MALDITOS KOBOLDS! -Recrutamento

Avatar do usuário
Darkphoenix
Mensagens: 9
Registrado em: 14 Out 2017, 23:00
Localização: Em algum lugar de Pyra
Contato:

Re: MALDITOS KOBOLDS! -Recrutamento

Mensagem por Darkphoenix » 16 Out 2017, 16:07

Aldenor escreveu:Em tempo, alguns termos do teu projeto de jogo podem ser discutidos?

Discussão
a) Por favor, não use atributos de elite. Não nos compare a reles NPCs. Em resumo: "deixa os garoto brincá!". Ponha a compra de pontos: 20 pontos para atributos; 7 custa -4 pontos; 8 custa -2 pontos; 9 custa -1 ponto; 10 custa 0; 11 custa 1 ponto; 12 custa 2 pontos; 13 custa 3 pontos; 14 custa 4 pontos; 15 custa 6 pontos; 16 custa 8 pontos; 17 custa 11 pontos; 18 custa 14 pontos. Além de nos deixar diferentes dos outros NPCs, nos dá mais espaço, liberdade de criação mesmo.

b) Você conhece a iniciativa TELEGRAM DA JAMBÔ? A maior parte dos PbFs ativos hoje em dia usa esse aplicativo (que não precisa necessariamente estar instalado no celular, basta um número apenas para receber um código de confirmação por SMS, mas vc pode totalmente usar no computador através do telegram.org) para criar chats onde funcionam os OFF dos jogos. Ou seja, onde a galera conversa sobre o jogo, sobre os personagens, e, melhor de tudo, fazem rolagens dos dados! Sim, existe bots de roladores de dados. Fica tudo mais fácil e dinâmico.

c) Peço encarecidamente que repense o uso da tabela de acertos (e erros) críticos do Manual do Combate. Sei que a ideia é tentadora e pa, mas os danos podem ser severos demais aos jogadores e tornar a rotatividade de personagens muito alta. Se isso acontecer, é grande a chance do jogador que gostava tanto de seu personagem, ficar bolado com sua perda devido a um reles crítico com efeito extra. E o próximo personagem dele, te garanto, vai gerar menos empolgação ou satisfação do jogador.

Dúvidas
1) Na construção do personagem, nós temos que ter alguma motivação própria para dedicar nossa vida à exploração de masmorra ou o próprio jogo vai nos impor isso externamente? Tipo, eu tenho que ser um cara que tem por explorar masmorra um sonho de vida... ou vai ser tipo Sword Art Online onde eu fico obrigado a fazer essa atividade? eheheheh

2) Qual o ano que começará o jogo? Isso é extremamente importante pra mim porque tenho muitos personagens já colados na cronologia oficial do cenário.

3) Você utilizará a regra do Ataque de Oportunidade? Aconselho que não hauahauhau

Comentários:
Achei bem interessante permitir que o talento ganho pela Desvantagem seja somente um regional, ambiental ou racial. Não muda tanto assim, mas dá um valor específico para a Desvantagem. Muito bem bolado.

Geralmente a postura proibitiva (seja de classe ou talentos) eu não vejo com bons olhos. Eu acho que dar maior liberdade ao jogador é de suma importância para mantê-lo interessado no jogo. Porém, neste caso onde a exploração de masmorras será a temática prioritária, acho que dá pra cortar alguns mesmo que poderiam desequilibrar (no mal sentido) o jogo.
Vamos lá:
a)Eu não gosto que combem, mas se é pela alegria do povo, e felicidade geral da Nação, digo ao povo que COMBEM

b)Não conhecia! Vou me registrar... o computador precisa ser windows 8 ou 10, feito o Whats'app?

c) Eu gosto de deixar os jogadores cautelosos, e gosto de combates viscerais. Mas, pensando bem, talvez não combine tanto com o jogo (acho que ferimentos permanentes funcionam melhor em jogos de terror), eu irei usar só a tabela de falhas críticas. Eu não a acho tão pesarosa (e as vezes, o número que saí nela não trás problema algum), e ela é mais galhofa que tudo. Além disto, eu acho mais justo vocês poderem rolar do quê eu inventar as coisas que vocês sofrem.

