TRPG - O Fragmento do Caos (OFF) (Fechado)

Avatar do usuário
Lucena
Mensagens: 4033
Registrado em: 13 Jan 2015, 21:24

Re: Tormenta RPG - O Fragmento do Caos (OFF) (Sem Vagas)

Mensagem por Lucena » 24 Jan 2017, 13:52

Vou por Ignan (língua elemental do fogo) e Anão na ficha.
Everything Lives!

Código: Selecionar todos

[quote="Pelleas"][img]https://i.imgur.com/qkSeY1p.png[/img]
 [/quote]

Avatar do usuário
Aldenor
Mensagens: 17588
Registrado em: 09 Dez 2013, 18:13
Localização: Curitiba, PR

Re: Tormenta RPG - O Fragmento do Caos (OFF) (Sem Vagas)

Mensagem por Aldenor » 24 Jan 2017, 14:02

Caso alguém queira saber da onde to tirando essa língua dracônica, é daqui:
http://draconic.twilightrealm.com/
Imagem Imagem Imagem Imagem Imagem Imagem

Imagem Imagem

Avatar do usuário
Padre Judas
Mensagens: 9062
Registrado em: 13 Dez 2013, 16:44
Localização: Belo Horizonte - MG

Re: Tormenta RPG - O Fragmento do Caos (OFF) (Sem Vagas)

Mensagem por Padre Judas » 25 Jan 2017, 12:30

Um cavalo conseguiria pular esses buracos na ponte sem problemas?
BAÚ DO JUDAS
JUDASVERSO

Alexander: Witch Slayer [Kaito_Sensei]
Dahllila: Relíquias de Brachian [John Lessard, TRPG]
Jonz: Tormenta do Rei da Tempestade [John Lessard, D&D5E]
Syrion: Playtest T20 [Aquila]
Takaharu Kumoeda: Crônicas do IdJ [Aquila]
Yellow: Defensores de Mega City [John Lessard]

Avatar do usuário
Aquila
Mensagens: 3394
Registrado em: 10 Dez 2013, 13:49
Localização: Lamnor
Contato:

Re: Tormenta RPG - O Fragmento do Caos (OFF) (Sem Vagas)

Mensagem por Aquila » 25 Jan 2017, 13:08

Padre Judas escreveu:Um cavalo conseguiria pular esses buracos na ponte sem problemas?
Seria possível sim, mas isso exigiria uma grande habilidade do cavaleiro.

Existem quatro espaços quebrados na ponte, quatro lugares onde os arcos de pedra ruíram, restando somente um pequeno amontoado de pedras entre as vigas. O menor espaço, com aproximadamente três metros de largura, está perto dos aventureiros. Um cavalo pode pular esse espaço sem problema. Os outros três espaços são maiores, variando entre 5 e 7 metros de largura.

É possível para um cavalo saltar, mas o movimento deve ser preciso, e em um deles o espaço para pegar impulso é muito pequeno (somente o espaço sobre uma viga).

Passando em um teste de Cavalgar com CD 25 um cavaleiro consegue saltar. Uma falha resulta em queda, cujo resultado depende da margem de falha. Na melhor das hipóteses o cavaleiro cai em um dos espaços da ponte, mas o cavalo cai no rio; na pior, os dois caem no rio.

Por fim, um cavalo pode passar sobre as pedras que sobraram, assim como qualquer pessoa. Embora estreitas,as passagens de pedra permitem que um cavalo consiga passar, se conseguir evitar o medo de cair.

Avatar do usuário
Lucena
Mensagens: 4033
Registrado em: 13 Jan 2015, 21:24

Re: Tormenta RPG - O Fragmento do Caos (OFF) (Sem Vagas)

Mensagem por Lucena » 25 Jan 2017, 13:35

Acho que o Romulus vai ficar de fora dessa. Penalidade de armadura + fobia racial e talz. Pelo menos deixa as atividades do grupo bem distribuidas. Aldred que tem Atletismo e Acrobacia bons é a melhor opção.
Everything Lives!

