Herança - Ato XIX - De Volta à Folha Prata

Avatar do usuário
Matheus
Mensagens: 30
Registrado em: 26 Out 2017, 19:42

Re: Herança - Ato XIX - De Volta à Folha Prata

Mensagem por Matheus » 16 Out 2018, 02:42

-É um enorme prazer conhecê-lo, Destur. Me chamo Petúnia! - Disse o pequeno arbustinho, terminando com uma pequena saudação puxando o vestido.
-Eu e meu marido estávamos vagando por aí, procurando uma boa cidade para criar a criança que está para nascer, e acabamos vindo parar no lugar errado na hora errada também! - Petúnia se aproximou mais do estudioso de poções - Sabe, você pode estar certo, eles podem encontrar os assassinos e o cerco acabar. Ou não. E isso me preocupa muito entende? Sem uma boa alimentação a saúde do bebê pode ficar comprometida... Você chegou a pensar em algum plano B para uma situação assim? Por que com certeza nós estamos pensando e toda ajuda é bem-vinda...

Avatar do usuário
Armageddon
Moderador
Mensagens: 501
Registrado em: 07 Dez 2013, 17:22
Localização: Timbó, SC
Contato:

Re: Herança - Ato XIX - De Volta à Folha Prata

Mensagem por Armageddon » 18 Out 2018, 21:16

- Fazendo novos amigos, Destur? - falou um sujeito também muito alto, aproximando-se dos dois. Parecia ser ainda mais jovem do que Nick Fish, e muito mais asseado. Petúnia reparou também em seus olhos incrivelmente verdes. Tão verdes que não podiam ser humanos.

- Ah, olá Kallyan. Imaginei que estaria aqui também - comentou Destur, cumprimentando-o.

- É claro que sim, já que fomos presos juntos - respondeu o mago com um sorriso. Estendeu a mão para a pequena goblin, e também para o Paladino com ela - Me chamo Kallyan. Sou colega de profissão do meu bom Destur aqui - e, num sussuro apenas para ambos - Ele é meio distraído, mas uma ótima pessoa.

- Todos nós somos boas pessoas até que se prove o contrário - cortou Nick, momentaneamente de mau humor - Mas a verdade é uma só. Estamos aqui nessa armadilha sem previsão de sairmos tão cedo.

- Confesso que achei que não veria uma Gaiola Tapistana tão cedo - concordou o mago - Estamos no Império à apenas duas semanas e já acabamos envolvidos nesse terrível caso.

- A morte do interventor é motivo suficiente para nos prenderem aqui por semanas - concordou Petúnia, aparentemente, a pessoa que estava há mais tempo em Tollon - Vão esperar que a fome comece a soltar a língua dessa gente toda!

- Pra ser sincero, estou faminto - respondeu Destur - Quanto tempo até servirem o jantar?
Resumo rápido pro Kallyan: vocês estão em Folha Prata, uma cidade próxima a Follen, no Império de Tauron. O interventor da cidade, Peritus, foi morto por um grupo de baderneiros que passavam por aqui (leia-se, os personagens jogadores).

O novo interventor, Titus Chifrus, organizou então uma Gaiola Tapistana: TODO MUNDO que for levemente suspeito, seja da própria cidade, sejam viajantes como vocês, foi colocado dentro de uma cerca vigiada, sem água nem comida até que se descubra quem matou Peritus.

Informações úteis são premiadas com a liberdade.
FAKE NEWS garante uma passagem só de ida pro Reino dos Deuses.

Bem vindo ao jogo!=D
Imagem

Avatar do usuário
Padre Judas
Mensagens: 9062
Registrado em: 13 Dez 2013, 16:44
Localização: Belo Horizonte - MG

KALLYAN DE CALLISTIA

Mensagem por Padre Judas » 19 Out 2018, 08:35

Imagem

Kallyan andava pela jaula incomodado. Era tudo muito sujo e desconfortável – ele era um aventureiro, mas gostava de certa dose de limpeza. E também estava com fome.

Particularmente, desprezava Tapista e sua atitude. Era legítimo ter ambição, querer ser mais – não à toa apoiava a Liga Independente, pois acreditava que o Reinado era engessado demais para permitir a nações crescerem por si mesmas. Sem falar que agora mergulhava em uma guerra civil provocada por um bando de imbecis que afirmavam seguir sua Deusa – um acinte, uma ofensa sem tamanho. Mas Tapista era algo ruim, uma nação que se erguia sobre os ombros de escravos, os “fracos” sustentavam os “fortes”, seguindo uma ideologia truncada e essencialmente hipócrita.