1)Eu sugiro que vocês discutam entre si mesmos (já que, aparentemente, todos até agora vão formar o grupo Alpha) um background em comum. Serem parte de uma organização de detetizadores, ou coisa do tipo. Caso não queiram, acho melhor para mim que seus históricos envolvam mais vontade de aventura do quê ser forçados à isto, se bem que ser sequestrado por Kobolds é uma ideia interessante...
Resumo: É proibido fazer Background triste ou sozinho, mas se quiser, pode. :D

2)1410, não consigo narrar nada no passado de Arton, em especial, numa aventura lvl 1.

3)Não. Dá muita dor de cabeça, e aqui o combate já vai ser mais lento...
"Elfo bom, é elfo morto. Enterrado em pé, pra poupar espaço no cemitério."

Avatar do usuário
Darkphoenix
Mensagens: 9
Registrado em: 14 Out 2017, 23:00
Localização: Em algum lugar de Pyra
Contato:

Re: MALDITOS KOBOLDS! -Recrutamento

Mensagem por Darkphoenix » 16 Out 2017, 16:17

Mælstrøm escreveu:Pensando no personagem eu também tive uma dúvida devido as regras do jogo.

Você diz que grimórios e varinhas são necessárias, mas e os bardos? Imagino que pela natureza particular de sua magia, eles só precisem ter acesso ao objeto de Atuação para conjurá-las, não é mesmo? No caso, eu pretendo fazer uma elfa barda e futuramente cavaleira feérica que tem Atuação (oratória).
No caso, acho que para atuação oratória seria necessário o uso de alguma roupa especial (já que o de música seria um instrumento musical, e o de dança, uma fantasia). Afinal, oradores normalmente vão bem elegantes :ugeek:. Até porque a maioria das pessoas presta atenção mais em imagens do quê em som, então no caso seria alguma roupa chamativa, feita pelo seu estilista favorito (outro bardo, provavelmente :lol: ) ou dado por alguém especial, para você (sua musa/ seu divo). Acho suficiente: mais fácil de conseguir do quê o do abençoado, mas ainda mantendo o problema que é ser um conjurador.
"Elfo bom, é elfo morto. Enterrado em pé, pra poupar espaço no cemitério."

Avatar do usuário
Senimaru
Mensagens: 3960
Registrado em: 22 Jul 2015, 21:23

Re: MALDITOS KOBOLDS! -Recrutamento

Mensagem por Senimaru » 16 Out 2017, 16:46

Devo fazer um samurai velho.
ImagemImagemImagem


Me? Mad? Haha... quite likely!

Avatar do usuário
Wiccan
Mensagens: 544
Registrado em: 20 Set 2016, 10:36

Re: MALDITOS KOBOLDS! -Recrutamento

Mensagem por Wiccan » 16 Out 2017, 17:15

Uma p´revia da personagem pode haver alterações.

Atributos iniciais 17 14 14 11 12 8,

Imagem
Nome: Winx Flabella
Raça: Sprite
Classe: Guerreira
Tendência: Caótica e Neutra
Sexo: Feminino Idade: 120 anos Divindade: Nenhuma Tamanho: Minimo Deslocamento: 3m/12m Idiomas: Valkar e Silvestre Desvantagem: Mira Ruim

FOR 14 (+2) DES 18 (+4) CON 12 (+1) INT 10 (+0) SAB 12 (+1) CAR 10(+0)
CA: 20 (+0 Nível, +4 Destreza, +2 Racial,+4 Armadura) PV: 21 PA 1

