo-a-Corpo. Ele fará uma jogada de ataque contra a jogada de ataque de Gilthunder. Se Aldred vencer, evita completamente o ataque. Se perder... bem, já era.

Se conseguir evitar o golpe de Gilthunder, se conseguir manter-se de pé até chegar sua vez, Aldred vai ser curado por Alice e vai se arriscar mais uma vez. Vai se mover do 7G para o 5H, andando 3 quadrados para flanqueá-lo. Para evitar o AdO, Aldred usará a manobra Cambalhota (TRPG Revisado, pág. 82). Um teste resistido de Acrobacia (Aldred tem +9 de Acrobacia) x Iniciativa de Gilthunder. Se passar, ele se move (gastando 6 quadrados, pq cambalhota custa o dobro de deslocamento) até o flanco para receber +2 nos ataques. Portanto, chegando a um total de +3 graças à benção de Alice. Para efeito visual, ele nao deu cambalhota de fato, ele deu um golpe fácil pro Gilthunder aparar e, usando o impulso, saltará por cima dele tipo isso aqui:
Imagem

Dessa forma, se tudo for dando certo até o momento, ele ataca. Pata do Leopardo + Ataque Poderoso (pq Gilthunder PRECISA perder PVs e eu tenho tao poucos): +8 (1d8+11, crítico 17-20).

E agora é rezar para John conseguir rolar pelo menos um 17zinho pra dar crítico... vamos, nunca te pedi nada hauhuauhauha
Imagem Imagem Imagem Imagem Imagem Imagem

Imagem Imagem

Avatar do usuário
JPFP
Mensagens: 295
Registrado em: 23 Mai 2015, 11:58
Localização: Malpetrim

Re: Crônica II - Heróis

Mensagem por JPFP » 10 Mar 2016, 17:53

Hendrid erra de novo, mas não se abala.

-É bom que não se esqueça de mim mesmo. — O rapaz diz, preparando-se para mais uma estocada.

"Dessa vez não posso errar. Vou cortar a garganta desse desgraçado."

Fazendo um movimento horizontal, em arco, Hendrid mira o pomo de Adão do homem. Queria degolá-lo logo e acabar com a luta de uma vez por todas, pois, aparentemente, Aldred não resistiria mais por muito tempo.
vamos matar esse cara logo. Vou usar Ataque Poderoso.

Avatar do usuário
Maggot
Mensagens: 2136
Registrado em: 13 Jan 2014, 19:00

Re: Crônica II - Heróis

Mensagem por Maggot » 10 Mar 2016, 18:39

- Hm... Isso é problemático. - Murmurou Sabbah. Não podia parar porém. Colocou mais uma flecha no arco, puxou e atirou. Uma flecha de cada vez, cada mísero acerto contava. Mas Gilthunder tinha que morrer.
Mesma coisa da última vez. Flecha nele.
Imagem
- Six shots...
#FreeWeizen

Avatar do usuário
Lord Seph
Mensagens: 13715
Registrado em: 09 Dez 2013, 17:50

Re: Crônica II - Heróis

Mensagem por Lord Seph » 10 Mar 2016, 18:54

Aquilo fora deveras cansativo. Talvez tivesse sido melhor outra alternativa, mas seu poder era escarso e Kain não teria outra chance. Ele usaria seu poder para ferir Gilthunder e tentar resgatar Alicia. Kain temia que seu ataque tenha ferido a garota gravemente.

Verme! Queime junto com esse sangue imundo e desapareça de nossas vidas junto com as almas que devorastes!.

Kain mais uma vez invoca o que resta de seu poder para ferir seu inimigo.
Bem, vou lançar meu último míssel mágico e depois disso tentarei ir até a Alicia
.
Melhor queimar do que apagar aos poucos.
-Neil Young.
o lema dos 3D&Tistas
"-seremos o ultimo foco de resistência do sistema"
Warrior 25/ Dark Knight 10/ Demi-God.