O mago havia sido enviado pelo Prof. Edrinn para investigar uma anomalia temporal na região – era um pesquisador e não tinha intenções hostis com ninguém ali. Apesar disso o interventor covarde se atrevia a aprisiona-lo, assim como tantos inocentes. A vontade dele era simplesmente desaparecer, levando quantos mais pudesse, mas sabia que não poderia salvar todos – e para onde aquelas pessoas iriam? A maioria eram cidadãos fracos, incapazes de erguer-se contra os desmandos da tirania táurica. Era preciso encontrar uma solução que beneficiasse a todos.

Aproximou-se de Dastur, que estava “fazendo amizade” com um curioso casal – um homem e uma goblin. Olhou para a sacerdotisa (ou seria paladina) de Khalmyr que estava amarrada e amordaçada. “Hm... muitos devotos da Justiça podem ver os crimes das pessoas... bem, eu também posso – com alguma dificuldade.”

Cumprimentou os dois e comentou sobre a Gaiola. Dartur, distraído, perguntou sobre o jantar.
Kallyan de Callistia
Imagem
– Não vão nos dar nenhum jantar, Dartur! O plano é nos fazer passar fome!
Olha ao redor, curioso.
Kallyan de Callistia
Imagem
– Não posso ficar parado enquanto uma serva da Justiça está em apuros... mesmo que seu deus tenha aprisionado Valkaria.
Aproximou-se da mulher.
Kallyan de Callistia
Imagem
– Saudações, senhora. Irei libertá-la, mas precisa se acalmar.
Com um movimento rápido e alguns gestos arcanos, conjurou uma lâmina de água e usou-a para cortar as correntes que prendiam a mulher. Afastou-se um pouco para deixa-la espreguiçar-se e terminar de se soltar.
Kallyan de Callistia
Imagem
– Agora... precisamos tirar os inocentes deste lugar horrível. Não concorda?
Off:

Uso Ataque Mágico (água) para cortar as correntes, gasto 1 PM para FA=H2+1 PM+1d(4)=7.
BAÚ DO JUDAS
JUDASVERSO

Alexander: Witch Slayer [Kaito_Sensei]
Dahllila: Relíquias de Brachian [John Lessard, TRPG]
Jonz: Tormenta do Rei da Tempestade [John Lessard, D&D5E]
Syrion: Playtest T20 [Aquila]
Takaharu Kumoeda: Crônicas do IdJ [Aquila]
Yellow: Defensores de Mega City [John Lessard]

Avatar do usuário
João Paulo
Moderador
Mensagens: 295
Registrado em: 06 Dez 2013, 14:45
Localização: Uiraúna - Paraíba
Contato:

Re: Herança - Ato XIX - De Volta à Folha Prata

Mensagem por João Paulo » 23 Out 2018, 20:16

– Yo no creo... Eu não acredito que fazer tumulto vá resolver a situação. Soltar aquela sacerdotisa que estava presa também não. Tive essa ideia antes, mas logo atentei ao falo dela estar até amordaçada. Concluí que era melhor deixar assim ou levantaria mais suspeitas dos minotauros.

– Acreditem ou não, eles são astutos. Precisamos ficar vários passos à frente deles. E é por isso que confio na pequena aqui - abraçou Petúnia.

Avatar do usuário
Armageddon
Moderador
Mensagens: 501
Registrado em: 07 Dez 2013, 17:22
Localização: Timbó, SC
Contato:

Re: Herança - Ato XIX - De Volta à Folha Prata

Mensagem por Armageddon » 23 Out 2018, 23:36

- Você disse alguma coisa? - perguntou Kallyan após efetuar o gesto arcano. A água do solo encharcado de chuva subiu em torno dele, crescendo em volume e velocidade, até formar uma lâmina tão fina quanto um pergaminho, porém, capaz de cortar até mesmo o metal das amaras que mantinham a paladina presa firmemente ao poste.

- Si! Eu disse! - cortou Nick fechando os punhos. A paladina rapidamente se livrou das outras amarras e arrancou a mordaça, com um grito fervoroso de alegria e ódio:

- LIBERDADE! Obrigada, mago! Khalmyr irá estender um tapete DIRETO E RETO até Ordine no dia em que sua alma deixar este mundo! Você será recebido com festa, pois hoje ajudou uma guerreira sagrada em dificuldades!

A voz da mulher era, assim como ela própria, forte e poderosa. Girando um dos braços para fazer o sangue circular, apontou para Nick, e com o olhar feroz, sentenciou:

- Eu sou capaz de ver que também é um paladino menor, señor - tornou ela - Mas não é apenas por isso que perdoo sua indecisão ao me libertar. Pelo menos você fez mais do que praticamente todos aqui!

- Olha, moça, é melhor você baixar um pouco o tom de voz e nos ouvir - tentou Nick com Petúnia logo atrás dele, agarrada às vestes do falso marido - Você pode ter escapado da panela, mas ainda estamos no fogo.

- Pois é, ainda estamos presos aqui nessa gaiola - comentou Petúnia - Se os minotauros perceberem que há algum tipo de...