Resistências:
Fortitude: +3 Reflexos: +4 Vontade: +1

Ataques:
Corpo-a-corpo: +5
Ataque Desarmado +5 (1, 20 x2).
Machado Grande +5 (1d8+2, 20 x3)
Machado Grande com Investida Aprimorada +9 (1d8+2,20 x3)
Machado Grande com Investida Aprimorada e Investida Aérea +9 (1d8+2 x2 , 20 x3)

Distância: +2

Perícias: Iniciativa(Des)+8,Percepção(Sab)+5, Furtividade(Des)*+12

*Não Treinada

Talentos:
Talentos Adicionais: Usar Armaduras (leves, médias e pesadas), Usar Armas (simples e marciais), Usar Escudos, Fortitude Maior.
Regional: Aventureiro Nato (Força)
Desvantagem: Prosperidade
Nível: Investida Aprimorada

Habilidades Raciais:
+4 Destreza, +2 Carisma, -2 Constituição, -4 Força.,classe de armadura +2, +2 nas jogadas de ataque e +8 em testes de Furtividade

Habilidades de Classe:
Investida Aérea

Tibares: 70 to
Equipamentos:
Kit do Aventureiro[10to], Camisa Cota de Malha[100 to],Machado Grande[20 to],4x Poção de Curar Ferimentos Leves(200)
Imagem

Avatar do usuário
Aldenor
Mensagens: 17581
Registrado em: 09 Dez 2013, 18:13
Localização: Curitiba, PR

Re: MALDITOS KOBOLDS! -Recrutamento

Mensagem por Aldenor » 16 Out 2017, 18:36

Darkphoenix escreveu:Vamos lá:
a)Eu não gosto que combem, mas se é pela alegria do povo, e felicidade geral da Nação, digo ao povo que COMBEM
Não, bicho, não é pra combar. É pra ter liberdade só. Meu boneco será um humano ranger, então... dificilmente será combado ahahahaha.
Darkphoenix escreveu: b)Não conhecia! Vou me registrar... o computador precisa ser windows 8 ou 10, feito o Whats'app?
Não sei das especificações, mas é bem fácil. Funciona como o Whatsapp mesmo, mas tu não precisa estar com o celular ligado ou conectado na internet pro Telegram funcionar. Tem essa versão de navegador, mas também tem a versão client, que é um programa separado do telegram: https://telegram.org/apps indo na opção Desktop Apps > Telegram for Windows/Mac/Linux. Quando tu baixar e fizer seu perfil, me manda por MP o seu @ que te acho lá.
Darkphoenix escreveu:c) Eu gosto de deixar os jogadores cautelosos, e gosto de combates viscerais. Mas, pensando bem, talvez não combine tanto com o jogo (acho que ferimentos permanentes funcionam melhor em jogos de terror), eu irei usar só a tabela de falhas críticas. Eu não a acho tão pesarosa (e as vezes, o número que saí nela não trás problema algum), e ela é mais galhofa que tudo. Além disto, eu acho mais justo vocês poderem rolar do quê eu inventar as coisas que vocês sofrem.
Mas a galhofa por meio da aleatoriedade dos dados pode fazê-la brotar em momentos inoportunos... acho que funciona melhor para RPG de mesa, ao vivo, quando todo momento é momento de descontrair. Pelo caráter do PBF ser mais lento, acho que os momentos "cômicos" podem ser planejados e tal, como uma cena, uma fala, uma ação engraçada... não um erro num momento que pode servir de alívio cômico só pros outros, não pra quem sofreu heheeheh.
Darkphoenix escreveu:1)Eu sugiro que vocês discutam entre si mesmos (já que, aparentemente, todos até agora vão formar o grupo Alpha) um background em comum. Serem parte de uma organização de detetizadores, ou coisa do tipo. Caso não queiram, acho melhor para mim que seus históricos envolvam mais vontade de aventura do quê ser forçados à isto, se bem que ser sequestrado por Kobolds é uma ideia interessante...
Resumo: É proibido fazer Background triste ou sozinho, mas se quiser, pode. :D
Beleza, a minha ideia inicial é fazer um Humano Ranger com um passado bem simples (que é expandido se você buscar na árvore genealógica, embora eu acho que não seja tão útil numa campanha tão focada em localidades).
Darkphoenix escreveu:2)1410, não consigo narrar nada no passado de Arton, em especial, numa aventura lvl 1.
Ótimo, 1410 é o best ano mesmo ahuehuehuea.
Darkphoenix escreveu:3)Não. Dá muita dor de cabeça, e aqui o combate já vai ser mais lento...
Ótimo, os PBFs estão começando a abandonar os AdO mesmo.
Imagem Imagem Imagem Imagem Imagem Imagem