Avatar do usuário
John Lessard
Mensagens: 5204
Registrado em: 10 Dez 2013, 11:03
Contato:

Re: Crônica II - Heróis

Mensagem por John Lessard » 11 Mar 2016, 20:43

Capítulo 4
A Ira de Gilthunder


Sabbah murmura algo e continua com sua mesma estratégia. A flecha voa contra ele e mais uma vez se despedaça contra a armadura. Por sua vez, o cavaleio prepara mais um ataque com sua espada e golpeia um Aldred ferido. A espada vez rápida e o lutador se prepara para se defender, mas ele era rápido demais, superior demais. O aço morde a pele e corta como se fosse papel, mas de uma maneira delicada e treinada. O sangue tinge toda a roupa do rapaz, quando ele cai de joelhos e depois de rosto no chão, derrotado em uma poça de seu próprio sangue.

Gilthunder o olha com desdém.

- Pois bem, o próximo é você - ele aponta sua espada para Kain.

Enquanto isso Alice tenta ficar fora de vista e curar trata de curar Aldred que tombou, porém seu poder não é suficiente para cura-lo, e embora pareça estabilizado, continua caído sem consciência.

Hendrid perante a situação prepara mais um ataque com sua nova adaga, porém focando-se mais em matar do que em realmente ferir o inimigo ele vê sua lâmina ser desviada com arrogância pela manopla de Gilthunder e de repente ele se lembra de sua época como gladiador, onde lhe ensinaram que não se devia tentar separar uma cabeça de um corpo, quando se há lugares tão mortalmente mais fáceis de acertar.

Kain se sentia cansado mais atrás e invoca resquícios de magia e lanças dois dardos de energia contra o cavaleiro que o atingem em cheia no peito. Ele anda recua frente ao impacto.

- Vai pagar por isso mago...
_______________________________
Ordem de Iniciativa: Sabbah, Gilthunder, Alice, Aldred, Hendrid e Kain

Aldred: -2 Pv's.
------------------------------------------
Imagem
Personagens em Pbfs:
Imagem Imagem Imagem Imagem Imagem

Avatar do usuário
Senimaru
Mensagens: 3960
Registrado em: 22 Jul 2015, 21:23

Re: Crônica II - Heróis

Mensagem por Senimaru » 14 Mar 2016, 07:36

John Lessard escreveu: Sabbah murmura algo e continua com sua mesma estratégia. A flecha voa contra ele e mais uma vez se despedaça contra a armadura. Por sua vez, o cavaleio prepara mais um ataque com sua espada e golpeia um Aldred ferido. A espada vez rápida e o lutador se prepara para se defender, mas ele era rápido demais, superior demais. O aço morde a pele e corta como se fosse papel, mas de uma maneira delicada e treinada. O sangue tinge toda a roupa do rapaz, quando ele cai de joelhos e depois de rosto no chão, derrotado em uma poça de seu próprio sangue.

Gilthunder o olha com desdém.

- Pois bem, o próximo é você - ele aponta sua espada para Kain.

Enquanto isso Alice tenta ficar fora de vista e curar trata de curar Aldred que tombou, porém seu poder não é suficiente para cura-lo, e embora pareça estabilizado, continua caído sem consciência.
"Tsc, isso ta ficando fora de controle... acertem o filho da mãe!"

Isso era o que Alice queria gritar mas o não era o melhor momento para isso.

-Serpent Benedition - Nidhoog Drool.

Alice sussurra enquanto tenta colocar Aldred em condições de batalhar novamente mas ao perceber que ele não levantava fez uma pequena careta.

"E você, pare de me dar tanto trabalho!"
John Lessard escreveu: Hendrid perante a situação prepara mais um ataque com sua nova adaga, porém focando-se mais em matar do que em realmente ferir o inimigo ele vê sua lâmina ser desviada com arrogância pela manopla de Gilthunder e de repente ele se lembra de sua época como gladiador, onde lhe ensinaram que não se devia tentar separar uma cabeça de um corpo, quando se há lugares tão mortalmente mais fáceis de acertar.
"Vamos lá, façam algo de útil... me deem algo que possa aproveitar..."
John Lessard escreveu:Kain se sentia cansado mais atrás e invoca resquícios de magia e lanças dois dardos de energia contra o cavaleiro que o atingem em cheia no peito. Ele anda recua frente ao impacto.