- Ah, mas eu faço questão de que saibam! É bom que todos ouçam que Meeren Espada Direita não permitiu que algum inocente sofresse com a injustiça! Khalmyr vult!

Destur ouviu o chamado da mulher e enfim se levantou, esticando as costas. De pé, era ainda maior do que qualquer pessoa que Petúnia jamais imaginou existir. Até mesmo Kallyan, que era bem mais alto que Nick Fish, mal alcançava seu peito em altura. O homenzarrão deu um tapinha nas costas do professor da Academia Arcana e, com um sorriso no rosto gentil, disse:

- Parece que vamos ter um pouco de movimento aqui, não é?
- Estava na hora de fazer alguma coisa por essas pessoas! - sorriu em resposta.

De fato, atendendo ao chamado às armas da paladina, muitos dos que estavam sorumbáticos na prisão resolveram se mexer. Os minotauros, notando a movimentação incomum dentro da Gaiola Tapistana, começaram a cercar o lugar portando escudos e lanças. Um deles, fazendo uso de magia para ampliar a própria voz, avisou:

- Todos vocês, se afastem dos muros! Até mesmo tocar a madeira será considerado uma infração às leis Tapistanas! Voltem a se reunir no centro do patio e aguardem!

- LIBERDADE! - gritava Meeren, por sua vez, incitando as pessoas. A tensão aumentou cada vez mais, até que um dos cativos, talvez empurrado por alguém, talvez apenas perdendo o equilíbrio devido a confusão, acabou caindo de encontro às paredes da Gaiola Tapistana. Imediatamente, o minotauro adjacente o atacou com uma lança, derrubando-o ferido ao chão. Os gritos de revolta explodiram, e o povo atacou!
Roleplay, galera. =D
Imagem

Avatar do usuário
Padre Judas
Mensagens: 9062
Registrado em: 13 Dez 2013, 16:44
Localização: Belo Horizonte - MG

KALLYAN DE CALLISTIA

Mensagem por Padre Judas » 24 Out 2018, 11:44

Imagem

Ele havia libertado a paladina cujo vozeirão combinava bem com sua aparência. Ela falou sobre ir pra Ordine...
Kallyan de Callistia
Imagem
– Obrigado pela oferta, mas eu prefiro ir pra Odisseia...
Falou mais para si do que para qualquer outro. A guerreira sagrada começou a incitar a população e Kallyan sorriu. Não gostava de Tapista, não se incomodava de criar problemas para o Império.
Kallyan de Callistia
Imagem
– VAMOS MOSTRAR PARA ESSES CORNOS QUE NÃO SOMOS FRACOS! A ÚNICA LINGUAGEM QUE ESTES SELVAGENS ENTENDEM É A VIOLÊNCIA, ENTÃO VAMOS LHES DAR VIOLÊNCIA!
Ao seu comando, uma esfera de gelo formou-se em suas mãos e acertou a grade.
Off:

Gasto 5 PMs para usar Ataque Mágico (água) nas grades. Quero arrebentá-las.

FA=H2+5 PM+1d(1)=8.
BAÚ DO JUDAS
JUDASVERSO

Alexander: Witch Slayer [Kaito_Sensei]
Dahllila: Relíquias de Brachian [John Lessard, TRPG]
Jonz: Tormenta do Rei da Tempestade [John Lessard, D&D5E]
Syrion: Playtest T20 [Aquila]
Takaharu Kumoeda: Crônicas do IdJ [Aquila]
Yellow: Defensores de Mega City [John Lessard]

Avatar do usuário
João Paulo
Moderador
Mensagens: 295
Registrado em: 06 Dez 2013, 14:45
Localização: Uiraúna - Paraíba
Contato:

Re: Herança - Ato XIX - De Volta à Folha Prata

Mensagem por João Paulo » 30 Out 2018, 09:48

- Não posso deixar que nada aconteça a você - dirigiu-se a Petúnia - Estamos desarmados. Inicialmente, não faremos muito. Não posso arriscar sua segurança e a do bebê.

A situação era muito incômoda para Nick. Outrora estivera preso pelos minotauros e fora resgatado pelos novos companheiros. No subterrâneo da cidade, quando precisaram de ajuda no combate contra Peritus, sua performance não foi das melhores. Petúnia, que havia chegado há pouco, já havia livrado sua pele. Nick era um guerreiro sagrado e não estava acostumado a essa mudança de papeis. Por isso não deixaria que nada de mal acontecesse com Petúnia, que para piorar a situação, estava grávida.

- Quando o fuzuê começar, veremos melhor como vamos agir. Até lá, fique comigo.