Imagem Imagem

Avatar do usuário
Mælstrøm
Mensagens: 1415
Registrado em: 09 Set 2016, 17:51

Re: MALDITOS KOBOLDS! -Recrutamento

Mensagem por Mælstrøm » 16 Out 2017, 19:28

Darkphoenix, você falou bastante desses kobolds e sobre dedetização. A campanha vai ter como adversário apenas kobolds? Poderemos ter pretensões de alçar níveis altos?

Particularmente, não gosto da ideia de criar histórico em conjunto, mas se a maioria quiser tudo bem.

Avatar do usuário
Darkphoenix
Mensagens: 9
Registrado em: 14 Out 2017, 23:00
Localização: Em algum lugar de Pyra
Contato:

Re: MALDITOS KOBOLDS! -Recrutamento

Mensagem por Darkphoenix » 16 Out 2017, 19:59

Aldenor escreveu:
Darkphoenix escreveu:Vamos lá:
a)Eu não gosto que combem, mas se é pela alegria do povo, e felicidade geral da Nação, digo ao povo que COMBEM
Não, bicho, não é pra combar. É pra ter liberdade só. Meu boneco será um humano ranger, então... dificilmente será combado ahahahaha.
Darkphoenix escreveu: b)Não conhecia! Vou me registrar... o computador precisa ser windows 8 ou 10, feito o Whats'app?
Não sei das especificações, mas é bem fácil. Funciona como o Whatsapp mesmo, mas tu não precisa estar com o celular ligado ou conectado na internet pro Telegram funcionar. Tem essa versão de navegador, mas também tem a versão client, que é um programa separado do telegram: https://telegram.org/apps indo na opção Desktop Apps > Telegram for Windows/Mac/Linux. Quando tu baixar e fizer seu perfil, me manda por MP o seu @ que te acho lá.
Darkphoenix escreveu:c) Eu gosto de deixar os jogadores cautelosos, e gosto de combates viscerais. Mas, pensando bem, talvez não combine tanto com o jogo (acho que ferimentos permanentes funcionam melhor em jogos de terror), eu irei usar só a tabela de falhas críticas. Eu não a acho tão pesarosa (e as vezes, o número que saí nela não trás problema algum), e ela é mais galhofa que tudo. Além disto, eu acho mais justo vocês poderem rolar do quê eu inventar as coisas que vocês sofrem.
Mas a galhofa por meio da aleatoriedade dos dados pode fazê-la brotar em momentos inoportunos... acho que funciona melhor para RPG de mesa, ao vivo, quando todo momento é momento de descontrair. Pelo caráter do PBF ser mais lento, acho que os momentos "cômicos" podem ser planejados e tal, como uma cena, uma fala, uma ação engraçada... não um erro num momento que pode servir de alívio cômico só pros outros, não pra quem sofreu heheeheh.
Certo então.Acho seu argumento cabível.
Darkphoenix escreveu:1)Eu sugiro que vocês discutam entre si mesmos (já que, aparentemente, todos até agora vão formar o grupo Alpha) um background em comum. Serem parte de uma organização de detetizadores, ou coisa do tipo. Caso não queiram, acho melhor para mim que seus históricos envolvam mais vontade de aventura do quê ser forçados à isto, se bem que ser sequestrado por Kobolds é uma ideia interessante...
Resumo: É proibido fazer Background triste ou sozinho, mas se quiser, pode. :D
Beleza, a minha ideia inicial é fazer um Humano Ranger com um passado bem simples (que é expandido se você buscar na árvore genealógica, embora eu acho que não seja tão útil numa campanha tão focada em localidades).
Acredite, esta história de árvore genealógica pode ser útil. Uma das caracteristicas dessas "megas masmorras" é o fato delas terem sido exploradas por gerações.
Mælstrøm escreveu:Darkphoenix, você falou bastante desses kobolds e sobre dedetização. A campanha vai ter como adversário apenas kobolds? Poderemos ter pretensões de alçar níveis altos?
Não. Os kobolds vão ser os vilões iniciais, talvez até os vilões finais, mas haverá vários monstros. Tudo que pode ser encontrado no subterrâneo (e algumas coisas que não deveriam ser encontradas lá), podem aparecer.Outra característica dessas masmorras é que, apesar de uma certa coesão, algum ser vivo (ou morto-vivo) destoante pode aparecer. As masmorras não são algo normal, e quanto mais se exploram, mais bizarras ficam, até o ponto que algumas coisas ficam tão estranhas que... (já deu pra entender, né?)