Código: Selecionar todos

[quote="Pelleas"][img]https://i.imgur.com/qkSeY1p.png[/img]
 [/quote]

Avatar do usuário
Aldenor
Mensagens: 17588
Registrado em: 09 Dez 2013, 18:13
Localização: Curitiba, PR

Re: Tormenta RPG - O Fragmento do Caos (OFF) (Sem Vagas)

Mensagem por Aldenor » 25 Jan 2017, 15:05

É, Aldred vai tentar fazer seu Atletismo +7 para saltar as partes mais fáceis (CD 10) e uma Acrobacia +8 (Equilíbrio CD 15) para andar nas partes mais difíceis.
  • "Equilíbrio: você pode se equilibrar ao andar em superfícies precárias, como um piso escorregadio (CD 10), o alto de um muro estreito (CD 15) ou uma corda esticada (CD 20). Cada ação de movimento em uma situação dessas exige um teste de Acrobacia. Em caso de sucesso você consegue andar metade do seu deslocamento; se falhar, não consegue andar; e se falhar por 5 ou mais, você cai."
(TRPG Revisado, p. 82)
Imagem Imagem Imagem Imagem Imagem Imagem

Imagem Imagem

Avatar do usuário
Padre Judas
Mensagens: 9062
Registrado em: 13 Dez 2013, 16:44
Localização: Belo Horizonte - MG

Re: Tormenta RPG - O Fragmento do Caos (OFF) (Sem Vagas)

Mensagem por Padre Judas » 01 Fev 2017, 09:15

A correnteza desse rio é fraca? Não é uma corredeira?
BAÚ DO JUDAS
JUDASVERSO

Alexander: Witch Slayer [Kaito_Sensei]
Dahllila: Relíquias de Brachian [John Lessard, TRPG]
Jonz: Tormenta do Rei da Tempestade [John Lessard, D&D5E]
Syrion: Playtest T20 [Aquila]
Takaharu Kumoeda: Crônicas do IdJ [Aquila]
Yellow: Defensores de Mega City [John Lessard]

Avatar do usuário
Aquila
Mensagens: 3394
Registrado em: 10 Dez 2013, 13:49
Localização: Lamnor
Contato:

Re: Tormenta RPG - O Fragmento do Caos (OFF) (Sem Vagas)

Mensagem por Aquila » 01 Fev 2017, 12:47

Padre Judas escreveu:A correnteza desse rio é fraca? Não é uma corredeira?
A correnteza não é fraca. Eu citei várias vezes o quanto o rio está cheio por causa da chuva da noite anterior, então se alguém quiser pular na água, prepare-se para uma dificuldade alta no teste de Atletismo.

Avatar do usuário
Aldenor
Mensagens: 17588
Registrado em: 09 Dez 2013, 18:13
Localização: Curitiba, PR

Re: Tormenta RPG - O Fragmento do Caos (OFF) (Sem Vagas)

Mensagem por Aldenor » 01 Fev 2017, 12:49

Perguntando melhor, é necessário mesmo pular na água? Fiquei confuso.
Imagem Imagem Imagem Imagem Imagem Imagem

Imagem Imagem

Avatar do usuário
Aquila
Mensagens: 3394
Registrado em: 10 Dez 2013, 13:49
Localização: Lamnor
Contato:

Re: Tormenta RPG - O Fragmento do Caos (OFF) (Sem Vagas)

Mensagem por Aquila » 01 Fev 2017, 12:56

Aldenor escreveu:Perguntando melhor, é necessário mesmo pular na água? Fiquei confuso.
Não é necessário pular na água. Enquanto Romulus segue por um lado, o restante do grupo segue pelo outro, procurando nas margem rochosas. Pular na água é uma medida um pouco insana, mas se alguém quiser fazer...

Kallyan ouviu os pensamentos da garota, mas apesar da dor, não sentiu nenhuma urgência além do fato dela estar ferida.
Editado pela última vez por Aquila em 01 Fev 2017, 12:58, em um total de 1 vez.

Responder

Voltar para “Herdeiros da Guerra”