Avatar do usuário
Matheus
Mensagens: 30
Registrado em: 26 Out 2017, 19:42

Re: Herança - Ato XIX - De Volta à Folha Prata

Mensagem por Matheus » 31 Out 2018, 21:36

Petúnia concordou com Nick. Era melhor se misturar na multidão por enquanto, e eventualmente lançar algumas granadas nos minotauros, de longe, para tentar ajudar na batalha.

- Eu não gosto como as coisas estão se encaminhando, tudo que a gente tentou fazer deu errado, perdemos totalmente o controle dessa situação. Eu vou me esconder e pensar num jeito de ajuda-los de longe, não posso sair no soco com esses minotauros. - Antes de tentar se misturar na multidão, olhou para Nick para uma última brincadeira. -Que triste termos que lutar contra o padrinho de nosso próprio filho, não é mesmo, mi amor?

Avatar do usuário
Armageddon
Moderador
Mensagens: 501
Registrado em: 07 Dez 2013, 17:22
Localização: Timbó, SC
Contato:

Re: Herança - Ato XIX - De Volta à Folha Prata

Mensagem por Armageddon » 01 Nov 2018, 21:00

Nick deu uma gargalhada sincera, pegou Petúnia no colo e se preparou. Ao lado dele, Kallyan concentrou suas forças, e a água do solo subiu em volta, ressecando as plantas e a própria terra que rachou em volta. Toda a água havia sido drenada e agora girava em turbilhão em torno dele. Com um comando, aquela coluna líquida jorrou de encontro a madeira, atingindo a precária parede da gaiola tapistana.

O papel daquele arremedo de barreira era muito mais intimidar do que realmente impedir a fuga de alguém. Ao contrário, os minotauros estavam ansiosos para que alguém tentasse. Quando o ataque de Kallyan atingiu os muros, derrubando-os, quatro legionários minotauros deram um passo adiante e assumiram a posição, formando uma parede de escudos.

Meeren assumiu a batalha, avançando de mãos nuas contra o grupo, abalroando os escudos com os ombros. Um dos minotauros caiu, mas foi imediatamente substituído por outro, que atacou com a lança. A paladina foi rápida e segurou a arma, que não a feriu. Estava tentando conseguir alguma coisa para se defender.

Em volta, as reações eram distintas. Algumas pessoas, a maioria viajantes que haviam sido apanhados de surpresa pela situação ou os jovens mais afoitos, tentavam escapar de todo jeito, seja atacando os minotauros, seja esquivando-se da melhor forma possível para ir embora dali. Os moradores, indecisos e com muito mais a perder, tentavam permanecer atrás da turba guiada por Meeren. Era nesse grupo que Nick e Petúnia se encontravam.

Diante deles, Kallyan e Destur estavam frente a frente com dois minotauros. O gigantesco herbolário sacou uma poção de dentro das vestes e arremessou de encontro ao oponente, transformando-o em um sapo! O outro legionário, porém, não se deixou abater e atacou o mago-professor. Talvez devido a surpresa por ter ficado momentaneamente sozinho, o golpe foi péssimo, errando o oponente por muito.
O legionário rolou 1, atualizo com o resultado da tua rolagem quando jogar no telegram =D

Avatar do usuário
Padre Judas
Mensagens: 9062
Registrado em: 13 Dez 2013, 16:44
Localização: Belo Horizonte - MG

KALLYAN DE CALLISTIA

Mensagem por Padre Judas » 03 Nov 2018, 22:24

Imagem

Kallyan se via diante de um dos legionários, mas não tinha a menor intenção de lutar tão diretamente.
Kallyan de Callistia
Imagem
– Lamento, cabeça de vaca, mas não vou dançar com você.
Realizou alguns gestos rápidos e entoou algumas palavras arcanas. Segurou no braço de Destur com uma mão e no do rapaz que segurava a goblin – uma batalha não era um lugar para grávidas, o mago sabia. Ao dar um passo à frente todos desapareceram para reaparecer no alto de um telhado próximo – um que ele suspeitava ser capaz de suportar o peso deles.
Kallyan de Callistia
Imagem
– NÃO ESMOREÇAM! CONTINUEM FIRMES!
Não tinha a menor intenção de fugir, claro, apenas adotar uma posição mais apropriada.
Off:

Gasto 8 PM para Teleportação levando eu, Destur, Nick e Petúnia para o alto de um telhado que seja obviamente capaz de nos suportar sem desabar.
BAÚ DO JUDAS
JUDASVERSO

Alexander: Witch Slayer [Kaito_Sensei]
Dahllila: Relíquias de Brachian [John Lessard, TRPG]
Jonz: Tormenta do Rei da Tempestade [John Lessard, D&D5E]
Syrion: Playtest T20 [Aquila]
Takaharu Kumoeda: Crônicas do IdJ [Aquila]
Yellow: Defensores de Mega City [John Lessard]

Responder

Voltar para “Tormenta Alpha - Herança”