Particularmente, não gosto da ideia de criar histórico em conjunto, mas se a maioria quiser tudo bem.
O grupo não é obrigado. Duas pessoas podem fazer sua história em conjunto, e as outras três fazerem separada.
"Elfo bom, é elfo morto. Enterrado em pé, pra poupar espaço no cemitério."

Avatar do usuário
Lucena
Mensagens: 4033
Registrado em: 13 Jan 2015, 21:24

Re: MALDITOS KOBOLDS! -Recrutamento

Mensagem por Lucena » 16 Out 2017, 20:06

Como vão ficar devotos de Deuses Menores? Estou fazendo um Clérigo Menor e preciso saber que tipos de talentos posso acessar. Só rola Menores que saíram oficial ou pode escolher um Poder Concedido qualquer para ser o único daquele deus (ou Talento de Domínio se quiser limitar mais)?

P.S. A ideia atual é servir a Deusa Menor das Águas Doces, Nerelim. Mas pode mudar se eu achar um Menor que combine mais com a campanha.
Everything Lives!

Código: Selecionar todos

[quote="Pelleas"][img]https://i.imgur.com/qkSeY1p.png[/img]
 [/quote]

Avatar do usuário
Senimaru
Mensagens: 3960
Registrado em: 22 Jul 2015, 21:23

Re: MALDITOS KOBOLDS! -Recrutamento

Mensagem por Senimaru » 16 Out 2017, 20:56

Aldenor escreveu: Beleza, a minha ideia inicial é fazer um Humano Ranger com um passado bem simples (que é expandido se você buscar na árvore genealógica, genealógica, genealógica, genealógica......
Farei um Maedoc killer......

Imagem
ImagemImagemImagem


Me? Mad? Haha... quite likely!

Avatar do usuário
Necromancer Ignaltus
Mensagens: 410
Registrado em: 07 Jan 2014, 13:09
Localização: Araguaína - TO

Re: MALDITOS KOBOLDS! -Recrutamento

Mensagem por Necromancer Ignaltus » 17 Out 2017, 23:37

Eu fiz o meu alquimista guerreiro de primeiro nível. A minha vontade era de combar na fabricação alquímica, mas o lance logo de início é sobreviver. Ele fabrica as próprias armas, pois possui o talento regional "Armeiro Dedicado", e espero que o mestre aprove: como se pode ler, eu dei bom uso do "Manual do Arcano", assim como da cessão de "Itens e Serviços" do Manual Básico. Todos os itens alquímicos escolhidos possuem CD 15 para fabricação, e o valor ainda cai pela metade pelo talento Alquimista Avarento: óleo (de lampião), óleo inflamável, ácido, água congelante, bálsamo restaurador, tocha.