- Vai pagar por isso mago...
Aproveitando o momentum que Gilthunder é acertado e distraído (acho, já que ele virou para dar um Taunt) pela magia da Kain, Alice aproveita para tentar levantar Aldred.

"Vamos lá "heroi"... Levante... o aleijado ta sendo mais útil que você.... mais uma vez"
Uso mais uma vez Curar ferimentos Leves no Aldred visando a mesma estrategia da ultima rodada.
Agora com 3/5 PM e 0/2 PA.
ImagemImagemImagem


Me? Mad? Haha... quite likely!

Avatar do usuário
Aldenor
Mensagens: 17589
Registrado em: 09 Dez 2013, 18:13
Localização: Curitiba, PR

Re: Crônica II - Heróis

Mensagem por Aldenor » 14 Mar 2016, 08:24

O escuro foi apenas um momento.

Seus olhos abriram com violência e seus dentes rangiam de raiva. A dor ainda era incômoda, mas ele sofria mais uma dor no ego, na alma.

"Fui derrotado. Era esperado, esta é minha primeira grande luta... Mas não se trata só de lutar. Há uma pessoa inocente dependendo de nós. De mim."

Aldred salta do chão e rola para trás de Gilthunder. No mesmo movimento ele gira o corpo com sua espada visando suas costas.
SE Aldred acordar finalmente, ele vai se levantar como ação livre sem gerar AdO com um simples teste de Acrobacia CD 20 (TRPG Revisado, pág. 82) e se posicionara de modo a ficar flanqueando com alguém do grupo (afinal, não sei onde Giltrovão vai se posicionar). Daí vou atacar SEM Ataque Poderoso...
O ataque será +10 (+3 Força, +2 BBA, +2 Pata do Leopardo, +1 Benção, +2 Flanco) com 1d8+7 de dano, crítico 17-20.

Na próxima rodada, se ele tentar me atacar, vamos lá com Aparar Ataque Corpo-a-Corpo. Ainda tenho 2 PE sobrando.
Imagem Imagem Imagem Imagem Imagem Imagem

Imagem Imagem

Avatar do usuário
JPFP
Mensagens: 295
Registrado em: 23 Mai 2015, 11:58
Localização: Malpetrim

Re: Crônica II - Heróis

Mensagem por JPFP » 14 Mar 2016, 18:04

"Ele matou Aldred"

Foi o que Hendrid pensou inicialmente, e tudo parecia perdido. Contudo, Alice conseguiu curar o Lutador, e Hendrid logo recuperou as esperanças. Iria acertar Gilthunder desta vez. Não havia mais margem para erro.
Vou atacar mais uma vez com a adaga. Se errar o primeiro ataque, vou usar um PA para ter mais uma ação padrão e atacar de novo

Avatar do usuário
Lord Seph
Mensagens: 13715
Registrado em: 09 Dez 2013, 17:50

Re: Crônica II - Heróis

Mensagem por Lord Seph » 14 Mar 2016, 18:33

Não havia muito o que fazer. Kain havia gastado todas as suas forças e sobrara apenas truques baratos. Então que assim seja.

Da mais negra noite veja estrelas sorrirem diante de ti e que iluminem sua alma vazia.

Realmente não havia muito o que fazer nessa situação.
Se eu sobreviver ao ataque vou conjurar Globos de Luz e lançarei todos os quatro globos na cara do Gilthunder e ver se pelo menos atrapalho sua visão durante o combate
.
Melhor queimar do que apagar aos poucos.
-Neil Young.
o lema dos 3D&Tistas
"-seremos o ultimo foco de resistência do sistema"
Warrior 25/ Dark Knight 10/ Demi-God.

Responder

Voltar para “Uma aventura normal de Tormenta”