Só me restou uma dúvida, se o personagem irá realmente precisar do trobo, senão poderia se dispemsar o bicho e a sela, gastando todo o recurso em bálsamo ou antitoxina para o grupo. Por favor, deixem me saber da vossa opinião a respeito.
Imagem
Nome: Aphega “Nox Hydrox” Kss.
Raça: Humano.
Classe: Guerreiro.
Tendência: Caótico & Neutro.
Sexo: Masculino Idade: 15 anos.
Divindade: Nenhuma.
Tamanho: Médio.
Deslocamento: 9m.
Idiomas: Valkar, Anão, Élfico, Goblinoide.
Desvantagem: Stigma Arcana – Sofre das desvantagens do talento “Ao Sabor de Destino”, vida 3x menor do que um ser humano saudável.

FOR 12 (+1) DES 19 (+4) CON 13 (+1) INT 17 (+3) SAB 10 (+0) CAR 08 (-1)
CA: 16/20 (+0 Nível, +4 Destreza, +2 Armadura/+4 especialização em combate).
PV: 21/21.
PA 1.

Resistências:
Fortitude: +3, Reflexos: +4, Vontade: +0.

Ataques:
Corpo-a-corpo: +2,
Ataque Desarmado +2 (1d3+1For, 20 x2),
Adaga +2 (1d4 + 1For, 20 x2),
Picareta +2 (1d6 + 1For, 20 x4).

Distância: +5,
Frasco +8 (1d4 /corte+1 For +2 granadeiro +1 armeiro dedicado + 1d6 fogo/ou 2d4 ácido, 20x2).

Perícias:
Adestrar Animais (Car) +4;
Atletismo (For) +5;
Cavalgar Animais (Des) +8;
Iniciativa (Des) +8;
Intimidação(Car) +4;
Ofícios (Int): Alquimia +14, Armaria +8, Posologia +8;
Percepção (Sab) +4;
Conhecimentos (Int): Arcano +8 (racial), Natureza +8 (racial).

Talentos:
Talentos Adicionais: Usar Armaduras (leves, médias e pesadas), Usar Armas (simples e marciais), Usar Escudos, Fortitude Maior.
Regional: Armeiro Dedicado.
Raciais (2): Foco em Perícia – Alquimia, Alquimista Avarento.
Desvantagem: Faz-Tudo.
1º Nível: Especialização em Combate.
Técnica de Luta: Granadeiro.

Habilidades Raciais:
+2 em duas habilidades, 2 talentos extras, 2 perícias treinadas, não necessariamente de classe.

Habilidades de Classe:
Técnica de Luta.

Tibares: 0 T.O. 7 T.P 2 T.C.

Equipamentos:
Trobo [20 T.O],
Sela de montaria [10 T.O],
Mochila [2 T.O, 1kg],
Odre [1 T.O, 2kg]
Traje do Explorador [1T.O, 2kg],
Corselete [10 T.O, 7 kg],
Capa (Resistência+1 contra efeitos climáticos ñ. Mágicos) [1 T.O, 1kg],
Picareta [8 T.O, 3kg],
Avental (Ofícios +1) [1 T.O, 1kg],
Luvas de Trabalho (Ofícios +1, Ladinagem -1) [5 T.O, 0.25 kg],
4 Bálsamo Restaurador (+ 2d4 pvs) [ 16 T.O, - kg],
4 Óleo Inflamável [6 T.O, 2 kg],
4 Ácido [6 T.O, 2kg],
4 Água Congelante [6 T.O, 2kg],
7 Ração de Viagem [3 T.O, 3.5kg],
20 Óleo de Lampião [3 T.P, 10kg],
2 tochas [3T.C, 1kg].

Responder

Voltar para “Malditos Kobolds”